História Beautiful Eyes - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Arthur Aguiar, Chay Suede, Lua Blanco, Melanie "Mel" Fronckowiak, Micael Borges, Sophia Abrahão
Personagens Arthur Aguiar, Lua Blanco
Tags Arthur Aguiar, Lua Blanco, Luar, Rebeldes
Visualizações 23
Palavras 1.801
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu Sumi ? Sumi ! Mais agora eu estou de voltaa 🎶😂 Desculpa a demora para postar capítulo é que eu estou sem Net essa semana 🙄👌 Chega de papo 🙅 e Vamos para o capítulo novo 🖤 Boa Leitura (Desculpa alguns erros)

Capítulo 11 - A Briga


Fanfic / Fanfiction Beautiful Eyes - Capítulo 11 - A Briga

- Terça-Feira 09:00 -

- Narrado por Roberta -

Acordei com a Alice me chamando  muito animada,odeio gente bem humorada de manhã cedo,ignorei ela e continuei dormindo mais ela não parava de me atrapalhar dormir.

Alice: Roberta acorda para tomar café da manhã

Roberta: Não

Alice: Robertaa

Roberta: Fica quietinha Princesa para a Roberta gostar de você!

Alice: Roberta você vai se atrasar

Roberta: Chataa - Me Levanto

Levanto e vou direto para o banheiro,tomo meu banho,coloco meu uniforme,escovo meus dentes,arrumo meu cabelo,calço uma bota,coloco minhas pulseiras,meu colarbe vou para a cantina tomar meu café da manhã. Chegando na cantina olhei  em volta e vi que em uma mesa estava a Alice sentada com a Vitória,a Maria,a Juju, a Duda e a Soso,na mesa ao lado estava o Diego,o Pedro e o Tomás,peguei minha bandeja com meu café da manhã e levei para um mesa no cantinho e fiquei sentada lá sozinha. O Diego não parava de me olhar por um segundo que chato,acabei o meu café,fui até o meu quarto peguei meu material e depois fui para a sala de aula. A primeira aula era de Literatura,entro na sala de aula e o Vicente entra logo em seguida,me sento do lado do Diego e ele não para de me olhar,ignoro e continuo prestando atenção na aula. Depois de um tempo a aula do Vicente acabou e quando fui sair da sala dei de cara com o Diego.

Diego: Oi

Roberta: O que foi ? Perdeu alguma coisa na minha pessoa ?

Diego: É o que ? - Pergunta não entendendo nada 

Roberta: Ficou me olhando a aula toda perdeu alguma coisa?

Diego: larga de ser grossa garota

Roberta: Quer saber?

Diego: O que ?

Roberta: Tchau - Saio andando

Sai andando e quando escuto a Dona Tereza pedindo para o Diego ir até a sala do Diretor,será que ele descobriu alguma coisa sobre a noite passada ? Tomará que não. Continuo andando, vou até a biblioteca, pego um livro e me sento para ler...

- Narrado Por Tomás -

Tinha poucos tempo que a aula de português tinha acabado,então resolvi dar uma volta no jardim,de repente vejo uma garota com roupa de ginástica parada,ela não parecia bem e quando cheguei perto ela acabou desmaiando,eu não sabia o que fazer então peguei ela no colo e levei até a enfermaria do colégio. Depois de um tempo ela acordou,eu ajudei ela ir até a sala de estar e quando chegamos la eu encontrei a Alice Albuquerque que resolveu ajudar.

Alice: O que aconteceu com ela ?

Tomás: Ela desmaiou

Alice: Carlaa - Coloca a mão na cintura

Carla: Eu estou bem

Tomás: Você precisa comer

Carla: Eu vou tentar

Alice: Como assim?

Tomás: Ela come e coloca pra fora

Alice: Carla,você precisa parar com isso

Carla: Eu juro que eu vou me alimentar

Tomás: Quero so ver em minha filha

Alice: Obrigada por ajudar ela ... - Tenta lembrar meu nome 

Tomás: Tomás - Interrompo ela e dou um sorriso

Alice: Pode ir que eu fico com ela

Tomás: Valeu Alice

- Narrado por Pedro -

Entro na sala de estar e a Alice estava sentada ao lado da Carla,eu acho que é esse o nome dela,chego perto das duas para trocar uma ideia.

Pedro: E aí 

Carla: Oi

Alice: Pedro - Da um lindo sorriso

Pedro: O que aconteceu ?

