História A Simple Thump - Imagine Taehyung BTS- Bangtan Boys - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Big Bang, Blackpink, Bts, Colegial, Comedia, Drama, Got7, Hentai, Hoseok, Imagine, Jay Park, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Rap Monster, Revelaçoes, Romance, Suga, Taehyung, Yaoi
Visualizações 37
Palavras 1.958
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


UIIII voltei,

{AVISOOO: Capítulo com quase lemon, cenas fortes [ kkkk] e muito mais ....}


Bjs desculpa pelos erros, boa leitura <3

Capítulo 2 - '' Was not it just friendship? ''


Fanfic / Fanfiction A Simple Thump - Imagine Taehyung BTS- Bangtan Boys - Capítulo 2 - '' Was not it just friendship? ''

 

 

- Hammm  a gente têm que fazer o trabalho.

- Vamos trabalhar, mas em outra coisa.

- T-tá maluco?, eu só aceitei pois era coisa de escola e eu preciso de nota._ Disse saindo rápido debaixo dele.

- Então tá vamos fazer o trabalho._ Disse normalmente, como se instantes atrás ele não tivesse me prendido na cama.

- Tá que seja, sem mais gracinhas ouviu?

- Sim senhora._ Disse me fitando sério.

- Mas saiba que você está na minha casa e na minha casa eu faço as regras. E tem uma coisa que eu esqueci de mencionar, sua mãe vai passa a noite fora e falou pra você dormir aqui.

- Eu?, até parece que eu vou ficar aqui, e seus pais?, além do mais eu tenho casa sabia?

- Meus pais estão viajando por causa do aniversário da minha mãe então não tem ninguém, e sua mãe falou pra não te deixar sozinha, ela falou que você é muito frágil pra isso._ Disse essa última parte com voz de bebê.

- Olha só eu que  não vou ficar aqui, vou pra minha casa dormir na minha cama!

- Sua mãe foi bem especifica quando falou pra não te deixar sozinha, você tem que ficar comigo, palavras dela.

- Que merda, tá mas eu vou dormir na sua cama.

- Tá bom princesinha da mamãe._ Disse rindo.

- Tá muito engraçado, agora vamos terminar o trabalho.

  A gente terminou o trabalho lá por volta de umas 20:30 P.M. e o Tae fez uma comida pra gente, que por sinal estava muito boa, depois ele tomou banho e eu também e fomos nos arrumar pra dormir. O único problema é que ele quer dormir na cama dele mas eu falei mais cedo que eu ia dormir nela, aí a criaturinha diz que não disse onde ele ia dormir e veio com aquele discurso de ‘’ Minha casa minhas regras ‘’. No final de tanta discussão resolvemos que os dois iam dormir na cama já que ela era de casal, só que cada um a 1 metro do outro. Nos deitamos e ele desligou a luz do quarto. Confesso que  durmo rápido, mas naquela noite eu passei a noite acordada olhando pro teto, e ás vezes olhava ele e via que ele estava dormindo uma pedra o que engraçado pois a instantes atrás ele estava bem elétrico, sem perceber fiquei fitando –o por um tempo só admirando sua beleza, ele era como um boneco parecia até não ser real, pode parecer irreal mas ele me faz sentir coisas boas, pelas minhas experiências eu sei alguma coisa vai acontecer. De repente ele abriu os olhos e a gente ficou se fitando por uns instantes, até ele começar a falar.

- Eu sei que isso pode soar esquisito mas eu acho que vou começar a gostar de você, não sei quando, como, só sei que  vai acontecer, bem pelo menos eu sinto, e aí quer tentar?

- Bem a gente não se conhece e .....

- Lá vem você com seus dilemas de que não nos conhecemos, só se vive uma vez e eu quero viver essa parte com você, bem vamos tentar ....

