História An Innocent In My Hands - Yaoi. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Alluka Zoldyck, Chrollo Lucilfer, Feitan, Gon Freecss, Hisoka, Illumi Zoldyck, Isaac Netero, Kalluto Zoldyck, Killua Zoldyck, Kurapika, Leorio Paradinight
Tags Comedia, Ecchi, Escola, Festa, Gon, Gon X Killua, Hentai, Killua, Killua X Gon, Kirugon, Kurapika, Lemon, Leório, Luta, Morte, Romance, Sexo, Yaoi
Visualizações 105
Palavras 1.057
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Canibalismo, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


❤➡Alerta 😪❤


💜An Innocent In My Hands todo sábado.💜


💙Love Is Solved todo domingo.💙


💛Just A Bite And Nothing More toda segunda,💛

Capítulo 5 - V - Muita Inocência é Bom.


Fanfic / Fanfiction An Innocent In My Hands - Yaoi. - Capítulo 5 - V - Muita Inocência é Bom.

P.O.V.'s Killua/ON

_ Ham... O que eu acho de você? - Dei uma pausa para pensar. - Inocente de mais, por acaso você sabe o que é BVL?

_ Hum... Acho que sim! - Me olhou pendendo a cabeça para o lado e me penetrando com aquele olhar dourado.

_ Prossiga então. - Pedi.

_ B-Bem... - Houve um longo tempo em silêncio. Sorri sacana enquando fecho os olhos.

_ Quer que eu te mostre? - Perguntei já sabendo que a resposta seria não.

_ Hai! - Disse anime.

_ *COF COF COF* O QUÊ?!

_ Hum... Você não pode me mostrar? - Olhou para mim e fez bico inflando as bochechas. Comecei a suar frio e ficar nervoso, e o nó na garganta já se via presente.

_ N-Não é isso, Gon. Só acho que você deve descobrir sozinho, você que tem que escolher a pessoa que irá tirar seu BVL, alguém que goste. - Disse tentado fazer ele entender a situação.

_ Nani? Mas eu gosto do Killua! - Chegou mais perto.

~ 1... 2... 3...

Contei mentalmente para logo em seguida dar um pequeno beijo ao moreno em minha frente, foi muito rápido e eu estava muito nervoso, fazendo aquele simples selinho sair de um modo desajeitado. Seus lábios eram macios e pequenos, me deu uma grande vontade de os morder, é assim o fiz. Separei minha boca da sua pela falta de ar e encarei sua face, estava corada e com uma expressão perdida, sorri e acabei com aquele pequeno espaço que tinha entre nós dois de novo. Coloquei meu dedo indicador e o polegar em seu queixo fazendo-o inclinar a cabeça para cima e dando mais conforto a ambos, minha boca fazia simples movimentos enquanto a sua está sem saber o que fazer, sorri ente o beijo. Rochei minha língua em sua boca pedindo passagem e logo a recebi; explorei o local com ansiedade que foi percebida por Gon, o menor começou a tremer passando suas mãos tímidas em volta de meus pescoço procurando por mais contato.

Fui subindo em cima de si até o mesmo deitar no chão por completo e eu ficar em meio de suas pernas prensando suas mãos a cima de sua cabeça, separei o beijo e dei atenção ao seu pescoço dando-lhe mordidas e beijos molhados.

_ Gon... Você não é mais... BLV... - Falei entre uma beijo e outro dando-me o prazer de ouvir meu nome ser gemido.

_ Kill... Killu-a~ para-aa.... KILLUA! - Aumentou o som da voz me fazendo despertar de um transe.

_ Gon? O que.... Ah! G-Gomen! Não era a intenção! Eu... Eu... 

_ KILLUA! - Foi a única coisa que eu ouvi antes de sair correndo.

(...)

Diria que estava perdido naquele floresta tensa se não a conhecesse a alguns meses. Eis aqui eu andando sem rumo tendo apenas um pensamento. Gon. Ele era meu pensamento, se eu mal conseguia olhar para a cara dele com aquelas minhas desconfianças com a minha sexualidade, imagine agora? Se bem que eu não sou homossexual, Gon seria só uma exceção, certo? Mas quem disse que eu gosto dele? São apenas dúvidas... Seus lábios são tão macios... Tem um gosto doce...

