História A New life in London - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles
Tags Harry Styles, Londres, Los Angeles, One Direction, Romance
Visualizações 70
Palavras 1.515
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente esse capitulo é muito quente.....

Espero que gostem!!!!


Bjos!!

Boa leitura!!!

Capítulo 12 - Primeira vez com ele


Fanfic / Fanfiction A New life in London - Capítulo 12 - Primeira vez com ele

Aos poucos os beijos ficavam mais quentes e já estava grudada nele, até que Harry quebra um desses beijos quentes para olhar-lhe nos olhos enquanto buscava pelo fôlego, já e continuava no meu pescoço, agora dando mordidas leves entre beijos seguidos de chupões. Agora sabia que estava ferrada, como iria explicar todas aquelas marcas... Mas não me importo por mais de um segundo após sentir a boca dele começar a chegar perto de seus seios, o limite do tecido parando-o para tirar meu vestido, ainda lhe deixando de sutiã.
Ele deslizou uma das mãos para debaixo do meu sutiã, apertando-lhe um dos meus seios enquanto beijava a parte exposta do outro. Com a boca mesmo, ele abriu o fecho do seu sutiã (que era na frente), liberando assim a pele que ele almejava tanto tocar. Eu pude ouvir a respiração dele alta ao ver-lhe o corpo, o mesmo conseguindo conter um sorriso malicioso. "Você é ainda mais linda do que eu imaginava, sabia?", em circunstâncias normais, até responderia. Mas agora estava semi-nua de frente a Harry Styles, os dois sozinhos entre quatro paredes. Só de lembrar disso, meu rosto corava mais, mas provoquei e estou amando. Rapidamente, os lábios dele chegaram a um do meus seios: ele começou mordendo-lhe carinhosamente, antes de acariciar a ponta com a língua. Eu não consegui conter um gemido, que fez com que ele sorrisse maliciosamente mais uma vez, mordiscando a ponta mais uma vez, as sensações novas e deliciosas fazendo com que eu sentisse o calor de todo seu corpo, sinto suas mãos descendo em direção a minha calcinha e  por debaixo dela,  começo a massagear minha vagina, em círculos envolta de meu clitoris, numa velocidade mediana.

Eu já estava a loucura, não segurava mais meus gemidos: embora fosse minha primeira vez com ele, já estava solta, ainda mais depois desse tipo de preliminar.  Já havia ficado com outro homem, mas o toque dele não se comparava ao de Harry, nem o beijo, só o seu cheiro já fazia com que eu delirasse. Do nada, ele parou de acariciar meus seios para voltar ao meu pescoço, dando só um beijo em meu ombro antes de chupar meu pescoço. Ele arrancou  a minha calcinha e agora o único ainda com roupas aqui era ele. Me inclinei para frente, ficando sentada enquanto ele ficava de joelhos na cama, e começou a retirar a parte de cima da sua roupa. Quando foi tirar sua camisa, não consegui evitar de notar o volume na calça dele, que me fez corar mais uma vez. Quando começou a tirar a parte debaixo da roupa dele, sem querer seus dedos deslizaram para perto demais dele, e eu pude sentí-lo se arrepiar, logo colocou a camisinha. Em poucos segundos, Harry estava sobre mim, por entre minhas pernas. Antes de me penetrar, ele tratou de mais uma vez me provocar, deslizando a ponta de seu membro por toda minha extensão antes de começar me adentrar, sentindo-a quente e molhada, não conseguindo ele mesmo conter um gemido baixo de chamando pelo meu nome. As mãos  dele foram em meus quadris, enquanto as minhas foram para suas costas nuas, sentindo minha pele tocando na dele, como ele estava quente, e o cheiro de seu pescoço: ah, como sentia falta daquele cheiro. Apenas poucas horas longe já era o suficiente para parecer anos. O ritmo dele aos poucos foi aumentando, e pude sentir o membro dele a movimentar-se dentro de mim, rígido, a sensação intensa dele esfregando-se contra meu interior forte, uma sensação da qual nunca iria esquecer. Ele apertou as unhas em meus quadris enquanto aumentava o ritmo agora, respirando ofegante perto de meu ouvido. Assim como eu, ele não conseguia esconder mais o prazer que sentia, as minhas unhas arranhava de leve as suas coxas. Seus movimentos eram rápidos e fundos, atingindo um ponto dentro de mim que me fez tremer de prazer. Harry notou e tratou de atingir o mesmo ponto mais uma vez, olhando seu rosto enquanto o fazia. Quando notei que ele me encarava, não consegui evitar, e o encarei de volta. A pele clara dele estava levemente corada devido ao ritmo rápido de sua respiração, que tocava minha boca entreaberta. Mais uma vez eu anseava por um beijo dele, e nos aproximamos para começar um beijo quente. Seus lábios juntaram-se enquanto ele ainda se movimentava dentro de mim, cada vez mais rápido e forte. Pude sentir o quanto ele estava gostando só pela forma que me beijava: selvagem, dominante, me deixando completamente submissa às carícias dele. Aos poucos uma sensação entorpecente foi me tomando o corpo enquanto o ritmo rápido dele ainda me atingia, me fazendo contrair em prazer enquanto atingia o orgasmo, apertando o membro dele contra suas paredes durante as contrações. Ele acabou por gozar quase que na mesma hora que eu, enchendo-lhe por completo antes de que Harry retirasse-o de dentro de mim, mordendo seu lábio inferior fortemente antes de começar um último beijo quente, deitando-se ao seu lado.