 

{ TAE }

 

 

 

  Eu estava a olhando esperando uma resposta, mas o que recebi foi uma sorriso, para você pode ter sido insignificante mas pra mim foi o suficiente para perceber que ela aceitou, confesso que dei um sorriso ao contrário do que muitos teriam feito, eu a beijei ?, sim, mas  foi se o mundo estivesse meio grogue sabe, nada mais importava só eu e ela. Depois disso ela virou para mim e disse que ‘’ Sim ‘’, que aceitava tentar arriscar as poucas coisas que tinha construído naquele lugar para tentar alguma coisa comigo, isso me fez lembrar de quando meu avô me disse que as coisas mais simples são as mais importantes, e bem eu vejo que talvez as garotas , as festas, a farra e tudo mais que foi tão difícil de conseguir, de manter e que me trazia um bem maior não seja importante.  Quando me dei conta ela já estava dormindo, eu também estava sonolento então me ajeitei e fui dormir. Acordei e vi que ela não estava mais na cama, desci a escada e a vi fazendo alguma coisa pra comer , cheguei perto dela  me sentei na bancada.

- E aí qual é a boa?, o que você está fazendo?

- Sei lá, alguma coisa com ovo e mostarda._ Disse fazendo uma cara esquisita.

- Hum deixa eu ver o que você está fazendo, senta aí deixa eu terminar.

- Você parece bem experiente com uma espátula, já eu consigo queimar até miojo._ Digo isso e ele me olha surpreso.

- Bem acho melhor então eu cozinhar a partir de agora, acho que não seria legal minha mãe chegar e ver que sua cozinha está  destruída, e você?

- Concordo plenamente. Aliás, quando ela volta?

- Estava previsto pro final do mês que vem, mas não sei por quê?

- Nada só não queria que ela tomasse um susto se um dia ela chegasse e tivesse uma menina sozinha com o filho dela na casa dela.

- kkK, calma ela é de boa, e eu quero saber quando esses passeios   à minha casa irão começar. _ Disse vindo até mim, que estava sentada na bancada.

- Não sei talvez quando você me levar pra sair formalmente sabe....

- Okay, então vamos a gente passa na escola entrega o trabalho e passamos na sua casa para você trocar de roupa, SE PREPARE, vamos à praia!

- HUUU, legal vamos logo.

 

  O Tae foi arrumando as coisas para irmos, enquanto eu ia me arrumando e pegando uma roupa pra ele se trocar na minha casa. Terminamos de nos arrumar e entramos no carro, ele deu a partida e partimos para a escola. Chegamos na frente dela e ele estacionou perto do portão e fomos direto á nossa sala já que estava no horário da nossa aula. Batemos na porta e o professor nos  mandou entrar,  o Tae entrou junto comigo e nos dirigimos ao Sr. Yoon.

 

- Professor estamos de saída, só passamos aqui para entregar o trabalho que o senhor pediu.

- AE Tae!!, tá com a novata cara !

- Cala boca Yoongi!, fica na sua cara._ Disse rindo.

- Então professor espero que entenda, agora tchau vou pra praia !!! Vamos Tae !_ Disse o puxando da sala.

 

 

...

 

- Vamos eu trouxe  suas roupas, vamos nos trocar._ Disse quando ele parou na frente da minha casa.

- Você realmente está empolgada, espero que isso não seja pra me ver só de short._ Disse semicerrando os olhos.

- E eu espero que essa ideia de ir à praia não seja só pra ver meios peitos Sr. Kim._ Disse semicerrando os olhos também.

- Não prometo nada._ Disse subindo as escadas que dão ao meu quarto.

- Nem eu._ Disse beijando o, e o mesmo me pegou no colo e me levou ao meu quarto, que por acaso acertou.

- Tá agora chega, vamos ! _ Disse me soltando de seus braços.

- Eu escolho as suas roupas, você escolheu as minhas.

- Tá._ Disse me sentando na cama.

- É esse { Foto do capítulo }.

- Tá pera.__ disse indo ao banheiro.

- E aí como ficou?_ Disse parando na frente dele que estava na cama  mexendo no celular.

- Puta que pariu, graças a Deus que a gente está tentando alguma coisa._ Disse me olhando.

- Haa para, vamos logo!

 

  Vesti uma saída de praia e Tae vestiu seu short e uma blusa, a parte da blusa eu que mandei. Quando chegamos na praia arrumamos as coisas e fomos pro mar, confesso foi bom, era engraçado pois eu estava em uma praia com um completo estranho, mas estávamos nos conhecendo mais, ficamos a tarde toda na praia e depois ele me levou pra casa. No caminho nos pegamos várias e várias vezes sabe...

