História Da implicância ao Amor ( imagine Kim Taehyung ) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Romance v
Visualizações 158
Palavras 2.552
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiin ❤❤
Mais um cap pra vocês, espero que gostem amres ❤❤❤ E mais uma vez queriaaaa agradecer vocês!!!! Pelos FAVORITOS MEU DEUS, JÁ PASSAMOS DOS 100 ❤❤❤❤❤❤ OBRIGADAAA!!! ❤❤❤❤

Capítulo 21 - A tarde.


Fanfic / Fanfiction Da implicância ao Amor ( imagine Kim Taehyung ) - Capítulo 21 - A tarde.

Sook: - Não está mais!! Agora vamos assistir o que eu e a (S/N) quer! - ela diz satisfeita e mudando de canal, até que o tae tenta pega o controle dela, e ela deixa o pote de pipoca em cima do sofá e saí correndo. - Você não vai pegar esse controle não.. - ela dizia correndo pela sala e o tae começa a correr atrás dela.

Tae: - Vamos ver se não.. - ele diz rindo e ainda correndo atrás dela, ele a pega no colo. - Perdeu pequena, agora da o controle pro primo aqui, dá. - ele diz tentando pegar o controle da mão da pequena. 

Sook: - Não mesmo! (S/N) pega! - ela joga o controle pra mim, eu  me levanto do sofá e o pego, o tae coloca a Sook no chão e começa a se aproximar de mim.

Tae: - (S/N)... - ele diz se aproximando de mim sorrindo. - Você é uma boa garota, me dê o controle... - ele dizia ainda sorrindo e se aproximando de mim, eu ia me afastando aos poucos, mas então resolvi entrar na brincadeira.

(S/N): - Você quer o controle... - fingi que ia entregar o controle para ele e quando ele tentou pegar, eu saí correndo com o controle. - então vem pegar! - saio correndo pela sala.

Tae: - Aigoo, que pilantragem.. - ele diz indignado e rindo, e já começando a correr atrás de mim.

Sook: - Corre (S/N), não deixa ele pega o controle!! - ela dizia pulando no sofá 'torcendo' por mim.

Eu continuava correndo, até que o tae me cercou, tentei fugir indo pros lados, mais ele continuou me cercando, não dava pra fugir.

Tae: - Desisti! - ele dizia rindo. - Agora não tem como sair des- 

Sook: - Ah tem sim! - ela abraça a perna do tae, e ele não se move, para não machuca lá. - Corre (S/N)! 

Tae: - Ei! Isso não vale! - ele dizia olhando para a sook. - Duas contra um, isso não é justo! - ele dizia se fazendo de coitado,  eu e a Sook começamos a rir dele. - Vocês riem né? Não to gostando, nada, nada dessa amizade de vocês, Han! - ele diz cruzando os braços, e rindo.

Sook: - Eu estou! - ela sorri, e que sorriso fofooo.

Tae: - Haha! Tá né? - ele diz ironicamente. - Agora solta minha perna tampinha.

Sook: - Não! Eu sei que você quer pegar o controle! 

Tae: - O controle? Aish já até desisti! - ele dizia passando a mão na nuca. - Agora desgruda! - ele diz rindo olhando para a sook que ainda estava abraçada em seu perna.

Sook: - Tá..tá, mas olha lá em! Sem gracinhas primo! - ela diz olhando desconfiada para ele e o soltando. 

Tae: - Sem gracinhas, tá bom... - ele diz rindo, algo me diz, que ele está aprontando, ele não desisti tão fácil.

A Sook se sentou no sofá, eu ia até lá, até que o tae se aproxima de mim e pega o controle rapidamente da minha mão e saí correndo.

(S/N): - Ei! - digo olhando indignada pra ele.

Sook: - TaeTae não acredito!! Você falou que tinha desistido! - ela fala brava com ele.

Tae: - Er? Mudei de ideia Haha. - ele dizia em tom de sarcasmo e andando pela sala, com o controle na mão. Vou até ele e tento pegar o controle.

Sook: - Isso (S/N)! Pega o controle dele, mostra pra ele quem é que manda!! 

