História A Ilha - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jungkook, V
Tags Kookv
Visualizações 397
Palavras 1.631
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong

Aqui estou eu em plena segunda feira postando o primeiro capitulo.

Eu sei que disse que postarei só nos finais de semana mas pra comemorar minha capa LINDAAAAA resolvi postar o capitulo 1.

Talvez o inicio da Fic seja um pouco complicado de entender mas não a abandonem.


Boa leitura

Capítulo 2 - Sou uma estrela - 1 Day


Fanfic / Fanfiction A Ilha - Capítulo 2 - Sou uma estrela - 1 Day

- Corta!

      - Você poderia se concentrar um pouco? Ok ok por hoje chega. Amanhã nos reuniremos para a coletiva de imprensa, por favor, chegue no horário.

Passo a mão nos cabelos e vou para o meu trailer. Minhas cenas inicias já estão gravadas e eu me sinto morto. Entro e me atiro em um sofá aconchegante deixando que meus olhos se fechem um pouco. Mas o sossego dura pouco.

      - E ai o que aconteceu? O diretor deu piti novamente?

Olho para o ruivo e com uma cara de cansaço mexo a boca deixando um leve esboço do meu descontentamento.

      - Sim.

      - Deixa eu te fazer uma massagem que já já esse cansaço passa.

Sinto suas mãos macias apertarem o ponto exato ao tocar meu pescoço. Isso é delicioso. Deixo minha cabeça cair para o lado e ele beija minha bochecha.

      - Ohw, já combinamos que seremos só amigos não é? – falo levantando dali e seguindo para o banheiro deixando um sorriso.

O outro solta um arfar descontente e cruzando as pernas só me mostra o polegar em sinal de afirmação. Termino minhas necessidades e peço para ir pra casa. Amanhã o dia será longo e preciso dormir.

      - O lançamento oficial do seu Filme será amanhã não é? - me lembra o ruivo – após a coletiva de imprensa vamos para o coquetel de apresentação do elenco?

Eu assinto com a cabeça, mas no fundo daria tudo para não ter que ir. Reuniões chatas como essa me deixam de mau humor.

 

...

A manhã está linda e o sol alto no céu anuncia que o calor está chegando. A primavera é minha estação favorita desde que era criança. Não gosto muito de lembrar essa época. Minha infância não foi nada fácil e minha mãe ficou a mercê de seu patrão logo após meu pai nos abandonar. Mas hoje não é dia para tristezas. Vou para um banho demorado de banheira.

Entro e coloco sais para deixar o banho mais relaxante. Escuto minha playlist favorita enquanto observo o dia pela janela imensa que mandei colocar no meu banheiro.

      - Bom dia princesa. – o rapaz diz sorridente como sempre – estou bonito para o coquetel?

Eu olho para ele e sorrio, quem consegue ficar de cara feia com esse sorriso de criança estampado no rosto.

      - Sim você está lindo, agora me deixa terminar o banho. – falo jogando uma toalha em seu rosto e ele sai gargalhando daqui.

Deito minha cabeça para trás e sigo curtindo minha vida. A vida tem sorrido para mim assim como o amigo que acabara de sair. Fiz por merecer tudo que tenho, trabalhei muito para isso. É uma pena que minha mãe não esteja mais aqui para compartilhar de todo esse luxo e felicidade.

Abro meus olhos e mergulho na banheira deixando esses pensamentos irem embora junto com a água. Saio e me seco. Vou para meu closed e escolho a roupa mais bonita, a que mais gosto, meu terno rosa.

Visto e seco meus cabelos. Passo perfume e coloco alguns anéis e pulseiras. Amo jóias.

Entramos no carro e seguimos para a coletiva de imprensa. Chego na hora conforme solicitado pelo meu querido diretor e vamos enfrentar as milhares de perguntas e vários flashes das maquinas que estão vorazes pela minha imagem.

Entramos na sala e os repórteres que ali se acotovelam começam a falar todos juntos.

      - Qual o enredo do seu novo Filme?

      - Que papel você fará?

      - Quem será seu par romântico?

Observo a todos e então coloco a mão no microfone começando minha apresentação.

      - Boa noite. Meu Filme será sobre um homem que perdeu a memória e procura descobrir sobre seu passado. Sou o ator principal e ainda não conheci o restante do elenco então não posso lhes dizer o nome de meu par romântico.

 

Meu nome é Kim Taehyung, sou um ator coreano revelação da nova geração de Hollywood. Tenho 20 anos, vim de uma familia pobre e venci graças a muito trabalho e dedicação.

 

Os flashes brilham quase me cegando. Respondo mais algumas perguntas e depois de uma hora e vinte minutos a coletiva acaba. Saímos em direção do tal coquetel. Meus pensamentos estão longe e sinto uma mão me cutucar. Olho para o lado e vejo o ruivo falando sem parar.

Jung Hoseok.  Ele é meu agente e amigo intimo. Tão intimo que já namoramos um tempo, mas seu amor por um diretor baixinho e ranzinza e minha falta de amor por ele nos fizeram terminar. A amizade que temos um pelo outro é maior que qualquer separação então ele continua a me bajular e cuida de tudo que se relaciona a minha carreira.

      - Tae, que coisa, estou falando com você faz um tempo e parece que nem escutou nada. – ele reclama com razão fazendo um bico no final.

