História Corações Em Guerra - Capítulo 2


Escrita por: ~

Visualizações 18
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Harem, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Fiquei feliz que gostaram do primeiro capítulo, me empolguei e já fiz outro haha.

agradeço novamente a Carolina pela capa da fic <3.

Boa leitura pessoas!

Capítulo 2 - Grande Mudança


Fanfic / Fanfiction Corações Em Guerra - Capítulo 2 - Grande Mudança

Peguei meu celular, e liguei para Kamilly, minha melhor amiga desde o jardim de infância, e juntamente à ela, seu irmão Mark, que também é meu melhor amigo, ambos Kpopper's e loucos como eu.
Kamilly e Mark, são gêmeos, e tem 18 anos. Porém, com personalidades distintas — Ela sempre foi escandalosa e dramática, e ele realista e brincalhão. —, oque sempre me trazia divertimento, quando estavam por perto. Os considerara meus irmãos mais velhos também.

–Alô?- Kamy atendeu e berrou quando ouviu minha voz.

–UNNIE - gritei animana. - Tenho uma bomba nuclear pra contar pra vocês!!! - Após vários gritos, consegui contar tudo oque havia ocorrido nos ultimos dias.

–TA BRINCANDO COMIGO NÉ? S/N jure que é verdade please! - Ela berrou tão alto que meus tímpanos doeram.

–Venham aqui agora mesmo! Rápido, diga tudo para o Mark e traga-o também! - Eu disse e desliguei, para evitar ouvir mais berros.

Peguei as malas e as passagens, organizando o resto das coisas, esperando os dois aparecerem e tocarem a campainha
Quando abri a porta, Mark quase pula em cima de mim, a curiosidade e ansiedade em pessoa.

–MEU SENHOR O QUE QUE TA ACONTECENDO S/N? -os dois gritaram muito alto e comecei a rir estérica .

–Calma, eu vou contar a surpresa, entrem logo. - Falei rindo e ambos voaram até o sofá, fechei a porta e me juntei a eles.

–Respira... - Kamy inspirou e suspirou, mantendo a calma. - Conte agora, maknae.

–Além da minha passagem para a Coreia, tenho direito a no máximo dois acompanhantes, então... - ao mostrar a passagem de acompanhantes, fui claramente interrompida.

–AI MEU SENHOR AMADO, É CLARO QUE NÓS VAMOS MAKNAE! - os dois berraram.

–Socorro eu preciso avisar os Hyung's para cuidarem dos tímpanos, quando vocês estiverem por perto! - falei tentando parecer irritada, mas começamos a rir descontroladamente.

–Gente, já ta próxima dos Oppas dessa forma? - Kamy sorriu com os olhos brilhantes igual uma criança, ri.

–UNNIE! - corei, mas nem eu sabia o porque de estar envergonhada, afinal, virar amiga dos K-idols em dois dias deveria ser algo sonhado por todos, certo?.

–HUUUUUUUM ELA JÁ É DA FAMILIA BANGTANNNNNN! - Os dois gritaram e eu joguei uma almofada neles.

–Não gritem, ninguém pode saber ainda, vamos viajar amanhã, vou participar de uma reunião com a BH, para poder assinar um contrato como debutante no K-pop. - expliquei esse detalhe calmamente.

–Fico feliz que não tenha esquecido de nós S/N. - Mark sorriu. - e espero que jamais esqueça dos seus amigos aqui quando crescer na carreira.

–Eu jamais esqueceria vocês, são importantes demais pra mim, me ajudam sempre nos momentos difíceis, e estão ao meu lado nos bons momentos também! - deixei escapar uma lágrima e abracei os dois me jogando por cima da Kamy.

 

Já estava na hora de ir ao aeroporto. Eu usava uma calça jeans clara cintura alta, uma camiseta preta de mangas compridas, tênis cano alto preto e um casado do BTS preto amarrado na cintura, com os meus cabelos soltos porém definidos e volumosos.
Os meninos do Bangtan estavam ao meu lado, e cercados por seguranças da empresa. Contei a eles na noite anterior, que levaria meus dois melhores amigos comigo, e estávamos esperando por eles para subir no avião. Jin me abraçava de lado, acariciando meu braço esquerdo, tentando acalmar meu nervosismo — Seokjin agia como um pai para mim desde que nos conhecemos, mesmo tendo idade para ser meu irmão. e Namjoon não ficara para trás, sempre colocando minha confiança la em cima. —, os outros estavam ao meu lado também, conversando sobre seus trabalhos e sempre fazendo pausas, para dizer frases positivas à mim. 

Quando avistei Kamy e Mark, gritei e levantei os braços chamando os dois, e os mesmos correram até mim e me abraçaram, fazendo todos nós rirmos com o jeito divertido deles.

–Unnie, Mark. - sorri alegre. - Meninos, esses são Mark e Kamilly Souzah, meus melhores amigos desde a infância. - Ri das expressões de magica nos rostos dos dois conhecendo finalmente o BTS.

–Ayo, somos o Bangtan Sonyeondan. - Os sete membros falaram juntos sorrindo em agradecimento.

–Nós sabemos!!! - Kamy e Mark falavam em uníssono, claramente segurando gritinhos de fanboy e fangirl principalmente.

–Então...vamos S/N? - Jeon Jungkook perguntou tímido como a maioria das vezes em que falava em frente a pessoas novas.

–S-sim, vamos, está mais que na hora. - disse olhando para o relógio do aeroporto, e fomos indo em direção a escada para subir no avião.

No caminho, Mark e Kamy estavam encantados ainda com os ídolos, mas como de costume nosso, Mark ia passar o braço por cima de meus ombros, e a Kamy enrolar o braço no meu do outro lado. Entretanto, fui pega de surpresa espontaneamente por Jungkook, que me puxou pelo braço e me ergueu como uma mochila sendo carregada, e eu dei um pequeno grito e riso sem querer.

–Jeon!! Me solta. - estava tentando parecer brava, mas estava rindo demais pra isso,

–Desculpa...mas você estava antando devagar demais, pequena! - ele começou a rir, assim como os outros também começaram.

–AIGOO, você é mal Jungkook. - tentava me rebater inutilmente, mais continuava sem parar de rir.

–Ta bom, ta bom Hyung, já chegamos no avião. - Jimin disse e Jeon me soltou já na escada do avião.

–Obrigada ChimChim. - Corei disfarçadamente, e subi no avião, tomando meu assento no mesmo.

Mark e Kamy sentaram ao meu lado, Tae e Hope sentaram atrás de mim, Jeon e Jimin na frente, e Yoongi, Jin e Namjoon sentaram na fileira de assentos do outro lado.
Foram 6 horas de viajem, cantamos e conversamos metade da viajem, e a outra todos cochilaram. Chegando em Seul, Mark e Kamy ficaram em um hotel perto do prédio da empresa, e eu fui para a casa dos meninos — Sim, eles me chamaram para ficar la, com um quarto solo, e disseram para não me preocupar com problemas nem nervosismo, pois a irmã de Hoseok também estava lá, e iria ficar no quarto ao lado do meu. —Deixei as malas em meu quarto rapidamente, e depois de comermos, fomos para o prédio da BH.

Chegando lá, juntamos todos em reunião...


...


Notas Finais


Esse foi o segundo capítulo, espero que tenham gostado, críticas construtivas são sempre bem-vindas.

Beijos e até mais. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...