História And you said you had my back - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Marco Reus, Mats Hummels, Robert Lewandowski
Personagens Marco Reus, Mats Hummels, Personagens Originais, Robert Lewandowski
Tags Dortmund, Futebol!, Marco Reus, Mats Hummels, Robert Lewandowski
Visualizações 130
Palavras 2.038
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Esporte, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem ♥

Capítulo 4 - Life's too short to even care at all - parte 1


Fanfic / Fanfiction And you said you had my back - Capítulo 4 - Life's too short to even care at all - parte 1

Marina POV

Já eram 20:30 e resolvi começar a me arrumar.

Mats disse que era um bar que eles sempre iam depois dos treinos. Não era necessária uma vestimenta muito formal.

Coloquei uma calça jeans meio rasgada e uma blusa branca de manga longa. Arrumei um lenço cinza e branco em meu pescoço e fiz uma maquiagem um pouco mais arrumada.

Percebi que a casa estava completamente em silêncio e resolvi ver como estava Marco.

Bati em sua porta e nada. Entrei devagar e o vi acabado em sua cama.

-Marco? - o balancei suavemente - Marco!

Ele acordou meio assustado.

-Eu marquei 21h com minha amiga lá. Já tá quase na hora.

-Eu vou só ajeitar o cabelo e vamos juntos.

-Vou te esperar lá embaixo.

-Beleza.

Desci e sentei no sofá. Meu celular começou a tocar.

-Alô?

-É o Hummels.

-Oi Mats. - sorri sozinha.

-Acabo de saber que Subotić chamou seu irmão.

-Eu não sabia que não podia. - ouvi a voz de Neven ao fundo.

-É, eu sei. - eu ri - Ele veio me chamar pra ir com vocês. Vocês já tão no bar?

-Acabamos de chegar.

-Eu to só esperando Marco e já vamos.

-Então tá, até daqui a pouco.

-Até. - encerrei a ligação.

-Quem era? - Marco apareceu na sala.

-Que susto. - ele riu - Era minha amiga, ela já tá indo pra lá.

-Marcel mandou mensagem falando que tava indo também.

-Então, vamos?

-Vamos. - ele pegou as chaves do carro e da casa e saímos.

Não demoramos para chegar no bar.

-Vou arrumar um lugar pra estacionar, vai entrando.

Concordei e saí do carro.

Entrei no lugar e logo vi Subotić no bar.

-Oi Neven. - cheguei por trás dele.

-Marina, nunca chegue por trás de um homem. - eu comecei a rir da reação dele - Mats tá ali naquela mesa.

Ele apontou e vi Mats mexendo em seu celular.

Fui andando até a mesa e parei em sua frente. Ele ficou um tempo ainda olhando o celular e olhou para mim.

-Marina?

-Queria saber quanto tempo você ia levar pra perceber que eu tava aqui. - o abracei.

-Nem demorei muito, espero. - me sentei ao seu lado.

-O que tanto você olhava aí?

-Ah, nada demais. - ele bloqueou o aparelho - E cadê seu irmão?

-Estacionando o carro.

-E sua amiga?

-Dei uma olhada e ela ainda não chegou.

-Ainda não são 21h. - ele olhou no relógio.

-É, ela deve estar chegando.

-Três cervejas bem geladas pra gente. - Subotić chegou segurando três canecões - E que história é essa de vocês dois excluírem Marco?

-Ninguém ia excluir o Marco. - Mats respondeu.

-A culpa foi minha. Brigamos hoje de manhã e encontrei Mats de tarde. Queria fazer alguma coisa sem meu irmão.

-Hmmm, to de olho. - Subotić apontou para nós.

-Boa noite, boa noite. - Marco chegou na mesa - E minha cerveja?

-Filhão, pega lá. - Subotić apontou pro balcão - Já fiquei muito tempo esperando essas.

Marco riu e foi na direção do bar.

Dei um gole no copo que Neven trouxe para mim e logo avistei Caroline entrando.

-É a minha amiga, já volto meninos.

Levantei e fui ao encontro dela.

Mats POV

Marina levantou para falar com a amiga e fui a seguindo com os olhos até Subotić chamar minha atenção.

-O que você tá pensando aí? - olhei para ele - Ou melhor, o que você tá olhando aí?

-Eu? Nada.

-Mats Hummels, Mats Hummels. Marco é bem ciumento quando se trata da irmã dele.

Olhei surpreso para meu amigo.

-Cara, o que você tá falando?

-Você sabe. Essa semana você deu um soco no Gundogan. Hoje você ia sair só com ela.

-Eu soquei Gundogan porque ele falou de Cathy. E eu não ia sair só com ela, eu chamei você e Marcel e ela vinha com a amiga.

