História Coração Gamer - Capítulo 25


Escrita por: ~ e ~star_lety

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Debrah, Iris, Kentin, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Rosalya, Senhora Shermansky, Violette
Visualizações 19
Palavras 1.886
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente Sorry pela demora

Capítulo 25 - O meu final feliz ♥


***

-vamos para a festa do pijama!!!-Rosa gritava indo pra fora da sala de aula, hoje nós combinamos que nós( eu, Rosa, Luiza- que morava com nós agora-, Alexy,) iriamos fazer uma festa do pijama como nos velhos tempos. Faz já três anos desde que trouxemos a Lu pra cá, ela é o Castiel estão sempre faltando aula, tô desconfiada que eles ficam se pegando atrás da escola

-exagerada!- eu digo e ela me da de ombros

***

-agora como estão os seus relacionamentos? - nesse exato momento estamos em um círculo conversando sobre nossas vidas. e Rosa decide perguntar sobre relacionamento- eu estou noiva do Leigh!!!!

-AHHH!!! queremos ser madrinhas!- eu, Lu e  Alexy começamos a gritar quando Rosa mostra o anel de noivado.

-nós vamos nos casar depois da formatura!!- tinha esquecido este ano nos formamos!!

- eu estou na seca ainda- Alexy respondeu a pergunta anterior de Rosa

-eu estou muito bem obrigada com o Armin

- eu, bem...- Lu começou a dizer mas parou

-você? - incentivamos ela a continuar

-eu estou namorando o Castiel - ela disse muito rápido,  mas quando eu entendi foi uma gritaria gigantesca naquele quarto

-eu sabia!!! shippava os dois desde sempre!!!!!!- digo dado um enorme abraço em Lu- Castiel faz parte da família agora!!!

passamos o resto da noite conversando e brincando.

*** ( no final de dezembro)

-estão prontas?- Alexy entra no quarto onde eu Rosa e Lu estamos apressadamente tentando nos arrumar- que nossa formatura já vai começar! - sim! Hoje nós formamos!!! finalmente!!

-calma ae!- digo terminando de passar o delineador- pronto. O que acha? - eu estava com um vestido tudinho bege até a metade das coxas, saltos beges, uma sombra clara, delineador, máscara para cílios,  batom vermelho, uma pulseira, os cabelos encaracolados e jogados de lado e estou a com uma bolsinha de mão. -estão prontas?- olho em direção das meninas. Rosa usava um vestido tubinho ( Nós padronizamos o estilo dos vestidos: todos tubinhos e até a metade da coxa) mas vermelho sangue, saltos da mesma cor, batom também vermelho, máscara de cílios, delineador e uma sombra mediana, os longos cabelos não mudavam em nada. Já Lu estava com o mesmo modelo de vestido mas preto, salto também,  batom vermelho escuro, delineador, máscara para cílios, não usava sombra. ela nesses anos cortou os cabelos, agora estão na metade das costas e com as pontas rosas choque.

-prontas- elas afirmaram e assim fomos para a nossa formatura.

a formatura foi normal, os discursos dos diretores, a entrega de diplomas e etc. eu aproveitei bastante, todos aproveitaram, inclusive Alexy que achou um boy e catou ele. no final dos discursos saio em direção da mesa e me sirvo de algo para beber

-Gabi- Armin me chamou- pode vi comigo em um lugar?

- claro- deixei meu copo com refrigerante,  peguei minha bolsa, é hoje que eu conto pra ele, e fui atrás do mesmo.  entramos no carro e saímos da faculdade.- não seria bom avisar que estamos saindo? 

-nao- ele sorriu- eles já sabem de tudo

demorou um pouco mas chegamos em uma campina onde tinha um bela vista da lua

-é lindo!- digo tirando os saltos e me sentando na toalha que Armin pôs no chão - obrigada- dei um selinho no mesmo mas ele desviou- o que ouve?

-olha Gabi. tá tudo ótimo entre agente, esta ótimo nosso namoro- ele coçou a nuca- mas eu não posso mais te ter como namorada -fiquei paralisada- eu não te quero mais como amiga, colega, amante, namorada. Não quero- ele pôs a mão dentro do terno - mas te quero como minha esposa- ele abre uma caixinha e lá tinha um anel de casamento - aceita se casar comigo?