(S/N): - Me dá isso! - tento pegar dele, mas não dava. - TaeTae..por favorzinho, entrega o controle para mim..? - digo com uma voz fofa, ele se aproxima de mim.

Tae: - Aigoo fofa! - ele dá um beijinho na minha testa, e começa a me encarar, logo um sorriso travesso surge em seus lábios. - Como foi que você falou aquela hora mesmo? Ah lembrei... Que o controle? Então vem pega! - ele sobe em cima do sofá, e levanta o braço, pra cima, com o controle na mão. Já entendi a dele, que dificultar as coisas para mim, só porque sou baixinha, mas não posso desistir assim. 

(S/N): - Aish, tá bom! - tiro meu sapato e subo em cima do sofá também, e tento pegar o controle que estava no alto, por conta do tae ser bem maior que eu. - Aigooo não da pra abaixar um pouquinho não? - olho para ele, que começa a rir, e já até sabia a resposta, então contínuo tentando pegar o controle. 

Tae: - Se eu fosse você desistia, é tampinha que nem a Sook, então nenhuma de vocês duas, vão conseguir pegar o controle haha. - ele dizia se achando o esperto. 

Sook: - Isso é o que vamos ver, (S/N) abaixa aqui! - me sento no sofá e a Sook começa a cochicha no meu ouvido. - Faz cócegas nele! - ela sussurrou e eu confirmei, fiquei em pé novamente no sofá.

Tae: - Ainda não desistiu? - ele me olha e logo começa a rir.

(S/N): - Não vou desistir hehe!

Tae: - Hum...o que vocês estão aprontando enh? - ele pergunta, olhando desconfiado para mim e para a Sook.

Sook: - A gente..nada...

Tae: - Aham sei... - ele olha para mim.

(S/N): - É verdade, a gente não ta aprontando nada.. - digo me fazendo de santa.

Tae: - Hum... - ele ainda nós olha desconfiado.

(S/N): - É sério TaeTae! A gente só quer o controle, então... Ou você entrega ele pra gente ou... - ele se aproxima de mim e sinto sua respiração quente em minha testa.

Tae: - Ou o que? - ele pergunta provocando. 

(S/N): - Ou... - digo olhando para os lados, mas logo olho para ele e dou um sorriso. - Isso!! - fico fazendo cócegas nele, e o mesmo começa a rir sem parar.

Sook: - Isso! Isso! - ela dizia pulando e batendo palmas, enquanto eu continuava a fazer cócegas no tae.

Tae: - Aish hahahahaha para! (S/N) hahahahaha é sério!! Eu Hahahahahaha não aguento!! - ele continuava a rir, eu aproveito e pego o controle da mão dele, e ele se senta no sofá ainda rindo, eu me sento também e entrego o controle para a Sook, ela pisca para mim e eu pisco de volta, ela dá uma risadinha e começa a procurar um filme de desenho ou de princesa como ela queria assistir. - (S/N) ei! - ele disse, e eu olhei para o lado, para ele, o mesmo ainda estava rindo. - Isso não valeu, você foi má, me fazer cócegas, foi maldade! - ele dizia com a respiração um pouco ofegante.

(S/N): - Valeu sim! - digo sorrindo e bagunçando o cabelo dele.

Sook: - Achei um filme!! - ela diz sorrindo e animada. - Vamos assistir Branca de Neve! - ela sorri para mim e para o tae. O tae fica com uma cara de tédio e eu sorrio de volta.

(S/N): - Ótima escolha! - dou um sorriso e pego um pouco de pipoca.

Tae: - Você quis dizer péssima né? - ele me olha sério.

(S/N): - Tae! - dou um tapa de leve em seu braço e ele começa a rir.

Tae: - Pra que essa agressão contra minha pessoa? Só fui realista, ninguém merece ficar vendo filme de princesinha.. - ele diz entediado e colocando uma almofada sobre o rosto.

(S/N): - Se você não quer assistir, xiiu, eu e a Sook queremos! Assistir o filme de 'princesinha' como você disse! - dou uma risadinha e pego um pouco de pipoca, de um pote que estava comigo e com o tae, e o outro estava com a Sook no outro sofá. 