-Hummels eu te conheço cara e...

-Meninos, essa é Caroline. - Marina chegou com a amiga - Esse é Mats e esse é Neven. - sorri simpático.

-Prazer meninos. - a menina sorriu também.

-Já sei que você não é alemã. - Subotić sorriu.

-Sou australiana, me mudei recentemente para cá.

-Também não sou, sou sérvio. Vim pra cá por causa de trabalho.

-Sério? E você faz o que? - Caroline perguntou simpática.

Subotić olhou para mim, olhou para Marina e voltou a olhar para a menina.

-Você não sabe quem nós somos? - ele apontou para mim e para si mesmo.

-Eu acabei de conhecer vocês. - ela respondeu estranhando a reação do Neven.

-Um inferno pegar uma simples cerveja. - Marco chegou na mesa.

-Você não sabe quem é ele? - Subotić apontou para Reus.

-Sou Marco, irmão da Marina. - Reus estendeu a mão.

-Sou Caroline. - ela apertou a mão de Marco - Mas por que deveria conhecer vocês?

Marina e eu nesse ponto já estávamos morrendo de rir do Neven.

-Eles jogam no Borussia Dortmund. Os três são jogadores profissionais.

-Meu deus. - Caroline falou surpresa - Desculpa, eu não conheço jogador nenhum além de Cristiano Ronaldo e Messi.

-Não se preocupe, esse aqui não é tão famoso assim. - bati no ombro de Subotić.

-Carol. Posso te chamar de Carol? - Subotić perguntou e a menina concordou com a cabeça - Como eu ia dizendo, sexta nós vamos jogar aqui no Iduna e Marina vai. Você tem a obrigação de aparecer.

-Por mim, perfeito. - Carol sorriu.

-Peraí, peraí. Quem falou que eu vou? - Marina se manifestou.

-Ué. Marco. - Subotić apontou para o loirinho.

-Não. Eu falei que se você quisesse chamar, você podia. - Marco se defendeu.

-Então, Marina, quer ir ao jogo sexta? - Neven perguntou.

-Não. - ela respondeu direta olhando para Marco.

-Ah Marina, você vai deixar a oportunidade de ver ao vivo o melhor zagueiro do mundo? - Subotić insistiu.

-Obrigado pelo elogio cara. - falei para ele.

-Meninas e meninos. - Marcel chegou chamando a atenção - Boa noite. Oi Marininha e oi...

-Caroline. - Marina completou.

-Carol. - Subotić corrigiu.

-Oi Carol, sou Marcel.

-Prazer Marcel.

-Vocês por acaso viram que tem karaokê? - Marcel perguntou para a gente.

-QUE??? - Subotić gritou - Marina, vamos?

Marco deu uma gargalhada alta.

-Marina cantando? Piada.

-Canto melhor do que você. Mas nem pensar. - ela sorriu.

-Marininha... - Subotić abriu os braços.

-Carol, topa? - Marina jogou para a amiga.

-Não sou grande coisa cantando, mas to dentro.

-OPA. GOSTEI. - Subotić levantou a mão para Carol bater - Vamos lá botar nosso nome.

Neven saiu puxando a menina para a parte do karaokê.

-Po Marcinho, vamos lá comigo pegar bebida. - Marcel piscou discretamente para mim.

-Acabei de voltar de lá. - Marco reclamou.

-Ououou, parou de reclamação e vambora. - Marcel puxou Marco, deixando eu e Marina sozinhos na mesa.

Acabei dando um sorrisinho porque tinha acabado de entender porque ele piscou.

-Que foi? - Marina me perguntou sorrindo.

-Nada demais. Marcel é muito idiota. - ri sozinho de novo.

-Gosto de Marcel. - ela sorriu olhando para ele no bar.

-Mas e você?

-O que tem eu? - ela se virou para mim.

-Não vai mesmo no jogo na sexta?

Ela pareceu meio pensativa.

-Ah, seilá. Não é muito minha cara até porque eu sou Schalke.

-Ninguém é perfeito né. - ela riu - Mas seria um prazer entrar em campo sabendo que você estará no estádio torcendo por nós.

-Quem disse que eu torceria por vocês?

-Eu sei que você torceria.

-Cadê os meninos? - Subotić chegou correndo - Vão lá ver que eu e Carol somos os próximos a cantar.

Terminei minha cerveja e deixei meu copo lá. Marina não tinha bebido quase nada e estava cheia de coisa na mão. Era o copo, a bolsa, o casaco.

-Quer que eu leve alguma coisa? - perguntei já em pé.

-Por favor. - ela me entregou o casaco e fomos até as mesinhas do outro lado do bar.