-sim! claro que sim!- pulei em seu pescoço o beijando,  ele me solta e põe o anel em meu dedo logo depois beijando minha mão.

-obrigada por me fazer a pessoa mais feliz do mundo

-eu agradeço por esperar eu voltar da minha crise de amor- rimos lembrando do dia. - ah! quase me esqueço- pego minha bolsinha- Armin,  eu sei que estamos muito felizes juntos mas - retiro da bolsinha uma caixinha retangular. dou de ombros

-o que é? - ele pergunta pegando a caixinha nas mãos

-abra e descubra

ele abriu a caixinha e assim que viu ficou surpreso

-um... teste... de gravidez... positivo? - ele me perguntou

-Sim Armin! eu estou gravida!  Vamos ser pais!

-isso é... incrível- ele me puxa e me beija- agora minha vida está completa! uma mulher perfeita gerando um filho perfeito no ventre e a melhor geração de tecnologias pro mesmo nascer o que mais pedir? 

-o novo jogo daquela coleção que você tanto quer?- pergunto por fim

-isso são desejos de segunda lista.- e volta a me beijar.

voltamos para a festa e eu mostrei a todos as novidades( o anel e o teste) e foi uma festa geral, eu, Rosa, Alexy e Lu estávamos comentando sobre vestidos de casamento e tals.

***

- mais um pouco, estou vendo a cabeça dele!- onde eu estou? nesse exato momento? estou numa maca com um médico entre minhas pernas e retirando de mim meu lindo filho. sim! Hoje é o nascimento do meu filho!- olha que linda! é uma menina Parabéns!- enrolam minha filha em um cobertor  e trazem ela até mim

-olá pequena Stefhany,  deu trabalho pra nascer viu?

depois de eu e Armin mimarmos um pouco nossa bebê, levaram-na para lavar e etc.

-Gabrielle, amanha mesmo você poderá receber alta

- obrigado doutor.- o mesmo saiu deixando eu e Armin a sós

- mais um passo dado, agora só falta nos casarmos. 

-é tem razão. 

Quando dei a notícia para Armin que estava grávida ele decidiu que ia espera até que nosso filho nascesse para podermos casar, então Stefhany será nossa aia, mas isso só quando a mesma souber andar! ou seja ano que vem... Bom para quem esperou uma vida inteira por esse dia, esperar mais uma não não faz diferença. 

*** (um ano depois)

-senhor! O vestido esta bom? Esta sujo? Tem batom no meu dente? O rímel borrou? O penteado esta bom? Estão todos em seus lugares? Minha tia esta aqui? Any ( apelido de Stefhany )esta aqui? Ela esta pronta? O véu esta torto? Onde esta o buque?- sim... eu estou DESESPERADA  no dia do meu casamento... palmas para mim, acho que vou desmaiar!!! Falta menos de 10 minutos para mim entrar na igreja!

-dois minutos!- a moça que esta auxiliando veio nos avisar que FALTA DOIS MINUTOS PARA EU ENTRAR!!!! AHHHHHH!!!!!!!!- ah! Sua tia chegou!

Minha tia passa pelas portas e entra na sala onde eu estou, ou melhor, no closet.

-que linda!- ela fala e seus olhos marejam...- esta uma perfeita princesa

-a senhora também esta linda!- ela usava um vestido justo até os pés azul marinho, um salto preto, maquiagem baseada no delineador, máscara, batom vermelho  e de penteado os cabelos estavam presos atrás da cabeça com presilhas e só. Simples mas perfeita.

-chegamos!- Rosa, Luiza, Iris,  Violette e Beatriz (uma amiga que fiz quando sai da cidade) entraram no closet, elas seriam minhas madrinhas. Armin escolheu como padrinhos o Alexy, Castiel, Nathaniel, Lyzandre e Kentin.- e trouxemos alguém- Any passa por elas e pula no meu colo, todas estavam lindas, as meninas usavam um vestido justo até a cintura tomara que caia com a saia solta azul céu com babados na saia e uma “cinta” branca com um laço prata até um pouco acima dos joelhos, de saltos todas usavam um prata e de maquiagem estilo a da minha tia mas o batom era rosa clarinho e os cabelos cada uma fez um penteado que queria. Já Any estava com um vestido igual das meninas mas branco e de sapato usava uma sapatilha branca, maquiagem só um batom rosa claro e um rímel. Linda!!

