História Condemned Souls - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Pitbull, Ryan Butler, Stella Maxwell
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Pattie Mallette
Tags Drama, Revelaçoes, Romance
Visualizações 19
Palavras 2.563
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


NOTAS FINAIS

NOTAS FINAIS

NOTAS FINAIS

Capítulo 3 - Gosto agora


Fanfic / Fanfiction Condemned Souls - Capítulo 3 - Gosto agora

 

Julia estava dentro daquele escritório já fazia algumas horas eu só ouvia os choro fraco dela e aquilo era agoniante,  eu não fazia a menor idéia do que estava acontecendo lá dentro no local havia Ryan,  Chris , Chaz,  Caitlin e Justin eu não fazia a menor idéia onde ele havia se metido estávamos na casa dele mas nem sinal da Pattie bufei me levantando e caminhando de um lado para o outro quando a porta foi aberta e vi o médico saindo 

-Então doutor como minha filha está -Perguntei rapidamente a ele que suspirou fundo 

-Ela está bem , o tiro foi de raspão por pouco não perfura a barriga -Ele disse e suspirei aliviada -Ela está dormindo ela precisa de descanso -Ele disse e assenti 

Entrei no escritório de Justin e vi minha pequena deitada dormindo suspirei aliviada me aproximando , e passei a minha mão sobre o cabelo delicado dela que estava em um sono profundo , se tivesse acontecido algo com ela não sei do que seria capaz de fazer eu não sei o que seria de mim,  quando a porta foi aberta brutalmente me levantando assustada olhei para trás vendo Bieber furioso .

-Tris -Ele gritou e logo a empregada apareceu 

-Sim senhor -Ela disse desesperada 

-Leve a garotinha para meu quarto e não descuide dela -Ele disse sem tirar seus olhos se quer um minuto em quanto falava , então a empregada se aproximou e pegou Julia delicadamente a tirando do escritório e então eu e Bieber ficamos sozinhos -Por que me escondeu toda a verdade ? Só vou te perguntar uma vez -Ele disse furioso fechando sua mão 

-Eu não poderia deixar isto acontecer , você queria seu império e eu o meu não dava mais -Disse -Voltei pelos meus negócios -Disse simples e ele bufou 

-Ela é minha filha -Caralho ele disse passando a mãos em seus cabelos andando de um lado para o outro -Você sabe muito bem que minha vontade e de te matar -Ele gritou furioso 

-Então mata Justin,  não é sua vontade então faça o que tanto quer seu filho da puta - Gritei já estava de saco cheio de Justin 

Ele veio para cima e me puxou pelos cabelos emprensando meu rosto na parede levando uma das suas mãos em meu pescoço ele estava com um sorriso diabólico em seus lábios 

-Que é isto Justin -Escutei uma voz quando Bieber me soltou vi que era Pattie -Ficou maluco de fazer isto com Lizzy -Ela disse se aproximando e me ajudando a se levantar -Está tudo bem querida -Ela perguntou e assenti 

-Você não sabe o que está vagabunda fez , ela escondeu minha filha -Bieber disse socando a parede e saindo do escritório e Pattie me encarou e eu já me encontrava chorando 

-Eu não fiz isto por mal eu amava ele só não queria estragar a vida que ele queria -Disse tentando limpar as lágrimas -Eu preciso ir atrás dele -Disse me afastando de Pattie e saindo atrás dele , subi a escada e comecei andar pelo corredor vendo a última porta aberta entrei e vi que era o quarto de Bieber vi minha boneca dormindo e sorri,  escutei o barulho do chuveiro e deduzi que era Bieber suspirei fundo e caminhei para o banheiro abri a porta e entrei -Bieber ? -Chamei por ele e nada dele responder abri a porta do boxe e ele me encarou 

-O que você quer ?- Ele perguntou  e suspirei fundo fechando os olhos por alguns segundos 