Sorri com meu pensamento de garota apaixonada e comecei a caminhar olhando o local, ainda aparenta ser 14:00 horas da tarde, e como ainda não era tarde, continuei explorando o local. Andei. Andei. Andei. Andei e minha expressão de tranquilidade continuava a mesma, mas eu sabia que eu estava muito nervoso no momento. Andei. Andei. Andei. Uma coisa que me chamou a atenção, foi uma caverna escura que em sua entrada havia uma cortina de plantas, e entre elas, eu conseguia ver certo brilho lá no fundo, pouco mais era notável.

Como minha curiosidade é a de um gato, eu adentrei a caverna, porque não? Provavelmente em uma caverna escura não teria nada de mau certo? Culpem apenas a curiosidade.


Quanto mais eu entrava na caverna, mais a luz era forte e notável, a cada passo a curiosidade aumentava de um tamanho tão grande que fazia o pelo do corpo arrepiar. Agora só faltava alguns passos...

1...

2...

3...

4... Passos.

Já consegui ver a luz em um brilho denso.

5...

6...

Já conseguia ver tamanha beleza que o local tinha, era um espaço gigante e em meio naquele vazio, havia um lago, mas o que mais me impressionou era que os peixes e plantas marinhas daquele lago razo, estavam brilhando, deixando o local adimiravel. Não resisti e afundei minha cabeça naquele local, alguns peixes se afastaram e outros se aproximaram me dando beijos na bochecha ou nariz me fazendo rir de baixo da água.

Imagens começaram a vim, e todas eram dos meus melhores amigos, Leorio, Kurapika e... Gon.... Ele é tão delicado, qualquer insulto ou complicação com os seus amigos, ele fica agitado, ele é... Magnífico, inocente e belo. Eu acho que.... Eu gosto dele. Quantas vezes já me pequei adimirando ele? Minha visão está ficando escura... Onde está o ar? Onde eu realmente estou...?

~ Gon...

A escuridão me pegou.


(...)


_ KILLUA! KILLUA~ acorda!!! - Ouvi alguma voz me chamar.

_ Gon...? - Perguntei em sussurro.

_ Killua? Você está bem? - Perguntou quando eu finalmente abri os olhos e pude ver sua expressão de preocupação.

_ O que houve? - Pergunto olhando ao redor e vendo que estou em uma caverna. Me lembrei...

_ E-Eu segui seu cheiro... E-E te achei aqui dentro boiando naquele lago enquanto vários peixes tentavam te puxar para a borda! Porque você estava assim...? 

_ Não sei... Só achei esse lugar e me deu vontade de colocar a cabeça dentro da água para ver os peixes, e eu acho que dormi ou me afoguei pensando em você. - Digo já sentado ao seu lado tendo minha expressão de naturalidade como se nada tivesse acontecido.

_ Gomem... - Pediu.

_ Hum? 

_ Desculpa por te afastar. - Mordeu o lábio mostrando seu constrangimento.

_ Eu que devia me desculpar! Eu fui o errado!

...

Silêncio.

Era o que se ouvia naquele momento entre nós, ele olhava fixamente para mim como se não merece minha companhia. Me aproximei e peguei sua mão entrelaçando nossos dedos.

_ Já conhecia aqui? - Pergunto.

_ Não.

_ Bonito, não é? - Ele concorda. - Que tal ser nosso esconderijo? - Suponho animado. Vejo o mesmo dar um sorriso e balançar a cabeça animadamente. - Vamos fazer a promessas!

Fizemos guerra de polegares cantando aquela música.

_ Juramento com um beijoooooooooooo~ - Juntamos os polegares. Me aproximei e juntei nossos lábios e logo se separando.

_ Sim! Com um beijo!


Notas Finais


Desculpa erros de pt! Já estou corrigindo.

➡Desculpa se ficou curto o capítulo💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...