História A garota estranha do fundo da sala. - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Dajan, Dakota, Debrah, Kentin, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Rosalya, Violette
Visualizações 28
Palavras 599
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


volteiiiiiiiiiiiiiiii :)

Capítulo 11 - Karaokê part 1


Fanfic / Fanfiction A garota estranha do fundo da sala. - Capítulo 11 - Karaokê part 1

as 19:17 estavamos todos na sala discutindo aonde iriamos e que iria com quem, apenas Rosa, Lysandre e Castiel tinham carro então a divisão ficou : Rosa, Leigh, Alexy e Armin no primeiro carro, Castiel, Iris, Kin e Dakota no segundo e pra minha sorte Eu, Lysandre, Nina e Nataniel no último carro.

Vida, você ou esta me testando ou me odeia muito.

Decidimos ir ao La Fiesta, o que não adiantava nada todos terem ido pra minha casa já que o restaurante fica a 30 minutos de onde estávamos.

-tu ficou no pior carro né? - falou rosa que me esperava trancar a porta junto a Alexy.

-pelo menos eu não sai correndo quando chegou aquele bando de gente aqui. - falei sorrindo arrancando risada dos dois

-sabia que você estava fazendo um esforço enorme!!! Toda hora que alguém falava com você eu achava que ia explodir - falou gargalhando junto a Rosa, eu dei um mini sorriso de ''te odeio'' e ele me mandou um beijo.

já todos nos carros seguimos todos para o restaurante.

Nathaniel é uma companhia muito agradável, me fez esquecer os dois lá na frente trocando beijos a todo sinal vermelho. Pude sentir os olhos de lysandre pelo retrovisor sempre que riamos de algo, provavelmente só queria rir também.  Ao chegarmos, todo o meu desconforto havia se passado, o lugar tinha as paredes decoradas com guitarras suspensas autografadas, as paredes vinho se destacavam com as brancas e com o palco preto no final do lugar.

Sentamos em uma mesa redonda perto do palco, que por ainda ser cedo, estava inutilizado. Sentei-me ao lado de Castiel e Alexy, fizemos nossos pedidos. Todos ali pediram bebidas alcoólicas menos eu, Lys e Leigh.

-Eles eu sei porque não bebem, e você, qual seu motivo platina? - perguntou Castiel no meu ouvido, estremeci a voz de Castiel era penetrante, agora entendo porque tantas são apaixonadas por ele. Idiota.

a verdade é que tenho um passado com a bebida, desde aqueles tempos jurei nunca mais beber.

-Só não gosto de beber ta bom. - falei o afastando, e ele apenas riu.

os pedidos chegaram e não demorou muito para todos atacarem como se estivessem sem comer a uma semana, eu não fiz diferente, devorei meu hambúrguer como se não houvesse o amanhã. Como amo hambúrguer, ás vezes eu queria abraçar o criador dele e dizer que  o amo por fazer uma invenção tão maravilhosa como aquela.

-vai com calma linda, assim você vai é devorar seus dedos junto. - falou Alexy atraindo a atenção dos outros e os fazendo rir.

-Não dá! isso aqui é uma invenção dos Deuses. - felei dando um beijo no meu hambúrguer de frango e logo em seguida o mordendo. todos riram da cena.

- Como vão Clientes do La Fista, espero que estejam gostando da comida-  o funcionário do local sorriu e piscou pra mim, que corei na hora. - Bom estou aqui para avisar que começaremos a receber esses talentos ocultos no karaokê a partir de agora.

 -Uau ele gostou de você - falou Rosa com um sorriso sapeca 

- e convenhamos ele é um gato! - esses dois sabiam me fazer ficar com vergonha de um segundo para o outro, deve ser um dom não é possível.

-gato aqui sou eu  azul. - falou Castiel indo até o palco. Várias meninas não travam os olhos dele.

olhei de relance para meu lado Lys olhava pra Nina com um olhar apaixonado, eu sabia que era, já olhei assim para alguém antes. Tenho que desistir dele, mas por que não consigo ? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...