Ele me olhava calmamente, respirando ofegante ainda. Eu o olhei, e, sorrindo, me aproximei para mais um beijo carinhoso em seus lábios, e depois de beijá-lo, fiquei ali contornando com meus dedos a sua tatuagem, e ele fala:

- Como foi bom tudo isso, você é demais. E você? gostou? E logo respondo:

- Adorei, e vou te confessar que nunca fiquei ou melhor, transei tão rápido com um homem assim, mal te conheci e já me entreguei, mas sei que com você está sendo diferente, e eu não sei explicar o que acontece, eu não me reconheço mais, mas confesso que foi muito bom mesmo.

Ele me olhou e me deu mais um beijo doce, e fala:

- Sem palavras, não sei o que dizer, ou melhor, só sei dizer que foi maravilhoso tê-la em meus braços, poder te sentir. E podemos continuar assim, tomando um banho juntos, o que achas? Eu comecei a rir, não ia negar, pois também queria mais e fomos juntos tomar o tal 'banho'.

Enquanto coloquei a banheira para encher, Harry ligou o chuveiro e me puxou pra ele, colando nossos corpos e fazendo nossos membros roçarem, eu o abraço e coloco minha cabeça em seu pescoço, ele me olha e fala:

- Você é muito gostosa, estou louco de tesão por ti.

Eu o olho e dou um beijo calmo e apaixonante, com muita vontade de transar novamente com ele, logo ele me empurrou contra a parede com força e começou a me beijar com vontade, senti seu membro em minha virilha e gemi abafado, o abracei com mais força. Suas mãos foram até meu cabelo o puxando com delicadeza.

Desceu um pouco a cabeça chegando em meus seios e os chupando com vontade enquanto roçava seu membro no meu. Se ele continuasse eu juro que não demoraria muito pra chegar lá. Uma das suas mãos apertava minha bunda com força, começo a gemer e Harry me vira de costas me prendendo na parede, e logo começa a me penetrar lentamente, grito de prazer. Ele para por um segundo me olha.

-Esta tudo bem?  –ele pergunta dando um beijo no meu ombro.

-Sim, Sim... você que me deixa louca . Digo sorrindo.

Então Harry começa com os movimentos lentos, saindo e entrando de dentro de mim, sinto puro desejo e sedução, meu corpo começa a estremecer com a sensação de Harry está totalmente dentro de mim, ele geme e isso me deixa ainda mais excitada.

-Nossa você é muito gostosa…  eu adoro isso  –ele diz te dando estocadas fortes e rápidas.

- Humm… Harry… não vou aguentar por muito tempo. Digo entre gemidos.

Então Harry me dar mais algumas estocadas rápidas e eu gozo, ele sai de dentro de mim, e logo rapidamente ajoelho e mostro o que sei fazer e retribuo todo prazer que está me dando.

-você sabe que não precisa fazer isso não é mesmo? Ele diz acariciando meu cabelo.

-Sim eu sei Harry, mais eu quero fazer isso. Digo pegando o membro dele.

E então o colocou direto na boca fazendo movimentos de vai e vem no ritmo que ele fazia quando estava dentro de você, Harry gemeu e agarra meu cabelo e o puxou com força, mas bem sutil, o que me fez acelerar nos movimentos e engoli o membro dele por inteiro até senti-lo na garganta, fico assim por um tempo, quando Harry diz que vai gozar, logo tiro o seu membro da boca e com a mão continuo masturbando e logo ele goza, quando olho para Harry ele está sorrindo com os dentes entre apertos ofegante, eu sorrio ao ver que fiz um bom trabalho.

-Nossa você é ótima nisso, tem certeza que esse foi o seu primeiro sexo oral? Ele fala ofegante e sorri.

-Sim, é o primeiro de muitos, e que bom que gostou, também amei a transa, acho que podemos repeti-la?  Disse mordendo o lábio inferior.

- Com certeza, eu quero muito mais. Agora vamos entrar nessa banheira. Ele disse sorrindo.

Entramos na banheira e ficamos abraçadinhos só nos curtindo, pois estávamos muito cansados, mas satisfeitos.


Notas Finais


Bjos!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...