      - Desculpe Hobi minha cabeça deve estar no mundo da lua. – rio.

      - Aish Taehyung já está pensando no que não deve é?!! Aposto que está imaginando com quem vai trabalhar.

Ele me conhece muito bem. Sim eu estou pensando em quem será o meu par romântico. Espero que seja alguém bem lindo assim como Kim SeokJin ou Kim NamJoon. Eles são meus atores favoritos. Mas também pode ser um Gong Yoo ou  Lee Jong- Suk. Suspiro fundo imaginando quem seria. Não que eu seja romântico, longe disso, mas gosto de aparecer ao lado de grandes atores, isso fará minha carreira decolar ainda mais. E quem sabe, de quebra, encontro um namorado. É pode ser.

Chegamos ao local e o ruivo sai apressado do carro. Ele arruma sua roupa e sorrindo me olha perguntando se está bem. Eu saio do carro com muita preguiça e acabo sorrindo para ele que exala alegria.

Entramos no hotel onde será o coquetel e seguimos para o salão rosa. A equipe toda está lá e meu coração palpita com a proximidade do local. A porta de abre mostrando algumas pessoas conversando e outras a volta de uma grande mesa que está lotada de petiscos e bebidas.

Hobi entra e seu sorriso fica luminoso ao ver seu amado diretor conversando com alguns atores a volta da mesa pegando as guloseimas. Ele estava de lado e não nos viu entrar mas Hoseok já arrumava seus cabelos passando as mãos nervosas de um lado para o outro.

      - Tae, me diz, estou bem? Estou bonito?

      - Para com isso, claro que você está bem e desde quando não é bonito? Hobi você é a única pessoa que eu conheço que até quando acorda é bonito.

Ele sorri nervoso e sai na direção da mesa para pegar uma bebida. Ali não tinha nada contendo álcool mas ele precisava ocupar as mãos tendo um pretexto para se aproximar do rapaz.

Eu segui a frente e fui cumprimentando todos. Nosso diretor nos chama e começa as apresentações. Ele apresenta um por um da equipe, desde a maquiadora até os rapazes da iluminação. Os atores estão todos ali, pelo menos é o que acho e então o diretor Yoongi fala que falta um chegar. Olho em volta e percebo que meu par romântico ainda não chegou.

Ótimo. Penso quase em voz alta. Só faltava ser um ator irresponsável e eu ter que esperar para gravar toda vez que tivermos uma cena. Ou seja... sempre.  Começamos a leitura do texto sentados em um circulo de cadeiras e de repente a porta abre. Viramos todos juntos e vejo um rapaz de calça jeans rasgadas, camiseta branca, casaco de couro vermelho e um capacete de moto na mão, entrar pedindo desculpas pelo atraso.

Ele se aproxima e puxa uma cadeira ficando quase que na minha frente. Eu não acredito no que vejo. Não poderia ser esse o ator, esse rapaz que vai ser meu par romântico. Não pode ser e então Yoongi levanta e fala.

      - Bom pessoal agora que o elenco está todo aqui deixem que eu os apresente o novo colega de vocês. Esse é Jeon JungKook.

 O rapaz levanta e acena para todos e me olha sorrindo. Esse sorriso que eu conheço muito bem e que jurei nunca mais querer ver na minha frente. O mesmo sorriso que anos atrás quase acabou com a minha vida, o mesmo rapaz que me fez perder minha juventude.

Levanto e jogo meu texto na cadeira deixando o lugar a passos firmes.

      - Tae. – escuto aquela voz familiar atrás de mim. – Tae, aonde você vai.

Paro e espero Hoseok que vem atrás de mim correndo. Estou com as mãos fechadas e meus dedos chegam a ficar brancos com a força em que os aperto.

      - Vou embora daqui. Recuso-me a trabalhar com ele. Pode avisar o diretor, ele que escolha: ele ou eu.

Viro e saio com tanta raiva que nem percebo que deixei meu casaco no encosto da cadeira.

Hoseok me segue e no caminho para casa ele tenta me acalmar.

      - Tae, fique calmo. Por que tanta raiva desse ator? Você conhece ele?

Eu tenho vontade de chorar. Não por estar triste mas por estar com muita raiva. Olho para o ruivo que dirige e lembro que nunca contei toda a verdade do que me aconteceu para ele. Nos conhecemos no momento mais difícil da minha vida. Ele me ajudou e me acolheu sem nunca me perguntar o porquê de tudo aquilo. Sempre me deixou a vontade para falar ou não sobre meus problemas.

Suspiro.

      - Desculpe Hobi, nunca te contei. Conheço ele sim. – o outro me olha e diz que eu não preciso falar nada.

Eu sigo olhando para a rua e me perco em meus pensamentos.

      Eu devia contar tudo pra ele, afinal, ele é meu amigo. Amigo...essa palavra também já usei com Jungkook e olha no que deu. Mas o Hobi é diferente. Conta, conta, conta...

 


Notas Finais


Então é isso.

Esse é o nosso atro numero um kkkkk o lindo do meu coração.
Até aqui tudo tranquilo né...será?
Respostas só no decorre da fic.
Até sábado... ou domingo não sei ainda que dia vocês preferem?? Aceito sugestões.

Kisses see you soon


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...