História Como eu me apaixonei por ele? - Baekhyun - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Personagens Originais
Tags Baekhyun, Imagine
Visualizações 89
Palavras 774
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 1 - Capítulo 1


Olá, meu nome é s/n/c tenho 18 anos, moro com minha mãe, meu pai me abandonou quando eu tinha 4 anos de idade, minha mãe ficou louca e começou a beber muito e desde então ela me bate, agora não bate pois eu fico com a porta do meu quarto trancada. Na escola todos me zoam e falam que meu pai nunca gostou de mim e agora ele tem outra família, não tenho amigos, meninas dá minha escola me olham como se eu fosse um monstro, hoje tudo iria começar dnv esse era meu último ano, como sempre só coloquei o uniforme que era ridículo, eu tinha que usar aquelas saias que eu nunca gostei, os meninos nem falam comigo ou tem medo ou não querem passar vergonha. Lá estava eu indo pra minha sala aguentar seis ou sete aulas com professores chatos, fui até o fundo dá sala e sentei na última classe que tinha no fundão dá sala, eu tinha notas boas mais nem ligava muito. O sinal bateu e todas aquelas pessoas que me odiavam entraram. Tinha um menino novo pois nunca tinha visto ele, bom primeira pessoa que eu achei bonito nessa escola chata, ele se sentou ao meu lado, que legal nossa... Ele me olhou e depois voltou a olhar para frente. Logo o professor entrou e fez todos se apresentarem na aula e quando chegou minha vez todos riram e alguns me olharam como se eu fosse um monstro. Pra mim aqueles olhares eram normal.

-Meu nome é s/n e vocês já me conhecem então não preciso falar nada


Aquele menino era novo na escola e seu nome era Byun Baekhyun tinha 18 anos.


A hora de ir pra casa chegou era 12:00 já, eu estava pedindo muito para que minha mãe não estivesse em casa, mas quando cheguei ela estava, e estava bêbada, entendo desde pequena o por que de todos me achar um monstro. Ela agiu como uma inresponsável sempre, quando eu estava doente ela nunca me cuidou então aprendi a me cuidar, não vou nunca sentir falta dela se ela sumir, ela nem olha em meu rosto, aposto que não sentiria saudades de mim se eu me matasse.

S/m- finalmente chegou nessa merda, achava que nunca iria chegar, faz logo a comida o sua merdinha - falou me empurrando como eu a odeio - anda sua praguinha ou vai me dizer que é inútil até pra fazer comida, sua imprestável

-Faça você mesma a sua comida 

S/m- olha o jeito que você fala com sua mãe sua inútil

-Foi por isso que ele te deixou, por que você é a inútil e fica dando pra qualquer um na rua

S/m- como é que é?

-Isso que você ouviu, além do mais não tem nem família, não tem nada na sua vida NADA

Ela estava vermelha de raiva, talvez eu tenha pegado pesado mais eu sempre me calei e hoje era o dia em que eu queria falar tudo. Ela começou a me bater, tão forte que eu estava sentindo, ela me xingava mais nada adiantava pois ela não era mãe responsável, quando tinha 10 anos eu fazia cartões pra ela mais ela rasgava todos na minha frente e me chamava de 'o erro' parei de me impostar faz tempo. Até que ela me expulsou de casa me mandou pegar tudo, mais quando fui ela falou que era pra mim ir sem nada, pra mim ver que nem tudo era como eu imaginava, mais mal ela sabia que eu sempre queria fugir dessa merda, minha vida era tão chata e eu não busquei isso foi tudo ela, nunca foi eu. Eu estava em uma ponte eu estava prestes a pular, sempre fiquei pensando em fazer isso e só agora vou fazer isso...


Aquele menino, do nada em meu pensamento, por que isso agora? Eu não quero pensar nele. Eu iria me atirar agora até que ouço alguém.

***- s/n? Sou eu o Baekhyun, por que você irá pular, saia dai, não faça isso

-Me de um motivo pra sair daqui

Baek- eu posso fazer você sorrir e posso te mostrar o lado legal dá vida

-Como você irá fazer isso?

Baek- me dê um mês, se eu não conseguir em um mês você faz o que quer fazer.

-Então é o que veremos

Baek- ok, vamos para algum lugar?

-Eu não posso ir pra minha casa

Baek- sua mãe te expulsou?

-Sim, como você sabe?

Baek- umas meninas me falaram coisas para mim não falar com você pois perceberam que eu queria conversar com você

-Ata

Baek- pode ir pra minha casa, meu pais poderiam entender sua situação talvez

-Vou pensar...

Ele está me chamado pra ir com ele? Nem conheço muito ele, mas eu preciso de algum lugar mesmo

-Eu vou...



Continua



Notas Finais


Falem o que acharam, se querem que eu continue, podem também dar dicas do que pode acontecer...

Espero que realmente gostem...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...