Tae: - Aff... - ele resmunga. 

{...}

Já estava no final do filme, e o tae não me deixava prestar atenção no que estava acontecendo no filme, pois não me deixava em paz, nem por um segundo. Ou ele mexia no meu cabelo, ou tacava pipoca em mim. Eu já estava ficando irritada. 

Quando eu consegui me concentra no filme, ele me tacou mais uma pipoca.

(S/N): - Tae...

Tae: - Hum? 

(S/N): - Para com isso! - digo irritada. 

Tae: - Isso o que? Não to fazendo nada.. - ele diz se fazendo de santo.

(S/N): - Sabe muito bem, do que eu to falando, olha a bagunça que você tá fazendo... - digo olhando para algumas pipoca que estava jogada no sofá, as que ele tinha me acertado. Ele ri e fica me encarando sorrindo. - Porque tá me olhando assim? 

Tae: - Fica fofa, quando tá irritada!! - ele diz ainda sorrindo, com aquele sorriso quadrado que só ele tem,  e fica me encarando.

(S/N): - Afs...idiota! - digo rindo.

Sook: - Gente olha! Olha! - dizia a Sook com a boca cheia, e apontando para a TV. 

Olhamos para a TV, e estava na parte que o príncipe Beija a branca de neve, a Sook fica olhando para mim e para o tae com um sorrisinho no rosto.

Sook: - Porque vocês não imitam? 

(S/N): - Hum? N-não... - digo envergonhada.

Sook: - Porque não? 

Tae: - É (S/N) porque não? - ele me encara e começa a rir, deve ser da minha cara, de surpresa e de vergonha ao mesmo tempo. - To brincando... - ele ri e me abraça.

Sook: - Eu não tava não! - ela diz séria.

Tae: - Tampinha... - ele riu. - Então você quer que eu e a (S/N) imite a cena do filme?

Sook: - Sim!! - ela dizia pulando no sofá.

Tae: - Porque enh? 

Sook: - Porque sim ue, porque eu quero vê! Andem logo! - ela disse cruzando os braços. 

Tae: - Por mim tudo bem, pra imitar aquela cena, então eu só preciso beijar a (S/N)? 

Sook: - Sim! Agora para de enrolar!! 

Não acredito que o tae, ia fazer aquilo, ainda mais na frente da priminha dele, eu não conseguia falar nada, de tanta vergonha.

Tae: - Ok! - ele coloca a mão no meu queixo e me dá um beijo na bochecha. - Pronto tampinha... - ele ri, da cara da Sook de decepção.

Sook: - Não era assim! Era beijo tae, beijoooo!! 

Tae: - Foi um beijo ue, só que foi na bochecha, e você não pode ficar brava, você só falou do beijo, não especificou o lugar! - ele ri. Eu sentia minhas bochechas, arderem um pouco, elas devem estar vermelhas, eu devo estar parecendo um pimentão.

Sook: - Arghh..eu desisto. - ela começa a comer pipoca, e como o filme tinha acabado, ela muda de canal, e coloca em um desenho.

~ Pov. Taehyung ~ 

Essa pirralha, não tinha jeito mesmo, na hora que ela disse pra imitar a cena do filme, a do beijo, com a (S/N), não posso mentir, eu até que queria, só que a (S/N) além de ter ficado com vergonha, ela poderia pensar que eu estou aproveitando da situação, pois depois de tudo que aconteceu, que aquele desgraçado bateu nela, ela está tão frágil, seria fácil roubar um beijo, mas não queria aproveitar da situação e nem fazer ela pensar isso. 

Mesmo que isso tenha acontecido mais cedo, um "beijo" entre nós, foi impossível me segurar, naquele momento, mas agora não queria me aproveitar da situação, pelo menos tentaria me segurar, e não agir por extinto novamente.

~ QUEBRA DE TEMPO ~ 

~ Pov. (S/N) ~ 

Já fazia um tempo, que estávamos assistindo o desenho ***** ( pense em um desenho que gosta ). 

O tae estava quieto, e parecia estar pensativo, e a Sook também estava quietinha. De repente escuto o tae rindo. Olho para ele. 

