História A vida de Mateus Hwang - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Lua, Mateus, Mistério, Romance
Visualizações 14
Palavras 656
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiii. desculpa o atraso!! E que meu cll quebrou e eu tô sem ele, aí já como eu tô usando o da minha mãe decidir vim postar um capítulo pra vocês. Me perdoem os erros e a demora e se o cap estiver ruim vamos ao cap!

Capítulo 4 - Um dia na escola


Fanfic / Fanfiction A vida de Mateus Hwang - Capítulo 4 - Um dia na escola

Mateus Hwang On

Ai que raiva! Esse garoto mal chegou e já tá me irritando ! Vontade de usar o meu Death Note pra acabar com ele. Mais vou ter que esperar.

- Belo nome ~L - disse Lua.

- Obrigada Lua, sua fofa..

Droga. Ele tá pedindo pra morrer.

- Mateus? Mateus você está bem?

- S-Sim por que Lua? - olho ela tentando esconder minha raiva.

- V-você já quebrou 10 lápis ..r-rapidinho - disse ela baixinho pra min ouvir.

- NANI? MEU LÁPIS !!! - falo desesperado.

- Calma, eu te impresso um - ela rir.

- Voce é bem distraído né? - Falou o tal de L.

- Talvez.. mais não me distraio do que é meu.

Mateus Off/ Lua On

Senti o maior climão entre os dois e logo resolvi me intrometer. 

- E...e.....e..!!! O professor chegou! 

- Tabom, obrigada pela informação Luazinha - disse o L.

E o Mateus só virou pra frente.

Ele nem ligou...

Logo o prof começar a explicar a matéria nova de português. 

~Quebra de tempo~

Intervalo

Estávamos no intervalo, eu, Mateus e o L, não sei por algum motivo o Mateus está estranho. Por que eu acho que é culpa minha? O que eu fiz? Será que foi algo que eu falei? Pergunto ou não pergunto?

- M-Mateus...! - o chamo e logo vejo o mesmo me olhar com um olhar que me deixou com medo - ah... Esquece.. não é nada importante.

- Interessante - disse L atrás de mim.

- NANIIII desde quando tá aí? - me viro.

- desde que chegamos - ele sorri e senta numa posição bem estranha que parecia doer (vocês já sabem qual kk) 

- Kami-Sama, você senta se um jeito bem estranho(ksksk pensei merda, desculpa gente)

- Vem sentar também (mds sksk)

- claru! - me sento igualzinho a ele. 

- ............... - saio andando.

- Mateus onde vai?

- Não te interessa..

-mas... - acabo por ficar em silêncio.

Lua Off/ Mateus On

Ahh droga Mateus! Sei que fui errado a tratando daquele jeito mais e que.. ahhhhh mano sério, que eu tô me estressando por causa de uma garoto? Que é super esquesito. Engraçado que tá um esquesito falando do outro, que raiva.

- vai ver XVideos - disse o Shinigami.

- Ahh lá vem você de novo com essa história de XVideos - Reviro os olhos.

~Quebra de tempo~

Cadê a Lua? Já se passaram uns 20 minutos depois do intervalo e ela ainda não voltou pra sala.

- Ah...e .. Mateus a Lua vai pra casa por que ela está se sentindo mal. Eu vou levar ela.

Meu sangue ferveu.

- Como você vai levar a minha namorado em casa? Sendo se eu e meu papel quem você pensa que é pra ficar tão íntimo dela?

- Ah..Hm.. - ficou pensativo - mesmo eu achando que eu já me apresentei pra você, eu digo de novo. Olá, prazer meu nome é ~L. - Saio andando.

Droga. Droga. Droga.

~Quebra de tempo~

Não tenho nada pra fazer, ainda tenho que me desculpar com a Lua. Pego meu Death Note e ligo a TV e logo começo.

- MC Dom Ruan, morreu afogado hoje às oito horas da noite.

....

Estava lá mais um vez escrevendo o nome de outro funkeiro quando recebo uma carta e vou até a caixinha e pego e logo abro e leio.

Carta 

Do detetive ~L

Sei quem você, sei que é você que está matando as pessoas uma por uma. De algum modo, e eu estou disposto a descobrir como, vou investigar você é acabar com a sua farrar e parar com essa onda de assasinatos que você vem causando. Por que eu sou a justiça.

Carta Off

A não! Sério? Eu tenho que acabar com esse cara.. e como assim ele é a justiça? Eu sou a justiça! Eu vou eliminar o mundo de pessoas sujas, como os funkeiros e esses malditos presidiários que não deveriam estar vivo. Vou eliminar todos que se opõem a minha justiça, vou parar todos que atrapalharem meu caminho.

- Por que eu..

- Por que eu.. (E o L falando nessa aqui)

- Sou a justiça!

-Sou a justiça! (~L de novo)

    Continua...







Notas Finais


Arigato por lerem meu Raposos é Raposas fofos(as) até a próxima!!!!
(^^)🍭


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...