-Eu sei que errei , mas foi algo tão de repente eu não queria acabar com tudos seus planos eu estava com medo -Disse e ele riu 

-Veio aqui para me dizer isto ? Perdeu seu tempo -Ele disse dando de ombros desligando o chuveiro e pegando sua toalha me virei e sai do banheiro , voltei para o quarto e caminhei até Julia a pegando no colo com cuidado -O que acha que está fazendo? -Justin perguntou me encarando com a Julia em meus braços 

-Estou indo embora - Disse dando de ombros e Justin suspirou fundo 

-Ela não irá sair daqui -Justin disse caminhando até o closet e logo voltou arrumado-Não escutou a coloque na cama agora -Justin disse todo mandão  me virei e continuei andando com ela em meu braços desci a escada cuidadosamente vendo todos conversando e rindo -Caralho Lizzy -Justin gritou descendo a escada mas nem fiz questão de olhar para trás 

-Ryan você pode me acompanhar até minha casa ?-Perguntei

-Claro anjo -Ele disse se levantando 

-Querida eu acho melhor passar a noite aqui vocês estão seguras aqui -Pattie  disse se aproximando 

-Obrigado Pattie mais eu e minha filha aqui não são bem vinda a esta casa -Disse sem me importar 

-Deixa que vá,  não fica agradando está vadia se ela que ir deixe a ir -Justin disse irritado 

-Justin -Pattie o repreendeu -Desculpa querida -Ela disse sem graça 

-Podemos esperar o que mais dele Pattie-Disse

-Eu que deveria estar dizendo isto para você -Justin disse me encarando 

-Podemos ir Ryan ?-Perguntei e o mesmo assentiu como confirmação -Até mais Pattie -Disse para a mesma que sorriu e veio dar um beijo em Julia 

Me afastei indo na direção da saída com Ryan me ajudando ,quando chegamos de frente com seu carro ele abriu a porta para que eu entrasse , assim fiz ele fechou a  porta e logo entrou ligando o mesmo Julia dormia tranquilamente respirei aliviada pela minha pequena estar bem e não ter acontecido nada tão grave com ela .

-Você sabe que Bieber esta agindo por impulso , logo ele se arrepende ele e apenas orgulhoso e ficou muito  mais que surpreso por você ter voltado e ainda mais com uma filha dele , puta que pariu ate eu ficaria assustado no lugar dele -Ryan comentou e eu ri de lado 

-Mias Ryan eu tinha meus motivos ele queria ter o império só para ele e eu o mesmo eu tive quer sumir por um tempo -Disse e Julia se mexeu em meus braços -Mas mudando de assunto como anda sua namorada Mia ?-Perguntei e ele suspirou fundo 

-Terminei com ela -Ele disse -Eu amava ela sabe mais ás coisas mudam e ela queria casar ter filhos , e eu no mundo do crime não seria a melhor coisa mais eu não consigo deixar isto de lado e meu trabalho eu preciso de alguém que entenda isto -Ryan disse e assenti -Neste mundo do crime não podemos nos envolver ou acabar trazendo ele para isto -Ryan estava certo ele estacionou o carro de frente com minha casa e vi a movimentação dos seguranças perto do carro de Ryan -Vim em missão de paz -Ryan disse saindo do carro abrindo a porta e comecei a rir , sai do carro com cuidado para Julia não acordar e os seguranças arregalaram os olhos 

-Patroa precisa de ajuda ? Oque aconteceu ?-Martin meu segurança perguntou todo apavorado 

-Isto e oque acontece quando seus homens vacilam na segurança porra Martin , preste mais atenção cerque a casa de seguranças Jack esta atrás de mim -Disse irritada e Ryan ficou ao meu lado e Martin o encarou -Sem problema Ryan e da família -Disse -Quer entrar um pouco Ryan ?-Perguntei o encarando e ele assentiu e começamos a caminhar para dentro da minha casa Ryan abriu a porta para que eu entrasse assim fiz , entrei e Ryan em seguida fechando a porta comecei caminhar ate a sala e vi Milena dar um pulo do sofá correndo em minha direção 

