História A minha "Star" cadente. - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Star vs. as Forças do Mal
Personagens Marco Diaz, Personagens Originais, Star Borboleta
Visualizações 10
Palavras 550
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Se preparando para a Luta


Dois dias... apenas dois dias.

O castelo estava uma bagunça. Decorações vinham de todos os cantos, faxineiras corriam de um lado para o outro, assim como os demais empregados. Tudo estava me deixando com borboletas na barriga.

-Ei, garoto! - Chamou River de dentro de uma sala -Venha cá...

Suspirei um pouco exausto, e entrei na sala fechando a porta.

-Você vai lutar hoje, rapaz! - disse o rei orgulhoso. Fiquei boquiaberto com a noticia e me encostei na parede.

-O que?! Hoje?! Lutar?! Com o Drew?!

River colocou uma de suas mãos em meu ombro tentando me acalmar.

-Eu sei, foi de última hora...Vamos, precisamos arrumar você.

-E se eu não ganhar? E se eu...e se eu...

-Escute Rapaz, eu gosto de você, entendeu? Eu confio em você, Marco. Você é incrível! Lutou com monstros sem usar nenhum feitiço, me ajudou a liderar o Reino quando minha esposa não estava, e ainda sabe lutar karatê! Você foi a melhor coisa que apareceu na vida da minha filha... e eu o agradeço muito por isso.

Fiquei o olhando admirado com o seu comentário. Não se ouvia coisas legais sobre mim todos os dias, ainda mais por um rei de outra dimensão! Respirei fundo.

-Quando começa?

-Daqui a uma hora. Venha, vou te explicar algumas coisas...

Saímos da pequena sala, e fomos direto para os aposentos reais, o rei entrou em seu quarto, e abriu uma passagem secreta pela parede, puxando um livro de uma estante.

Ele entrou pela passagem, e eu o segui um pouco hesitante. Estávamos descendo as escadas que possuíam forma em espiral, até chegarmos em um armazém de roupas de guerras, armas e até livros mágicos.

River olhou para as roupas, e pegou um elmo, um escudo um pouco grande, mas que era leve e resistente. Peguei uma bainha colocando uma espada nela, e uma adaga em outra bainha que ficava presa à cintura.

-Pronto! Agora sim! - O rei me olhava orgulhoso -Sabe usar uma espada?

-Bom, acho que é a mesma coisa que um bastão de madeira...

River gargalhou achando graça sobre o meu comentário, e ficou sério me encarando um pouco preocupado.

-Escute, Marco. Minha esposa falou as duas regras à você?

-Ham... Sim, ela falou.

-E você lembra delas?

-Nada de magia, e se cair fora da arena, está fora.

-Ótimo, ótimo... - comentou o rei coçando a cabeça -Bem, meu rapaz, minha esposa falou sobre Drew?

-Que ele é uma pessoa perigosa e que não posso confiar nele?

-E que ele também fará de tudo para ficar com Star. Ele é tão obsessivo... e quer ser rei logo! Então, com toda a certeza, ele irá trapacear. Mas irei ficar atento caso algo aconteça.

-E... a Star irá me assistir?

-Não, Marco... nem a rainha. Minha filha está ocupada com os preparativos do...casamento dela... -River olhou para o nada, deixando que algumas lágrimas caíssem de seus olhos -Ela era um bebê... e agora vai se casar. Ah, que impressionante! Enfim, garoto, lute com destreza ... e se você perder, eu ainda vou te considerar como um membro da família, filho.

Ficamos em silêncio por um tempo, até River se assustar com seus pensamentos.

-Precisamos ir! Sem você, não haverá batalha!

-Ah, caramba... eu... estou com medo! Ah que droga, droga, droga! - repliquei.

River sorriu me dando um forte abraço, que o retribui de bom grado.

-Eu acredito em você, garoto... agora suba essas escadas, corra para a arena, e arrebente a cara daquele idiota!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...