 

...

 

- Tchau  Tae._ Disse saindo do seu carro.

- Pera você acha que eu não vou te levar na porta da sua casa?, vamos pequena. _ disse passando o braço pelo meu pescoço.

[ Campainha] – bêêêêê!!!

- Já vai!_ Disse minha mãe no lado de dentro.

- Oi mãe, cheguei!- Sei eu vi, olha você deve ser o Taehyung, entrem.

- Então Taehyung, não quer jantar aqui?

- Seria um prazer.

- Bem vão tomando banho enquanto eu preparo o jantar.

 

 Subimos mas o que aconteceu foi a gente se pegando mesmo. Depois eu tomei banho e depois ele,  a gente desceu e fomos jantar. No jantar a gente se olhava e ria e minha mãe não entendia nada. Quando acabou o Tae e eu ajudamos com a louça enquanto minha mãe  tirava a mesa. Quando acabamos fui levar o Tae no portão, mas o que aconteceu é ........... que ele acabou dormindo aqui.

- Tae quer dormir aqui, sua mãe não está em casa.

- Se a senhora não se incomoda pra mim tudo bem.

- Então tá, você dorme no quarto da S/n, não vou deixar você dormir no sofá. Não vai ter problema né filha._ A gente estava se olhando pensando em várias merdas pra fazer.

- Hamm, sim mãe claro, vai ser ótimo._ Sussurrei essa última parte, só que ele conseguiu ouvir e me deu um sorrisinho malicioso.

-  Bem meninos eu vou ficar vendo tv um pouco querem me acompanhar?

- Não mãe estamos bem.

- Então tá, boa noite pra vocês. _ Ela disse fechando a porta.

- É vamos aproveitar com certeza._ Disse Tae vindo em minha direção e me derrubando na cama.

 

  Ele começou a me beijar e logo pediu passagem com a língua, e é claro que eu cedi, a gente ficou nessa até o ar não se fazer mais presente. Ele começou a tirar minha roupa, me deixando só de sutiã , eu logo tirei sua blusa e arranhei aquele maravilhoso abdômen, mudei as posições e fiquei por cima. Comecei a rebolar em seu colo e ele jogava a cabeça para trás ele começou a querer gemer então eu o beijei evitando isso.

- Haa para, você sabe o que eu quero, para de me provocar._ Disse me olhando.

- Sério, eu não fazia ideia disso, o que é mesmo?, diz pra mim._ Falo em seu ouvido.

- Filha?!!, a mamãe estava lá em baixo e ouvi um barulho esquisito tá tudo bem?

- FUDEO!!_ Dissemos juntos.

 

  Só deu tempo da gente se arrumar na cama e eu peguei um livro e ele fingiu que estava mexendo no celular. Por sorte não fomos pegos, minha mãe entrou no quarto perguntou o que foi o barulho e eu disse que foi ‘’ O Tae caindo da cama’’, ela acreditou mas ficou desconfiada porque ele estava todo suado e seus cabelos estavam grudados na testa, a menos que ele tenha corrido uma maratona não teria razão pra ele estar daquele estado. Depois que  ela saiu a gente ficou de novo mas não passou disso, e depois fomos dormir . O problema é que eu não conseguia dormir por quê? Porque eu não sei o sonho que ele estava tendo mais ele estava gemendo no meu ouvido.

 

- Tae ? Tae?Taehyung!

- Oi!?, que foi?

- Que foi?, eu não consigo dormir você está gemendo dormindo.

- Não tenho culpa de que você está nos meus sonhos.

- Sei, agora deixa eu dormir. _Disse me virando.

- Ei!

- Que foi Taehyung?

- Vem cá!_ Disse me puxando e me fazendo deitar no seu peito.

 

  Ficamos ali até pegarmos no sono. Bem o que eu disse? É por instinto, sabia que alguma coisa ia acontecer.

 

 


Notas Finais


HAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
Q DOIDO, bem terminei agora e postei. Não sei quando vai sair o outro, só sei que vai ser logo.
ouçam ''THERE FOR YOU, NO LIE, SCARED TO BE LONELY ''


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...