-Mais que merda aconteceu ?-Ela perguntou -Julia esta bem ?-Ela perguntou toda apavorada e assenti -A oi Ryan -Ela disse envergonhada e ri 

-E aí gata -Ryan disse a Milena que sorriu de orelha a orelha 

-Vou levar Julia para o quarto -Avisei me afastando dos dois 

Justin Drew Bieber P.O.V's

u não acreditava no que havia acontecido ainda , Lizzy voltou e com minha filha que quase foi morta hoje eu não pude deixar d reparar que a Julia era realmente linda havia seus cabelinhos loiros seus olhos cor de mel era toda delicada já Lizzy havia mudado estava mais madura , e gostosa claro não pude deixar de olhar aquele belo corpo sai dos meus pensamentos quando minha mãe entrou em meu escritório sem bater a encarei esperando ela dizer alguma coisa 

-Oque foi aquilo Justin , aonde se viu você querendo machucar a Lizzy Justin a sua Lizzy-Minha mãe me disse fazendo um choque percorrer pelo meu corpo 

-Ela não e minha Lizzy , já faz um bom tempo dona Pattie -Disse -Ela sabe como se defender não e mais nenhuma criança , isto foi pouco pelo oque ela me fez passar estes anos -Disse e ela suspirou fundo 

-Justin dependente de tudo vocês dois queriam o mesmo império , ela resolveu seguir o dela e você o seu mas eu vejo pelo o olhar dela que ela ainda gosta de você -Minha mãe me disse e ri 

-Por favor ne mãe , andou bebendo -Perguntei 

-Me respeite que ainda sou sua mãe -Ela disse -Eu quero minha neta perto de mim não se esqueça que agora tem uma filha linda então trate de fazer ás pazes com Lizzy imediatamente -Ela disse -Isto e uma ordem da sua mãe -Ela disse saindo do escritório e revirei os olhos mais que merda minha mãe tem na cabeça . Ma ela estava certa eu tenho uma filha agora eu ´preciso me aproximar dela e já sei oque vou fazer .

Estava parado com meu carro na frente da mansão de Lizzy , seus seguranças estavam atento com qualquer movimento sai do meu carro e caminhei ate a frente de sua mansão tragando meu cigarro e em seguida jogando no asfalto e parei na frente de um segurança ele não era estranho já foi um dos que trabalhou para mim Martin 

-Senhor Justin ,oque faz aqui ?-Ele perguntou e solei a fumaça 

-Assuntos com sua chefia -Disse e o mesmo olhou para outro segurança dando permissão para que eu entrasse , mais fácil do que eu pensei , entrei e comecei a caminhar em direção da porta  havia vários seguranças no jardim e espalhado pela casa alguns me encarava assustado e outros falam "Justin Bieber aqui ? Será que eles estão tento um caso " , neguei abrindo a porta e entrando e caminhei pelo corredor que sai na sala me deparando com Ryan se pegando com uma garota que estava apenas de calcinha , fingi uma tosse e os dois me encarou ela ficou um pimentão e Ryan revirou os olhos -Cario em Ryan nem apresenta ás amigas -Comentei rindo e passando por ele subindo a escada -Qual seria o quarto de Lizzy ?-Perguntei no meio da escada 

-Último quarto a esquerda -Ela disse e acabei de subir a escada e caminhar ate o quarto , abri a porta escutei o barulho do chuveiro e deduzi que ela estava no banho , me aproximei da porta do banheiro que se encontrava aberta e olhei vendo ela de costa puta que pariu a gravidez fez muito bem para ela , comecei a despir ficando completamente nu entrando com cuidado no banheiro ela se encontrava distraída abri o box e entrei e rapidamente levei uma mão minha em seu pescoço e a outra pegando em seus dois pulsos fazendo ela levar um susto ela arregalou os olhos me empurrando para o box fazendo que sua bunda encoste em meu membro então ela parou por alguns minutos 

