História - land of angels - - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, Mitologia Grega, Originais
Personagens Castiel, Debrah, Iris, Kim, Lysandre, Nathaniel, Personagens Originais, Rosalya
Visualizações 4
Palavras 285
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


┏┓┏┳━━┳┓┏┓┏━━┓┏┓
┃┗┛┃━━┫┃┃┃┃╭╮┃┃┃
┃┏┓┃━━┫┗┫┗┫╰╯┃┗┛
┗┛┗┻━━┻━┻━┻━━┛┏┓
┗┛

Capítulo 4 - - quarto capítulo - - uma decisão deve ser tomada -


Fanfic / Fanfiction - land of angels - - Capítulo 4 - - quarto capítulo - - uma decisão deve ser tomada -

         《 vespera do natal 》

 《  07:47 da manhã》

Nove meses se passaram desda última vez que vi Castiel, mais as vezes sinto, que seria melhor se ele não me visse mais, mais normalmente eu adoraria velo novamente.

Rosaya e iris me convidaram, pra passar o natal e o ano novo com elas, e por isso preciso ajudar na decoração da casa.

Sai mais sedo pra ficar livre de tarde, utimamente, eu estou péssima na faculdade, e estou faltando muito,naverdade, me admiro por consegui aguentar professores chatos que só sabem dar ordens e passar trabalhos.

Antes de ir no sentro da cidade, dou uma passadinha na casa de lys, pois esqueci alguns cadernos da faculdade.

⠈⠂⠄⠄⠂⠁⠁⠂⠄⠄⠂⠁⠁⠂⠄⠄⠂⠁⠁⠂⠄⠄❀⠁⠁

Depois de pegar minhas coisas, saio da casa de lys, e volto pra casa, no caminho passo na farmácia pra comprar uma água.

-- preciso pegar algo, e vc esta atrapalhando o caminho -_ falo arqueando uma sombrancelha.

-- se manda alface, -_ me chamou de que ? -_ alimento a voz

-- sai da frente baby, -_ ele debocha

-- oque?, E MELHOR VOCÊ SAIR, -_ falo alto.

-- para de ser troxa e arrodeia o corredor, porque não pretendo sair daqui tão cedo

Murmuro e viro o corredor, me bato com outro carinho, -_ Aih, me desculpa, -_ um loiro fala , -_ tá, Agora pode me deixar passar?. -_ muita cimpatia né ? -_ eu tô com raiva hoje fmda pra pegar leve, -_ bom, se você fala, 

Ele virá o corredor e segue em frente.

Chego em casa, e me jogo na cama, pego meu pijama preferido e algumas frutas, me deito na cama e fico algumas horas no meu notbook 

Alguém passa uma carta pela abertura embaixo da porta, uma carta desconhecida, até agora...



     ║▌│█║▌│ █║▌│█│║▌

             @yHaDeS_niiH



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...