Carla: Nada

Alice: Ela desmaiou

Carla: Alicee

Pedro: Está bem Carla ?

Carla: Estou sim

Alice: Está gostando da escola?

Pedro: Até que é legal

Carla: - Se levanta e sai

Pedro: É nova também no colégio?

Alice: Não,eu estudo aqui desde o ano passado

Pedro: Gosta daqui?

Alice: Esse ano eu estou gostando - Da um sorriso e mexe no cabelo

Chego mais perto dela,eu não sei o que estava acontecendo, eu só sei  queria ela  para mim,sei lá pelo menos era isso que eu estava sentindo no momento, vontade de cuidar dela, tudo ao meu redor parou ,fomos nós aproximando cada vez mais e quando estavamos quase nós beijando aparece alguém para atrapalhar...

Pilar: A Princesinha e o favelado

Alice: Pilaar - Fala muito brava

Pedro: Quem é essa garota?

Alice: A filha do diretor

Pilar: E a filha do Franco

Pedro: Você é filha do Franco?

Alice: Sim por que ?

Pilar: Briga de casal,adoro  - Começa a rir

Pedro: Eu não acredito - Chuto o sofá e subo correndo

Alice: Pedro volta aqui - me grita

Pilar: Seu príncipe te deixou - Da um gargalhada 

Alice: Garota,eu te mato ainda - Sobe brava 

- Narrado por Roberta -

Eu estava cansada de ler,então resolvi sair da biblioteca e ir para a sala de estar. Quando cheguei lá vejo o Diego com o seu pai,ele era um cara muito arrogante e rígido,não deixava o Diego falavar uma palavra,mais quando ele viu a Márcia sua filha o mesmo mudou totalmente seu comportamento,colocou um sorriso no rosto,trocou algumas palavras com muito carinho e foi embora. O Diego se sentou no sofá com uma cara triste e eu me sentei ao lado dele e começamos a conversar...

Roberta: Oi

Diego: Oi - Abaixa a cabeça

Roberta: Hey - Levanto a cabeça dele

Diego: To de cabeça quente Roberta

Roberta: Enfia a cabeça na geladeira

Diego: Sem piadas Roberta

Roberta: Você morre de medo dele

Diego: Ele é meu pai

Roberta: E você é filho dele não uma marionete

Diego: Eu não sou uma marionete

Roberta: Não foi o que eu vi

Diego: E o que você viu ?

Roberta: Eu vi que você faz tudo o que ele manda

Diego: Ele é so quer o melhor pra mim

Roberta: O melhor pra ele ne ?!

Diego: ... - Fica em silêncio

Roberta: Eu vi como ele tratou sua irmã

Diego: Ela é inteligente,a melhor aluna do colégio,tem notas boas e eu não sirvo para nada

Roberta: Para com isso Garoto

Diego: Eu so queria agradar meu velho

Roberta: Se preocupa em agradar você e não as pessoas

Diego: Você é muito foda-se para as coisas

Roberta: Eu sei e você devia ser assim também - Pisco para ele - Agora eu vou para o meu quarto

Diego: Quer que eu te leve ?! 

Roberta: Eu sei o caminho - Saio andando

Diego: Garota doida - Da uma risada

Subo para o meu quarto e quando entro encontro a Alice deitada na cama chorando...

Roberta: Mais um - Coloco a mão na cabeça

Alice: Roberta ?! - Fala secando as lágrimas com a mão

Roberta: Não,é a chapeuzinho vermelho

Alice: Estava ai muito tempo?

Roberta: O suficiente pra te ver chorando,quebrou uma unha?

Alice: Nãão

Roberta: Ainda bem

Alice: Por que ?

Roberta: Não to afim de escutar você reclamando da sua unha

Alice: O meu problema é outro

Roberta: Eu não quero saber Cinderela

Alice: Eu quero contar

Roberta: Conta pra sua amiguinha

Alice: Robertaa me escuta

Roberta: Eu mereço - Sento na cama

Alice: É o Pedro

Roberta: Que Pedro garota?

Alice: O amigo de quarto do Diego

Roberta: Eu não sei quem é

Alice: O Pedro Costa,ele é da nossa sala

Roberta: O que que tem ele?

Alice: Eu não sei

Roberta: Se você não sabe imagina eu

Alice: Ele mexeu comigo,eu não sei explicar como

Roberta: Ja conversou com ele alguma vez ?

Alice: Umas duas vezes

Roberta: Então Cinderela ta gostando do Pedro - Dou uma risada

Alice: Será?