Tae: - Parece que a pirralha, finalmente dormiu.. - ele olha para o sofá onde a Sook estava, eu olho e a Sook estava mesmo dormindo, aww parecia um anjinho.

(S/N): - É... - dou um sorriso. -  Tadinha,ela deve estar cansada..

Tae: - Com certeza... - ele ri.

Ele vai até o sofá que a Sook estava, e a ajeita, no sofá e coloca uma almofada de baixo de sua cabeça e da um beijo em sua testa e volta para o sofá e se senta do meu lado. Eu acho fofa, a sua atitude, e fico olhando para ele, e acabo dando um sorriso.

Tae: - O que é? 

(S/N): - Nada..só que...é bonitinho ver você cuidando da Sook assim... - dou um sorriso e ele retribui, mas logo ele fica sério.

Tae: - Eu tinha até me esquecido de perguntar... E o seu rosto? Está melhor ou ainda dói? - ele pergunta se aproximando um pouco de mim, parecendo preocupado.

(S/N): - E-e..está melhor, já não dói, como a-antes... 

Por um momento, tinha me esquecido do que tinha acontecido mais cedo, no colégio. Só em lembrar do ocorrido, meus olhos já começam a lacrimejar.

Tae: - Ei, (S/N)... Tá tudo bem? - ele pergunta me olhando, eu viro o rosto, e limpo algumas lágrimas que caíram. 

(S/N): - Tá s-sim... E só que..por um momento eu tinha até me esquecido do que tinha acontecido e.. - me dá uma vontade de chorar, então eu paro de falar, e o tae me abraça e fica abraçado comigo.

Tae: - Calma, eu to aqui, tá bom? E tudo vai ficar bem, te prometo pode confiar em mim... - ele sorri. Eu não digo nada, só o abraço mais forte, me sentia segura junto a ele.

Ficamos por um tempo abraçados, até que ele olha pro meu braço, que ainda estava com algumas marcas roxas. Ele se afasta um pouco, e pega a pomada que estava em cima da mesa de centro, e pega um pouco, e começa a passar no meu braço.

Tae: - Daqui alguns dias, essas marcas já não estarão mais  aqui... - ele dá um sorriso, querendo me passar confiança, e querendo me fazer me sentir melhor, e olhando para seu sorriso, eu acabei sorrindo também. - Ah...quase me esqueci de te falar, temos um trabalho pra fazer.

(S/N): - Hum? Como assim? Um trabalho? Do colégio? Eu não me lembro de- 

Tae: - Calma... - ele ri. - Foi no dia que você faltou, a professora passou um trabalho em dupla, pra semana que vem, e como você tinha faltado aquele dia, você ia fazer o trabalho sozinha, mas eu conversei com a Prof e ela deixou, eu fazer o trabalho com você, pra você não fazer sozinha, tá vendo? Eu sou um garoto muito legal.. - ele me olha e sorri, mas logo volta a atenção, para meu braço e continua passando a pomada.

(S/N): - Hum.. Até que é,viu? Valeu TaeTae - dou um sorriso. - Sobre o que é o trabalho?

Tae: - Aish, esqueci - ele ri e acaba de passar a pomada e a guarda. - Depois eu te mostro, está no meu caderno. 

(S/N): - Que milagre você copiando alguma coisa hehe, Ei, espera aí, porque depois? 

Tae: - Porque agora você vai descansar.. - ele fica sentado do meu lado e começa acariciar meu cabelo.

(S/N): - Hum?

Tae: - Deita aqui. - ele diz sorrindo apontando para seu ombro, eu fico um pouco em dúvida. Mas ele parecia estar falando sério. Então coloco meu rosto sobe seu ombro, na parte que não está machucada. Eu já estava com um pouco de sono, e ele continuava a acariciar meu cabelo, até que ele ficou abraçado comigo. - Tenta dormir um pouco.. - ele sussurra, eu não digo nada, apenas fecho os olhos, estava tão confortável  em seus braços, que facilmente peguei no sono.

~ Pov. Taehyung ~







Notas Finais


Espero que tenham gostado ❤❤
Continua ❤
Desculpe se tiver alguns erros, pois ainda não reli o cap. Sorry :'(


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...