História 10752 km - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Baekhyun, Baekyeol, Chanbaek, Chanyeol
Visualizações 4
Palavras 951
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


hey
Não tenho motivo nenhum pra essa fanfic ser chanbaek além do fato de que na minha cabeça eles sempre foram os protagonistas. Mesmo que eu não seja (mais) exo-l
Nas notas finais vai ter uns avisos meio importantes pra entender? a fanfic. Ao menos eu acho
Eu sempre pensei nessa fanfic fluffy mas meu jeito de escrever sempre tem essa pegada monótona que eu to tentando mudar ((help)) então queria avisar que a fanfic tem final bonitinho!
espero que gostem <3

Capítulo 1 - Seis meses


Eu odiava o fuso horário.

Odiava também ter que me contentar em só ouvir a voz dele vê-lo só por uma tela de computador.

Odiava ainda mais o fato de ter que dormir abraçado a um travesseiro pra me sentir menos só.

Mas acho que o que eu mais odiava mesmo era o fato de que já tinha se passado um ano e meio e eu ainda não estava acostumado como todo mundo dizia que eu ia ficar.

“você vai sim sentir saudade, mas com o tempo as coisas melhoram.”

“você vai se habituar!”

“dois anos passam voando! Quando você se der conta, ele já vai estar em casa de novo.”

Bom, os dois anos estão quase completos e eu ainda sinto uma saudade absurda e com toda a certeza do mundo não estava tão habituado como me foi prometido.

Eu sempre fazia o possível parar não deixar transparecer o quanto a distância me incomodava, não queria fazê-lo pensar que ele estava errado em ir estudar. Era uma oportunidade que poucas pessoas tinham na vida, e apesar de toda a saudade, eu morria de orgulho de onde ele havia chegado.

Chanyeol sempre foi um aluno exemplar. Tanto na época da escola quando estudávamos juntos e ele me dava aulas particulares em todas as matérias, quanto na faculdade, ele era um aluno maravilhoso, embora fosse tímido quanto a isso. Ele nunca falava muito de suas notas embora fosse motivo para se gabar para qualquer um.

“sinto como se estivesse sendo arrogante, sei lá.”

O coração dele era sem dúvida nenhuma a sua melhor parte, ele tinha isso dentro de si de sempre ser bom com os outros mesmo quando eles não mereciam e mesmo quando ele era ciente de que não receberia sequer um obrigado de volta.

Chanyeol era a pessoa mais doce que eu já tive o prazer de conhecer.

Sentia saudade até de discutir com ele por ser bonzinho demais.

“sinto sua falta.”

“eu também. Muito. Às vezes dói.”

“Baek não fale assim.” Em algum momento de todas as nossas conversas a gente sempre acabava nesse diálogo, eu sempre dizia a mesma coisa e sempre me arrependia depois. Chanyeol se sentia mal por mim, achava que me fazia sofrer, ele nunca me disse isso diretamente, mas não precisava, seu rostinho triste e os olhinhos perdidos sem saber o que dizer falavam por si só. Eu me sentia tão egoísta.

                          .                                                              .                                                                     .

Tínhamos horários complicados. Chanyeol estava fazendo intercâmbio em Baltimore, nos Estados Unidos. Nós tínhamos nada menos do que 13 horas de diferença. Era uma merda.

Chanyeol estudava pela manhã e trabalhava á tarde, eu estudava a noite e trabalhava pela manhã. Tínhamos que fazer milagre para nos falar direito durante a semana.

Eu chegava da faculdade ás 10 da noite que era mais ou menos 11 horas da manhã em Baltimore, Chanyeol estava quase acabando seu expediente. Ele saia ao meio dia.

E eu costumava chegar exausto da faculdade e ficar jogado na cama cochilando até a hora dele me ligar, era bom até, encerrar o dia com ele. Mesmo que distante.

“Falta só seis meses agora!”

“Meio ano.”

“Pare de ser pessimista!”

“Estou sendo sincero.”

“Você acaba com meu barato.”

“Amo você.”

“Também amo você, mas por que isso agora?”

“Não sei, só quis dizer.”

“Você é muito fofo baekhyun.”

Fiz uma careta com o nome.

“Não me chame assim!”

Chanyeol além de tudo era a pessoal mais carinhosa do mundo, ser chamado de Baekhyun por ele era raridade. Geralmente ele fazia quando estava irritado. Ou quando brigávamos.

“É seu nome.”

“Sim, mas é estranho ser chamado assim por você.”

“Porque parece que eu tô irritado?”

“Sim, sinto como se tivesse feito algo errado e você estivesse com raiva de mim.”

“E você me acha sexy irritado?”

“Não, você parece um cachorrinho. Na verdade é bem fofo.”

“Você acaba com meu orgulho Baek.”

“Meu cachorrinho.”

“Se continuar com isso, desligo na sua cara.”

“Ok, ok parei.”

“Obrigado, como foi seu dia?”

“Cansativo, talvez eu odeie menos o meu trabalho e minha sala hoje.”

“Temos um avanço!”

“Não por muito tempo.”

“Não seja chato.”

“Ser chato é minha especialidade. A gente é esse tipo de casal, eu sou chato e emburrado e você é o cara legal que gosta de todo mundo.”

“Eu não gosto de todo mundo!”

Eu ri, Chanyeol não odiaria ninguém a menos que pessoa tenha matado alguém. Talvez nem assim. Sempre tão doce.

“Gosta, você gosta sim.”

“Mas não de todo mundo!”

“Quase todo mundo, tipo, 90%.”

“Isso é muito de ponto de vista ok?”

Não consegui segurar a risada, Chanyeol era uma gracinha.

“Você é muito fofo. E muito bobinho.”

“Estou sendo difamado pelo meu próprio namorado.”

Eu podia ver seu rostinho emburrado.

“Pense pelo lado bom! Estou fazendo isso na sua frente e não nas suas costas!”

“Por que isso deveria ser bom?”

“Assim você sabe que não sou falso.”

“Honestamente por que a gente namora mesmo?”

“Porque você me ama muito.”

“Não tenho tanta certeza depois de ter me comparado a um cachorro.”

Eu ia responder, mas ouvi alguém falando no fundo e Chanyeol respondendo em inglês. Tinha certeza que ele precisava ir agora. Droga, não tinha se passado nem 20 minutos.

“Baek­-”

“Você precisa ir?”

“Bom, sim. Me desculpe.”

“Não se desculpe, está tudo bem. Amanhã nos falaremos melhor certo? É sábado finalmente.”

“Sim! Amanhã poderemos conversar direito. Amo conversar com você mesmo que seja só por 10 minutos, mas sinto falta de ter conversas longas e de ver você.”

“Bom, amanhã poderemos usar o Skype.”

“também sinto falta do seu cheiro.”

“Chan...”

“Ok, ok preciso ir. Até amanhã, amo você, tchau.”

“Até, também amo você.”

Amo muito você Channie. 


Notas Finais


Well, pra começar a fanfic vai ter 6 capítulos e cada um deles vai ser um mais a mais, não sei se deu pra entender pelo título mas o próximo capítulo é no 5 mês. Eles vão se passando até o último mês chegar que é também quando chanyeol vai chegar. Vcs entenderam? Espero que sim, mas se não tiver pode perguntar que eu tento explicar sdnjsdkvfj
espero que tenham gostado <3
ps: 10752 km é a distância área dos Estados Unidos pra Coréia do Sul. Basicamente porque eu não achei a distância de Baltimore pra Seul especificamente.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...