-hora de entrar!- a mesma moça de antes entra avisando que minha entrada chegou a hora... eu entrei e vi Armin, ele estava lindo com aquele terno, fiz minha entrada e Armin veio até mim e fez toda aquela parada de cumprimentar o companheiro(a) da noiva e depois me levou até o altar. O padre fez um discurso sobre o amor que eu tive que me segurar para não falar “não quero atrapalhar sua fala não, mas eu quero me casar”. Quando eu estava repensando sobre falar isso o padre diz

-agora os votos- eu e Armin fizemos nossos votos e continuamos o casamento, até a parte mais esperada. Any entrou com as alianças e eu me emocionei total...

-eu vos declaro marido e mulher, pode beijar a noiva- sem pensar duas vezes Armin me puxa e me beija enquanto todos aplaudem e assobiam. Depois de cumprimentarmos todos e assinar a folha junto com os padrinhos sobre o casamento( aquela  parte chata sabe?) saímos e recebemos uma chuva de arroz e fomos para a festa. A festa foi ótima, muito animada ,todos  vieram  tempo todo falar sobre o casamento dizendo coisas tipo “ parabéns! Estavam lindos!” “ formam um ótimo casal” e tals. No final da festa pedi para minha tia cuidar de Any até o dia seguinte e a mesma perguntou onde eu e o “papai” iriamos e eu respondi “ vamos cuidar de uns “assuntos” de adultos”. Não ia dizer a verdade né? Depois de todos irem embora eu e Armin entramos no nosso carro ( uma BMW porque agora eu posso) e fomos em direção da BR, passou um tempo de conversas divertidas entre nós dois até que vemos uma placa dizendo “ vocês estão saindo de Canadá, voltem sempre”. Querem explicações né? Bem nos vamos passar a lua de mel no Caribe, durante uma semana... lá vamos nós

***

Dois anos se passaram... quanta coisa aconteceu... resumidamente:

● fui madrinha do casamento da Lu, da Rosa e vou ser a do Alexy com um gatinho que ele encontrou no casamento da Rosa. 

● vivi os melhores momentos com minha mais nova família

● me mudei para uma casa maior (já que tenho dinheiro pra que não usar?) onde tem espaço para Any brincar com nosso pastor alemão: coringa (eu tinha que por esse nome nele!). na casa também tem uma sala de games e um monte de coisas

● Armin e eu apreciamos nossos "dons" como pais

●Lu e Rosa estão gordas de grávidas! 

●e agora... nasceu Miguel!! Sim!! Na nossa lua de mel eu acabei engravidando de novo e agora tenho dois lindos filhos, um marido super gato e que me ama, uma casa enorme para aproveitar, um cão que amamos, conforto durante as viagens e o principal... uma família muito unida, coisa que supera qualquer bem material.

sabe aquilo que dizem de nunca julgar um livro pela capa? Então... Fui muito criticada e zoada por meu jeito de ser, sempre falaram " nunca vai ser nada" e olha onde estou agora... num grande conto de fadas... casada com a pessoa que mais amo, com filhos lindos, amigos do meu lado, bem empregada, feliz... o que mais eu poderia pedir?

ah! e não espere que eu termine essa história com "felizes para sempre" porque não foi nenhuma fada madrinha ou um príncipe encantado que fez minha vida se tornar o que é, mas sim minha força de vontade, não me deixei abalar pelos comentários ofensivos, então o único herói dessa história se chama o famoso: caráter. 

Então... terminaremos a história de outro jeito...

e mais uma vez o dia foi salvo pelo.... caráter!!! ( os entendedores entenderão... do desenho meninas super poderosas... nostalgia) brincadeira.  o final da história não chegou ate que eu ponha um ponto final...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...