História Crime Perfeito - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Aaron Whitmore, Abigail, Abigail "Abby" Bennett Wilson, Aimee Bradley, Alaric Saltzman, Andie Star, Annabelle "Anna" Zhu, April Young, Bill Forbes, Bonnie Bennett, Camille O'Connell, Carol Lockwood, Caroline Forbes, Connor Jordan, Damon Salvatore, Davina Claire, Dr. Wesley "Wes" Maxfield, Elena Gilbert, Elijah Mikaelson, Elizabeth "Liz" Forbes, Elizabeth "Lizzie" Saltzman, Enzo, Esther Mikaelson, Eva Sinclair, Finn Mikaelson, Freya Mikaelson, George Lockwood, Giuseppe Salvatore, Hayley Marshall, Henrik Mikaelson, Hope Mikaelson, Isobel Flemming, Jackson Kenner, Jenna Sommers, Jeremy Gilbert, John Gilbert II, Johnathan Gilbert, Josette "Jo" Laughlin-Saltzman, Josette "Josie" Saltzman, Katherine Pierce, Katie, Kelly Donovan, Kieran O'Connell, Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Lee, Lexi Branson, Lilian "Lily" Salvatore, Logan Fell, Lucas "Luke" Parker, Lucy Bennett, Luka Martin, Malachai "Kai" Parker, Malachai "Kai" Parker, Mason Lockwood, Matt Donovan, Meredith Fell, Mikael Mikaelson, Nora Hildegard, Olivia "Liv" Parker, Personagens Originais, Rebekah Mikaelson, Richard Lockwood, Sage, Sheila Bennett, Tyler Lockwood, Valerie Tulle, Vanessa Monroe, Vicki Donovan, William Tanner, Zachary "Zach" Salvatore
Tags Caroline Forbes, Klaroline, Klaus Mikaelson, Romance, Suspense
Visualizações 11
Palavras 739
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Científica, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heeyy, tudo bem com vocês?
Bom, eu sou apaixonada por Klaroline e decidi fazer essa fanfic.
Isso foi uma idéia que tive e resolvi colocar em prática.
Espero que gostem,
Beijoos ❤❤

Capítulo 1 - Prólogo



Olivia Parker saiu de seu trabalho de bartender e começou a andar calmamente pelas ruas de Mystic Falls. Como ela passava pelas mesmas ruas diariamente , não tinha medo de caminhar por ali.

As luzinhas das vitrines serviam como iluminação em meio a escuridão que se estalava.  Devido à proximidade do Natal, já era possível ver pequenos flocos de neve caindo sobre a garota. Seu corpo tremia de frio, ela só pensava em chegar o mais rápido possível em casa e se enfiar debaixo de três cobertores. Olivia pegou seu celular de dentro de sua bolsa, na esperança de ligar para sua irmã e ganhar uma carona, mas o canto superior do aparelho demonstrava que estava sem sinal, deve ser pelo clima -pensou ela. Guardou o telefone novamente em sua bolsa, apertando-a mais forte contra seu corpo e voltou a caminhar. Mesmo muito bem agasalhada o frio ainda a acertava em cheio. A rua estava deserta devido ao horário, apenas Olivia caminhava por ali. Um barulho de motor a fez pular do lugar. A garota sentiu o medo dominar cada célula de seu corpo,por isso tratou de apressar o passo. Simultaneamente o carro também acelerou. Logo a luz amarelada dos faróis atigiram-a em cheio, o círculo de luz tomava a silhueta da garota por completo. Olhou em volta e viu ninguém além do motorista misterioso. Olivia sempre odiou andar perto de muita gente, mas naquele momento a coisa que ela mais desejava era que alguém surgisse e ajudasse. Ela virou a rua e o carro também virou, de fato ela estava sendo seguida. Então Olivia decidiu mudar sua rota e ir em direção ao centro da cidade, aonde era mais movimentado a essa hora. Estava chegando próxima à uma lanchonete quando não ouviu mais o barulho do motor do carro. Talvez ele tenha ido embora, ela pensou e suspirou aliviada.

-Por que está fugindo querida? -Uma voz grossa surgiu atrás da pequena Parker. Ela queria fugir mas suas pernas congelaram no lugar, queria gritar mas sua garganta não a obedecia.

Virou sua cabeça devagar e viu que o carro estava parado, espremeu os olhos tentando achar o autor da voz, mas foi empurrada contra a parede em uma velocidade absurdamente impossível.

-Não grite, apenas fique parada. -Por motivo desconhecido ela ficou totalmente imóvel, totalmente obediente ao homem. Os olhos do rapaz se tornaram vermelhos com veias saltando, e os caninos aumentaram de tamanho perfurando seu pescoço, que diabos era aquilo?. Ela sentia uma dor insuportável, queria fazer alguma coisa mas parecia que estava enfeitiçada pelo homem. Sentia seu corpo cada vez mais mole e as vistas escurecendo. A última coisa que se lembra, foi de  tomar o sangue do homem misterioso após ele obriga-la,  e então a escuridão toma-la. O homem descarto o corpo já sem vida, jogando-o pela ponte, ouviu o impacto do cadáver se chocando com a água e saiu em meio à um borrão.

 Logo as ruas ficaram silenciosas outra vez. O corpo já sem vida de Olivia Parker, afundava na água gelada do rio.

*-*

Caroline Forbes, após uma noite de sono tranquila, finalmente fora trabalhar naquela manhã. Mal entrou no local e um casal já a esperava. Caminhou até sua sala acompanhada pela família Parker.

-Conte-me o problema. -Disse a loura enquanto tomava um gole de seu café.

-É nossa filha detetive Forbes. Ela foi trabalhar ontem e não voltou para casa. 

Antes mesmo de Caroline pensar no que responder, a porta foi aberta bruscamente por Matt, seu parceiro de trabalho.

-Sr.Donovan... -O repreendeu, mas ele interrompeu-a.

-Acharam um corpo no rio, precisamos ir. -Disse ele ofegante. 

A senhorita Parker caiu aos prantos acompanhada pelo marido. A possibilidade de ser a filha deles era enorme. 

Caroline entrou em seu carro juntamente com Matt e a família Parker. Mesmo de longe já era possível ver as fitas amarelas, o local estava isolado.

 O estalido dos saltos de Caroline rompia o silêncio. Devido ao ar gélido,suas pernas nuas doíam de frio. Com passos cautelosos e precisamente calculados, ela se aproximou do corpo sem vida no chão. 

O corpo estava um pouco desfigurado, mas de fato era possível ver claramente que se tratava de Olivia.

-Eu sinto muito. -Foi a única coisa que a Forbes disse para os pais.

A choradeira se intensificou quando a equipe do IML chegou. Bonnie Bennett, chefe do IML e melhor amiga de Caroline, logo embrulhou o corpo e colocou na ambulância. 

Talvez Mystic Falls não seja mais aquela cidade calma de antes.


Notas Finais


Eai? O que acharam?
Favoritem a fanfic, compartilhem e comentem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...