História A casa do lago - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Piece
Personagens Buggy, o Palhaço Estrela, Donquixote Doflamingo, Donquixote Rosinante "Corazón", Eustass Kid, Monkey D. Dragon, Monkey D. Garp, Monkey D. Luffy, Nami, Nico Robin, Portgas D. Ace, Roronoa Zoro, Sabo, Sanji, Shanks, Trafalgar D. Water Law, Usopp
Tags Lawlu, Lulaw
Visualizações 36
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Minha tentativa de lawlu ou lulaw espero que gostei me basei num filme, so modifiquei umas coisas

Capítulo 1 - CAPITULO I -When I met you


Fanfic / Fanfiction A casa do lago - Capítulo 1 - CAPITULO I -When I met you

  PRÓLOGO

Hoje e amanhã
Nossos sonhos atravessaram as noites
Acenando com um adeus
Nunca mais nos encontraremos
Mas não fique triste
Pois quando chegar a noite uma lua surgirá

Eu estava em frente a casa do lago, era uma pequena casa, bonita de madeira branca, noite estava sem nuvens, a lua brilhava no alto logo me encaminhando  até porta e abri , por dentro a casa era aconchegante,uma lareira estava acesa estava tudo arrumado.Foi quando ouvi passos então eu o vi, os cabelos negros, pele morena,os olhos cinzas, vestia uma blusa preta trajava um calça largada cinza é estava descalço.Trafalgar law,o dono da casa do lago ou um espírito que habitava naquela casa, bom era o que achava antes de toda nossa história e saber o que ele era.Tinha um detalhe sobre o torao, como gosto de chamá-lo, mesmo ele ficando bravo com apelido, o torao era mudo, não sei bem mas ele não fala.E apenas se comunica comigo por gestos ou escrevendo em um papel.Torao era alto , mais do que eu,ele não agia como alguém adulto.E como se ele tivesse parado no próprio tempo e lá vinha ele andado devagar com os pés decalços.Como eu amava esse jeito simples,rabugento e infantil dele.

  __  boa noite torao- vi ele fechando a cara e torcendo o nariz pro apelido, eu ria porque  ele realmente  odiava esse nome,pegando um caderno  escreveu algo no papel

___” não me chame de torao”__

___ por que? E fofo _ vi ele corar e fechar a cara novamente _

___ Desculpe _  fomos até o lago,nunca entendi o motivo dele não falar, olhando pra ele eu via um rapaz normal, mais sabia que tinha algo mais, algo que nunca adivinharia .

___ Luffy-ya,você logo vai embora não e?_E lá estava o torao infantil novamente, ele olhava pro lago no seus olhos sentia uma melancolia que nunca tinha visto em alguém.Sim eu iria embora e o deixaria sozinho, não queria mais tinha que ir tinha um vida, tinha um trabalho será que eu deixaria tudo pra ficar com ele? Será que arriscaria tudo para fica com alguém que nem existia nesse tempo? Era isso que eu pensava naquela época, se eu soubesse no que teria acontecido, nunca teria deixado você sozinho torao.

 __ você sabe que sim_ ele olhava pro horizonte,o rosto impassível e logo deu um sorriso mais bonito que eu já vi e disse se virando pra mim.

 __ Então irei esperar o luffy-ya!  Eu irei esperar você aqui e vamos ver as estrelas juntos _

 Sabe quando seu coração doe? E começar aperta e apertar até senti que algo ruim vai acontecer? Estava acontecendo comigo, mordi meus lábios e abraçei o torao, que ficou meio surpreso e corou.Torao era um homem mais com a mente de um criança, ele não entendia o que acontecia so nosso redor logo senti ele me abraçar.

  __ Pode esperar, vou voltar pra você torao! _ E acreditando nisso, ele me deu o seu mais belo sorriso e quando ele me deu aquele sorriso soube na mesma hora que me arrependeria de ter prometido aquilo .

     No final das contas eu não voltei aquele lugar, nem mesmo pus meus pé novamente na casa do lago .5 Anos se passaram e nunca mais voltei pra lá.Será que ele ainda está lá? Me esperando? Eu Olhava a chuva cair com mais força,senti uma lágrima caindo a culpa me consumido,o sentimento impotente de ter deixando uma parte de mim,um promessa que eu não pude cumprir. Me senti um monstro prometendo aquilo pra ele e o abandonado depois..Torao será que vc me perdoaria se descobrisse que me casei? Meu coração dói. EU tentei, juro que tentei torao, eu sei que vc me odeia agora, imaginar ele me odiando foi como uma facada no meu coração e do nada comecei a chorar e chorar muito cai de joelho no chão ,com o barulho minha mulher nami acordou e me abraçou tentando me consolar.

    Então depois de chorar, eu pedi desculpas pra minha mulher dizendo que ia explicar tudo depois peguei as chaves do carro e parti pra casa do lago, eram cinco horas de viajem até lá.Eu o amava, eu o queria,eu sentia que ele me chamava. Torao tava sofrendo,me chamava e eu? O que eu fiz? Eu o abandonei nesses ultimos 5 anos.Dirigir com mais rapidez independente do que aconteceria, a chuva estava forte depois de um longo tempo ,cheguei no campo.Estava vazio e mesmo na chuva corri dentro da pequena floresta que tinha,cai na lama me sujando o desespero era maior que a queda mas me levantei e voltei a correr. Foi então que vi a pequena casa, estava escuro abandonado pelo tempo e pelas memórias.Lembro que torao deixava a casa iluminada para mim.

 ___”  deixo ela iluminada para quando o luffy -ya se perder e pra saber que estarei aqui te esperando” __

     Foi o que me disse agora ela estava apagada, sem vida durante 5 anos você cansou de esperar ,torao? Vc sofreu me esperando todo esse tempo? Lentamente,andei até a porta com medo de encontrar lá o que eu temia.Entao com a mão tremendo eu abrir a porta .Encontrei o local  escuro,apenas iluminado pelos sons do trovões, a casa estava em silêncio nada de passos, de risos,nada de “ luffy-ya”.senti meu peito doer e uma lágrima cair do meus olhos e escorrendo e cair no chão.Eu estava na sala e corri pra rapidamemte para as escadas o procurei em todos os lugares e nada.Gritei e chamei pelo seu nome,fui até o lago mesmo nessa chuva e ainda assim não encontrei ninguém.Não queria pensar no que tinha acontecido ao torao e chorei novamente caindo no chão molhado e gritei de dor,de raiva, de ódio de mim e apertei a blusa onde ficava meu coração.

  No meio de tanta dor e pensado seriamente em me afogar no lago,não escutei passos atrás de mim

  Estava com tanta dor que me virei por reflexo e entrei em choque ao vê-lo atrás de mim.Os cabelo negros bagunçados,a camisa preta suja,a calça cinza larga;os pés descalços sujos de lama,o rosto meio pálido,as olheiras maiores ,os olhos cinzas arregalados,rosto sujo. Me levantei todo molhado pela chuva que caia mais ferozmente e o vento uivava já.

 __ torao….

    

                         Continue…..


Notas Finais


Espero que gostei ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...