Roberta: Eu não sei garota,quem sabe é você

Alice: Chataa

Roberta: Olha eu vou sair daqui - Saio do quarto e bato a porta

Saio do quarto e vou andando sem direção pelos corredores da escola quando do nada encontro o Diego e o João discutindo.

Diego: Você viu o que você fez moleque?

João: Eu fiz o certo

Diego: Você também estava junto

João: Você acha que ele precisava saber disso?

Diego: Você me ferrou com meu pai e com o Jonas

João: E agora você vai encher a cara ?

Diego: Eu vou quebrar sua cara - Da um soco nele

Diego acerta um soco no João e ele cai no chão, o Diego sobe em cima dele e começa a dar varios socos nele, até que o João se levanta e eles começam a se socar. Eu não podia deixar eles brigando ali no meio do corredor,o Jonas podia chegar e piorar a situação do Diego, então eu segurei o Diego por trás (Tava mais para um abraço forte),no mesmo instante o Tomás chegou e segurou o João. O Tomás soltou o João que deu uma encarada no Diego e foi embora...

Tomás: Ta tudo bem ?

Diego: Ta sim

Tomás: Vou nessa então - Faz um toquinho e vai embora

Diego: Já pode me soltar - Da uma risada

Roberta: Foi mals - Solto ele

Diego: Tava gostando de me segurar

Roberta: Me erra garoto

Diego: Atrapalho a briga

Roberta: Se eu não tivesse chegado você ia apanhar

Diego: Eu que estava batendo

Roberta: Seu pai ia amar saber que o filho dele estava brigando nós corredores

Diego: Nem brinca com isso,ele já ta bolado por causa daquela noite que saímos

Roberta: E como ele sabe ?

Diego: O João contou pra o Jonas

Roberta: Eu vou matar esse garoto - Falo brava e tento ir atrás dele.

Diego: Calma - Me puxa pelo braço

Roberta: Eu vou atrás dele - Olho nós olhos dele

Diego: Ele não falou de você - Deu um sorriso

Roberta: Mais estavamos nós três

Diego: Ele so falou de mim

Roberta: Por que ?

Diego: Éramos melhores amigos mais ele agora parece que não gosta de mim, só quer me ferrar 

Roberta: Aah tadinho gente perdeu um amiguinho - Faço uma voz chata

Diego: Tô falando sério

Pedro: Diego - Fala chegando perto de nós

Diego: Eai Pedro

Roberta: Esse é o famoso Pedro - Dou uma risada

Pedro: Famoso?

Roberta: Esquece - Saio andando

Vou embora dali direto para a cantina onde encontro a Alice e a Carla,sento em uma mesa bem longe delas mais isso não adiantou muito pois elas foram sentar comigo.

Carla: Oi Roberta

Roberta: Você aqui na cantina

Alice: Por que ?

Roberta: Ela não come Cinderela

Carla: Eu so não tenho fome

Alice: Você tem que se cuidar Carlinha

Carla: Eu me cuido,so não quero ficar gorda

Alice: Gorda Carla? - Começa a rir

Carla: Eu sou gorda Alice

Roberta: Eu não aguento ouvir umas coisas dessas, vou embora daqui

Carla: Você nunca conversa com ninguem direito

Alice: Grossa

Roberta: Chataa - Vou embora da cantina

Quando estava saindo da cantina escuto uma conversa do Diego e do Pedro...

Diego: Quando vou ver você tocando Violão?

Pedro: Arrumei um lugar para eu tocar violão

Diego: Como ?

Pedro: O Théo me ajudou

Diego: O Nerd amiguinho da minha irmã?

Pedro: Ele mesmo,deixa o moleque

Diego: Ta bom,mais onde é esse lugar ?

Pedro: Surpresa meu bebê

Diego: Vacilo Pedro

Pedro: Hoje a noite você descobre

Diego: Demoro então - Aperta a mão dele e cada um vai para um lado

Eu não sou de ficar escutando conversa mais resolveram falar as coisas logo quando eu estou passando,hoje a noite eu vou atrás deles e descobrir que lugar é esse,eu amo música quero fazer parte disso. Estou começando gostar desse colégio...


Notas Finais


Oie 🖤 Estão gostando ? Espero que sim 😅 Já tenho bastantes capítulos prontos e se vocês estiverem gostando eu começo a postar dois por dias 😉 Obrigada por ler ❤️ até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...