-Bieber -Ela disse assustada -Me larga -Ela disse firme -Como você conseguiu entrar aqui esta casa esta cheia de segurança -Ela disse irritada 

-Deveria escolher bem os seus seguranças -Disse e a mesma bufou me fazendo sorrir -Parabéns viu , a gravidez fez muito bem para você -Disse e ela riu 

-Me solta Bieber -Ela disse mais uma vez a soltei devagar beijando seu pescoço e a mesma continuava intacta , comecei apertar seu peito e coma  outra mão acariciava todo seu corpo , e passei minha mão levemente em sua vagina comecei acariciar seu clitóris e a penetrei com o dedo , comecei a descer meus beijos em sua costa e abri suas pernas e comecei a chupar lentamente a sua buceta , sugava seu clitóris e o dedilhava ela a fazendo gemer muito , quando ela estava perto de gozar acelerei as dedadas a fazendo gozar , lambi todo seu gozo ela estava com sua respiração acelerada me levantei a encarando e me aproximei lambendo seu lábios e dando um beijo , lento e molhado fazendo ela sentir o seu próprio gosto em sua boca , Ela se ajuelhou me olhando ela começou a bater uma para mim e chupando a cabeça ela passou toda sua língua em meu pau e a mesma tentou colocar o máximo que conseguia a peguei pelo braço ,encostei ela na parede e levantei uma de sua perna e a penetrei tudo de uma vez .

-Justin -Ela gemeu alto , ela agarrou meu pescoço enquanto dava estocadas forte e rápidas eu enfiava com muita força e mais rápido fazendo ela gemer cada vez mais alto -Justin-Ela gritou gozando novamente oque fez ela ficar com sua perna ficar fraca e tive que a segura então a mesma me beijou 

-Lizzy eu v...-Gemi a virei de costa e eu a apoiei no box do banheiro a segurando firme pela cintura gozando dentro de sua vagina sai de dentro dela com a respiração ofegante terminamos nosso banho em silêncio , ela saio primeiro e logo em seguida sai do banho peguei minha roupa que estava caída na porta do banheiro e me vesti e vi a mesma sentada na cama me encarando -Lizzy eu vim aqui por causa da Julia -Disse e ela abaixou a cabeça .

Lizzie Parker P.O.V.'s

 

Me atingiu muito oque o Bieber disse que apenas veio aqui por causa de Julia uma parte minha estava contente dele ter vindo atras de sua filha e por outro que ele apenas me usou suspirei fundo o encarando

-Oque que ?-Perguntei e o mesmo que estava encostado na parede se aproximou 

-Você sabe que eu tenho direito de ter ela por perto -Ele disse me encarando e assenti 

-Não vou te impedir de ver ela , ate por que dês de que ela nasceu eu sempre mostrei quem era o pai dela , para ela você esta viajando e que um dia a gente ia ate você nunca deixei ela sem saber quem era o pai dela Justin sei que errei mais entre esses erros fiz a coisa certa , a gente acaba resolvendo ás coisas de cabeça quente e acaba mal , Justin você nuca me escuta e pela primeira vez você esta quieto sem me atrapalhar -Disse e o mesmo desviu seu olhar do meu -Agora faz um favor Justin vá embora , e não fique entrando em minha casa sem minha permissão -Disse e o mesmo me encarou

-Este tempo te fez bem , ficou mais madura agora pensa no que faz e no que fala esta mais decidida -Justin disse caminhando ate a porta -Gostava para caralho da Lizzy de antes mais de agora esta me surpreendendo -Justin disse saindo do meu quarto e sorri fraco , eu também estava gostando deste novo Justin .


Notas Finais


Gente eu estou com uma nova Fanfic por favor leia - https://spiritfanfics.com/historia/my-perfect-crime-7024155


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...