História Antes eram inimigos, agora são mais que amigos - Vkook - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jungkook, Kim Taehyung, Kook, Kookie, Tae, Taekook, Vkook, Yoonseok
Visualizações 66
Palavras 1.052
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente eu sei! Eu sei que está chato esse capítulo, mas eu não tava com muita criatividade ta, desculpem-me!

Boa leitura, mesmo o capítulo estando horrível

Capítulo 19 - A infância de Jungkook Pt. 2


Jungkook


Eu estou pronto! Eu sei que Tae é a pessoa da minha vida, eu não quero lhe esconder nada!


- Certeza que não quer esperar mais? Eu espero todo tempo do mundo por você!

- Não eu estou pronto Taezinho!

- Então eu também, tenho que lhe contar a minha certo?

- Se você quiser...

- Tae eu já vou me desculpando por não lhe contar antes, você é uma das duas pessoas que eu mais me importo em toda minha vida!

- Não tem probl.. - Eu não o deixo terminar e o corto.

- Deixa eu contar tudo, depois você tá bem? - Ele apenas afirma com a cabeça - Bom eu já vou falando que minha infância não foi nem de perto boa - suspirei, e fiquei de cabeça baixa - Minha omma me teve muito cedo, ela tinha apenas 16 anos quando engravidou e 17 quando me teve, ela ainda era adolescente, e estava saindo com um homem de 19 anos. Eu não sei muito sobre isso porque minha omma não me contou muito, ela sempre chora e eu peço para para-la, mas continuando... o meu p-pai brigou com minha omma, queria que ela me abortasse - senti uma lágrima descendo, merda eu sou muito sensível - mas mesmo ela tendo 16 ela sempre me amou! - e surge um sorriso no meu rosto - eles brigaram, mas minha omma conseguiu convencer ele que eles deveriam me "criar" juntos, ele concordou e eles se casaram, minha mãe tinha 17, e ele 20 quando isso aconteceu. Até aí está meio normal até, mas eles sempre brigavam, desde que eu nasci, e eu me lembro que quando eu tinha apenas 4 anos, ele chegou bêbado em casa e espancou minha mãe, as primeiras vezes eu chorava, e muito, mas depois de alguns anos, eu apenas "chorava por dentro", e não demonstrava muitas expressões - Eu começo a chorar lembrando de algumas coisas e Tae percebe.

- Kookie, não precisa falar se não quiser - Ele fala isso enquanto me abraça.

- Mas eu quero, continuando quando eu tinha 11 anos, meu pai chegou muito bêbado, bateu em minha omma, e ela foi para o quarto chorar, e então chegou minha vez, eu achei que ele apenas iria me bater como sempre, mas não! Ele entrou no meu quarto trancou a porta, e começou a tirar a minha r-roupa, eu começei a tentar abrir a janela para fugir, mas quando percebo ele já está em cima de mim, E... E ele abusou de mim... Eu só chorava, dia e noite, eu não contei a minha omma porque não queria vê-la sofrer mais, e ele dizia que se ela se separasse dele, ou contasse a alguém, ele viria atrás de mim para me matar, isso foi até meus 14 anos, e nesse tempo eu não era nem um pouco feliz, e por conta disso não tinha amigos e fui cada vez ficando mais tímido, porém quando eu tinha uns 14 anos, algum anjo veio em minha vida e denunciou meu pai, assim ele foi preso, e está na prisão até hoje, e se Deus quiser ficará lá para sempre!


V


Eu não consigo acreditar que meu Kookie passou por isso! Mas uma coisa nós temos incomum de quando éramos pequenos, nenhum de nós tivemos uma infância boa!


- Jungkook... Você nunca foi visitar seu pai?

- Então, depois de tudo o que ele fez comigo e com minha omma, eu não consigo pensar "tenho um pai", para mim ele é uma pessoa qualquer que fez eu e minha omma sofrer, eu nunca fui visitar ele, e nem vou, eu não tenho sentimento nenhum dele! Tae, eu tirei um peso das minhas costas lhe contando isso sabia! E se nós brigamos algum dia, você me promete não contar a ninguém? Eu nunca contei isso a ninguém, nem para os meninos.

- Kookie, nós nunca vamos brigar! Você é a pessoa perfeita para minha vida! Nunca vou abandona-lo! E sempre vou tentar lhe proteger! Por que eu te a-amo Jungkook! Mais do que tudo!


Jungkook, esta paralisado e vermelho, apenas olhando em meus olhos, mas eu fui muito sincero com minhas palavras! Ele  está apenas calado, então eu selo nossos lábios e ele sussurra em meu ouvido.


- Eu também te amo Kim Taehyung, meu coração pertence a você apenas.


Nós nos separamos, porque estávamos nos abraçando né, e eu vou comecar lhe contar de minha infância, mas não tenho muito o que falar.


- Kookie, minha infância não foi boa também, mas foi simples, e eu vou conta-la resumidamente ta, eu tô morrendo de sono.

- Sou todo ouvidos! Mas se não quiser não precisa.

- Tá, então vou começar. Meus pais namoravam a um mês e minha omma engravidou de mim, ela tinha 20 anos e ele também, gostaram da ideia de ter um filho? Na verdade não! Mas eles foram gostando com o tempo, para ser mais específico, apenas minha omma gostou! E eles se casaram. Quando eu tinha meus 7 anos, eu estava em casa no meu quarto a tarde, e meus pais trabalhando, na verdade só minha omma. De repente eu ouço a porta da sala abrir, eu sabia que era meu pai, então ele mesmo abriu a porta, passaram uns 15 minutos e eu ouvi uns barulhos (gemidos) estranhos vindo do quarto dos meus pais, então eu fui ver, quando eu entro no quarto vejo o meu pai transando com uma mulher que não era minha mãe, eu não sabia o que era aquilo na época, mas sabia que ele não deveria fazer com outra mulher, mas ele nem me viu no quarto. Eu contei para ele que tinha visto, mas ele me ameaçou e ameaçou minha omma, então eu nunca á contei isso, mas fora isso ele também sempre batia em mim, na minha omma não mas em mim sim. Uma vez ele pegou uma faca e enfiou em minha minha perna, e eu não pude falar para minha omma - Digo isso mostrando a cicatriz em minha perna - Acho que é só isso Jungkookie.


Jungkook não diz nada, apenas vem para perto de mim e me dá um beijo, eu acabei e perceber que ele está chorando.


- Coelhinho não chora se não eu também vou chorar! 

- Eu te amo muito Tae!

- Você sabe que eu também. Deita, vamos dormir Kookie.


Então nos deitamos para dormjr


Notas Finais


Desculpem-me não atualizar estes dias, mas eu tinha prova e tá no final do ano, então eu tenho que me esforçar para passar de ano né.
Espero que estejam gostando! ❤
Beijinhos ❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...