História A Novata - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Naruhina, Narusaku, Naruto, Ragatania, Sasuhina, Sasusaku
Visualizações 255
Palavras 1.230
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Queria dar um aviso antes:

♡ A fanfic é voltada a NaruHina, mas pode acabar rolando SasuHina e NaruSaku - como observarão nesse primeiro capítulo.

Link das roupas usadas nas notas finais.

Espero que gostem!

Capítulo 1 - Hinata Hyuuga


Fanfic / Fanfiction A Novata - Capítulo 1 - Hinata Hyuuga

1.

Hinata levantava naquela manha de quinta-feira pensando se ia ou não para o colégio, pois podia muito bem emendar com sexta e só ir na outra semana, mas sabia que sua consciência “pesaria” depois. Estalou a língua e amarrou o cabelo em um coque e seguiu para o banheiro, demorou alguns minutos e saiu enrolada na toalha. Abriu seu armário e pegou o conjunto de roupa que era o seu uniforme (1), nas regras do colégio ela podia escolher o calcado que quisesse exceto nos dias de educação física que era obrigatório o tênis esportivo. Colocou a camisa e por cima a saia, calcou um tênis branco e soltou o cabelo, terminou de se arrumar borrifando um perfume doce e pegou sua mochila deixando seu quarto. Encontrou seu pai ajeitando a pasta do trabalho e sua irmã colocando os sapatinhos para ir à  escolinha – também era o primeiro dia da pequena.

— Achei que tivesse que ir lá te acordar. — Ela sorriu. — Está linda querida, avisou ao Neji sobre sua chegada?

— Sim senhor. Encontraremos-nos no portão do colégio.

— Certo, confio nele. Agora podemos ir?

— Hai. — As garotas responderam.

A família Hyuuga havia acabado de deixar a cidade de Nova Iorque para morar no Japão, o que com certeza mexeu com toda a vida deles. Hiashi é dono de uma rede de hotéis bem famosos tendo como sócio o prefeito da cidade, que quando precisava de uma hospedagem providenciava exatamente com o Hyuuga. Habani é a caçula, brincalhona e muito esperta para uma criança da sua idade, tinha apenas sete aninhos. Hinata era a primogênita, tinha fios escuros e olhos claros herdados de sua mãe - que infelizmente faleceu no parto de Hanabi -, carinhosa e nos últimos anos foi considerada divertida também. Ao deixar Nova Iorque, acabou deixando para trás sua melhor amiga Tenten Mitsashi que é famosa crush do seu primo que ele apenas elogia, mas nunca a viu.

O carro de Hiashi estacionou em frente ao enorme portão de Kobe, Hinata se despediu dos dois e ao se virar encontrou Neji trajado no uniforme vermelho do colégio (1). Sem dizer qualquer palavra, se abraçaram bem forte. Eram muitos anos longe um do outros deixando uma saudade de irmão para irmã, só Neji e Hinata sabem o peso desse sentimento.

— Pequena como você mudou! — Disse enquanto ajeitava a franja dela de forma delicada.

— Digo o mesmo. — Sorriu.

— Vamos entrar, quero te apresentar aos meninos. — Disse e passaram a caminhar juntos pelo pátio. — Então... Como se sente?

— Bem, um pouco nervosa. — Neji riu fraco e abriu a porta principal deixando que ela passasse primeiro. — Vamos para a sala de aula? Digamos que os meninos querem conhecer você. Subiram juntos até a classe e ao entrarem, os garotos e algumas meninas presentes olharam diretamente para ela. — Hinata, esses são Naruto, Sasuke e Gaara. — A morena sorriu e teve a liberdade de selar o rosto de cada um deles.

— Prazer. — Disse um pouco tímida e reparou que o rapaz loiro a encarava, ela desviou o olhar e uma garota loira surgiu junto à outra de fios rosados.

— Opa o que temos aqui? Ino Yamanaka. — Estendeu a mão e Hinata devolveu o gesto.

— Hinata Hyuuga.

— Oh, é a prima dele sim? — Assentiu. — Você é linda, já se pegaram?

— Desculpe minha amiga, ela é um pouco fuxiqueira. Prazer, Sakura Haruno. — Mediu Hinata descaradamente fazendo-a arquear as sobrancelhas, a Haruno parou ao lado de Naruto e selou seus lábios aos dele.