Pegamos uma que era bem próxima do palco. Carol e Subotić já estavam se preparando para cantar e Marco e Marcel chegaram com mais cerveja.

-Não acredito que Subotić vai fazer a menina fazer isso. - Marcel falou rindo.

-Ela vai mandar bem. - Marco sorriu na direção dos dois - Diferente de Marina, ela é corajosa.

Marina revirou os olhos enquanto Marco ria.

-Aposto que Marina canta melhor. - falei defendendo ela.

-Não, você não aposta. - Marco se virou para mim.

-Quanto você quiser. - estendi a mão.

-Mats, não. - Marina abaixou meu braço - Seria dinheiro fácil pro Marco.

-Seria até injusto de tão fácil. - Marco falou rindo para a irmã e se virou para o palco.

-Insuportável. - Marina falou só com os lábios e fez uma careta pro irmão, me fazendo rir.

-Eles vão começar. - Marcel falou se sentando.

Os dois subiram no palco, cada um com um microfone. A música começou e os dois começaram a cantar.

A música era "Every Breath You Take" do The Police.

Demorou um pouco para eles se soltarem, mas logo Subotić estava gritando apontando para nossa mesa e Carol tentando segurar a risada para continuar a cantar.

Eles terminaram de cantar e todo mundo aplaudiu. Subotić deu um abraço em Carol a ajudou a sair do palco.

-Que vergonha. - Carol falou chegando na mesa.

-Vocês mandaram muito. - Marina abraçou a amiga.

-Você canta muito bem Carol. - Marco abriu um sorriso.

-Obrigada.

-CADÊ MEUS ELOGIOS? - Subotić chegou gritando.

-CARA VOCÊ ESTRAGOU UMA DAS MELHORES MÚSICAS DA HISTÓRIA. - Marcel gritou de volta.

-Recalcado. - Subotić falou desanimado.

-É a vez de vocês. - Carol falou olhando para mim, Marina, Marco e Marcel.

-Nem fudendo pra mim. - Marcel saiu fora.

-To junto do Marcel. - Marina falou logo em seguida.

-Eaí Mats? Vamos? - Marco falou me desafiando.

-Escolhe a música Marcinho.

-SEGURA ESSE MENINO. - Subotić falou apoiando em meu ombro.

Levantei e fui com Marco escolher a música.

-Nada que fique muito gay isso aqui. - Marco falou rindo - Beatles, Marina ama.

-Pode ser uma deles. - olhei para Marina de longe.

Marco escolheu a música e um cara entregou os microfones.

-Já podem subir que a música já vai começar.

-Eu faço a segunda voz Mats.

A música começou e Marco começou cantando.

-HELP!

-I need somebody. - continuei.

-HELP!

-Not just anybody.

-Help!

-You know a need someone.

-HEEEEELP!

Eu e Marco começamos a cantar juntos e pude ver Marina cantando lá embaixo. Subotić não parava de rir e aplaudir.

Terminamos a canção e todos novamente aplaudiram. Eu e Marco descemos do palco e voltamos para nossa mesa.

-ESSE É MEU HOMEM. - Subotić falou alto para os outros.

-Vocês dois não vão mesmo? - Marco olhou para a irmã e Marcel.

Marcel olhou para Marina, Marina olhou para Marcel e os dois responderam juntos.

-Não.

-Gente fica aqui. Vou trazer bebida. - Subotić falou e foi ao bar.

-O que achou de nosso desempenho? - perguntei para Marina.

-Escolha da música foi perfeita. - eu sorri - MAS VOCÊS ESTRAGARAM OS BEATLES.

Comecei a rir e ela também.

-To brincando. Vocês mandaram bem, não fala pro Marco que falei isso.

Olhei em volta e Marco estava muito entretido conversando com a Caroline e Marcel estava no celular com uma cara estranha.

-Que houve? - perguntei.

-Ah, nada. - ele forçou um sorriso - O que vocês estão falando?

-Schmelzer... - o encarei sério.

-É que Durm levou a namorada pra jantar e ele encontrou alguém lá. - continuei o encarando - Cathy está lá com um cara.

Senti uma porrada de leve na cara. Mas permaneci com minha pose.

-Ah...

-Pode ser só um amigo. - Marcel falou rápido.

-É, no restaurante que eu trabalhava o que mais eu via eram amigos comendo juntos. - Marina completou.

-Tanto faz. - dei de ombros.

-Vou ajudar Subotić que ele tá chamando alguém. - Marcel se levantou.

-Hey. - Marina se virou para mim - Você está bem?

-Estou. - olhei para ela.

Ela me abraçou de lado e dei um beijo no topo da sua cabeça.


Notas Finais


Beijos da batgirl ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...