— Você veio de onde? — O moreno perguntou enquanto se sentava em uma das carteiras.

— Nova Iorque, mas sou do Japão mesmo. — Disse e ele apenas sorriu ladino.

— Vamos nos sentar que o sinal irá bater. — Sakura falou e todos se dirigiram aos seus devidos lugares.

— Essa carteira é vaga. — Sasuke disse e saiu de cima da mesa que estava sentado, Hinata apenas acenou rapidamente e se acomodou ali.

ƔƔƔ

Depois de terem três aulas foi o horário do intervalo, a novata foi chamada para comer com o grupo dos populares onde seu primo fazia parte, mas acabou optando em conhecer a escola. Neji não questionou e ambos caminharam em direção opostas.

Hinata subiu e desceu escada, caminhou pelos corredores e por fim parou na quadra de esportes, não havia ninguém ali apenas bolas de basquete espalhadas pelo chão. Ela não tinha nada para fazer então pegou uma por uma e foi colocando na caixa que servia para guarda-las, quando restou apenas uma deu alguns toques no chão e acabou por encarar a cesta a sua frente. Sorriu sapeca e olhou ao redor para ver se não havia ninguém então lançou a bola e mordeu o lábio ao vê-la entrar, correu atrás da bola e fez outro lançamento.

— Não acredito que ainda sou boa nisso. — Disse para si e pegou a bola outra vez, preferiu apenas dar toques no chão, mas a vontade de sacar outra vez falava mais alto. — Só mais uma vez Hinata. — Riu e arremessou, acertando outra vez. Pulou de susto ao escutar baterem palmas, pegou a bola de uma forma desajeitada e encontrou Naruto caminhando em sua direção.

— Porque parou? Estava ótima, poderia até entrar no time. — Deu um sorriso e parou próximo a ela tirando a bola de sua mão.

— Não mesmo... — Riu soprado e Naruto esbarrou levemente em seu ombro, ela não havia entendido muito bem até ele ficar repetindo o gesto e se afastar com os braços abertos.

— E aí? Vai deixar? Hm?! — Falou de uma forma desafiadora, mas em um tom que fez Hinata rir. — Vem pra cima novata! — Ela correu em sua direção e conseguiu pegar a bola de sua mão e tocar até chegar perto da cesta, mas não marcou ponto e sim o loiro que conseguiu recupera-la. Ele sorriu e deu a bola a ela que tocou e arremessou da onde estava acertando uma cesta.

— Você poderia ter impedido sabia? — Naruto assentiu e pegou a bola. — O que foi? Não vai bancar o cavalheiro e me deixar ganhar só porque sou uma garota, não é?

— Como é? — Arqueou as sobrancelhas dando uma risada anasalada enquanto olhava Hinata se aproximar.

— Vem pra cima veterano. — Repetiu a frase dele num sussurro tomando a bola e saindo correndo, o loiro foi atrás e a garota deu um salto para arremessar marcando cesta. Ao se por de pé acabou se desequilibrando sendo segurada por Naruto, ambos estavam ofegantes demais para uma partida que não durou nem se quer dez minutos. — Ai... — Se encararam e o loiro pôs as mãos em sua cintura.

— Se ficar querendo dar uma de LeBron James pode acabar torcendo esse pezinho. — Disse próximo ao rosto dela e ambos riram. — Seu primo ficou um pouco preocupado e eu aproveitei que tinha levantado para ir à diretoria e me atrevi a vim te procurar.

— Neji é tão preocupado. — Disse se desviando das mãos de Naruto e colocou a bola no lugar. — Agora me deu fome, vou comer algo antes que o sinal bata.

— Quer companhia?

— Olha, não quero problemas com a sua namorada. — Naruto assentiu com um pequeno sorriso nos lábios, Hinata percebeu o possível desaponto dele e tocou o ombro do rapaz. — Adorei jogar com você, na próxima podemos apostar. Sempre é mais divertido. — Disse animada e saiu correndo da quadra enquanto ele ria fraco e balançava a cabeça em negação.

Então aquela era a Hinata Hyuuga que seu amigo tanto falava? Pois ele adorou.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...