História Daydreaming - Capítulo 86


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Dimitry, Iris, Kentin, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Rosalya, Violette
Tags Amor Doce, Romance
Visualizações 26
Palavras 1.358
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello hello, queridonnnnnnnns! Como vocês estão?
GALEURISSSS, FAZ UNS DIAS, MAS A NOSSA QUERIDA DAYDREAMING COMPLETOU DOIS ANINHOS, E EU QUERIA AGRADECER DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO A TODO MUNDO QUE ACOMPANHOU E FEZ UMA PESSOINHA ~EU~ FELIZ. COMENTANDO, FAVORITANDO E TAL! OBRIGADA POR TUDO MESMO, SUAS/SEUS LINDAS/LINDOS! COMO DIRIA O ALEXY, VOCÊS SÃO MEGA AMAZING!
Música do Capítulo: Ludacris - Party Girls (Jeftuz remix) (Music Video) ft. Wiz Khalifa & Jeremih

Capítulo 86 - Eu Quero É Ousadia!


Fanfic / Fanfiction Daydreaming - Capítulo 86 - Eu Quero É Ousadia!

- VOCÊS ESTÃO FUCKING ME ZOANDO?! QUE GRACINHA, ROSA! 

- De gracinha não tem nada, mas tudo bem. O que a Annie decidir, por mim tá ótimo. Eu faço o vestido de noiva então. 

- Vai ter vestido? - Castiel pergunta. 

- Não, não. Vou pelada e a gente se casa em uma praia de nudismo, seu idiota! - Dou um tapa na cabeça dele. 

- Ai! Por que você é desse jeito, hein imbecil? 

- Olha lá que o imbecil aqui é você, seu... Seu... Seu otário! 

- Sério que você demorou isso pra falar otário? - Alexy pergunta. - Meu Deus do céu! O mundo está mudando. - Rio. 

- Você não tem o que fazer, não?

- Infelizmente não, mas tudo bem. 

- Okay. Alexy, você faz o casamento, okay? 

- Seria uma honra. 

- Lógico que seria, sou eu, cara. 

- Não exatamente por você. 

- Toma essa, babaca. 

- Você já foi mais carinhosa, Annie. 

- Sabe como é, né?! Carinhosa e eu não sou boa de cama. Grossa e quem sabe alguma coisa muda?! 

- Vai jogar isso na minha cara até quando? 

- Até eu lembrar da sua existência. 

Nós vamos ficar juntos até o final, minha querida. 

- Eu tenho minhas duvidas, meu querido. 

- Vocês estão vendo, né?! Ela já foi melhor. 

- Acho é pouco. Vamos, Ann. Temos que organizar a putaria. 

- OI? - Eles perguntam. 

- Tão achando o quê? Que só homem tem direito a despedida de solteiro? Tão enganados, meus amores. 

- Ei, eu posso participar? - Alexy pergunta. - Eu gosto de homens também.

- Exatamente por isso que você não vai participar, meu amor. Você é irmão da noiva, tem que ficar de olho no teu grande cunhadão. 

- Odiei isso, você sabe, né?! 

- Cagueeeeeeeeeeeei, Castiel! - Digo. - Tchau bebês. 

- Ei, ei, ei?! Mas vocês não conhecem meninas pra terem uma baita despedida. Acho que deviam juntar com a nossa. - Alexy diz. 

- Não dá ideia, Alexy. Não dá ideia. 

- Ficou crazy, amor? - Rosa pergunta. - Nós viramos amigas das meninas do terceiro, mas adivinhem só quem vai junto? 

- DAKOTAAAAAAAAAAAAAA! - Digo rindo. 

- Mas nem fodendo. 

- Por que ele pode ir e eu não? Eu acho uma palhaçada. 

- Alexy você tem que me ajudar a não ter. 

- Querido, eu quero é ousadiaaaaaaa! Não quero coisa certinha, não. 

- Tô lascado. 

- Okay, Alexy, eu e a Rosa chegamos em um acordo de que você pode ir. 

- Chegaram quando? 

- Pelo celular. - Sorrio. 

- Uau... Elas são rápidas. 

- Dake chegou! Estamos indo. 

Saímos de casa e fomos até o carro do Dake. 

- E aí "ex's"? - Ele diz. 

- Sabe que ainda não somos, né? 

- Você vai casar, sua danadinha. - Rio. 

- Vou sim. 

- Mas estou à sua disposição, você sabe. 

- Dakota, se controla. - Rosa diz. 

- Olha, eu como seu irmão acho que você devia sim ter uma disposição. - Rio. 

- Qual é o problema de vocês? 

- Ah, Rosa, acha que o Castiel vai ficar santinho na despedida de solteiro? AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA TÁ!  - Alexy diz. 

- Eu nem chamei os meninos. Estou me sentindo mal.

- Ah, relaxa, baby. Eles sabem que eu sou seu melhor amigo/peguete/amante e que o Alexy é seu irmão. 

- Amante? - Pergunto rindo. - Não tô sabendo disso, não. 

- Ainda não. Espera você beber. 

- Rosalya, eu tô com medo. - Ela ri. 

- Despedida de solteira, minha linda, é mais do que seu dia. - Rio.

- Eu não sei porque o Castiel quer fazer isso, sabe? Eu acho que nós deveríamos estar em um relacionamento aberto. Assim, eu fico com quem eu quero, e ele também. 

- Desapegou, filha? 

- Não, por isso que eu ainda iria continuar ficando com ele. Só não sou mais trouxa e tal, sabe? Tipo, ele me irrita agora. 

- O Castiel irrita todo mundo. - Dake diz. - Quem ele pensa que é para falar dos meus entorpecentes? - Rimos.

- Por que você não fala sobre isso com ele? 

- Porque ele encasquetou com essa merda. Ele pisou tanto na bola que agora eu vejo ele sendo fofinho, e me dá vontade vomitar. Não combina com ele. 

- Caralho bicho. 

- Pois é. E olha que pra eu chegar nesse ponto, o negócio é louco, meu chapa. 

- Sabe o que é legal e falar com a Annie? Que parece que eu estou falando com um homem. - Dake diz e eu rio. - Irado. 

- Vocês sabem que eu shippo tanto vocês, não sabem? - Rosa pergunta. - #DANNIE. 

- Ficou bonitinho. 

- Que? Quem é Dannie? 

- Ele nunca entende. É impressionante. 

- Que porra é shippo? Só conheço chupo, e ainda muito bem. - Rio. - Dannie chupa, é isso? 

- Alexy, vai passar a vida toda e nós ainda vamos ter que explicar pra essa MULA LOIRA o que é shippar. 

- Falem a minha língua e faça um homem feliz. 

- A GENTE APOIA QUE VOCÊ TRANSE COM A ANNIE CONTINUAMENTE. 

- AAAAAAAAAA agora faz sentido. - Ele diz e eu rio. 

- Bicho burro. 

- Não, não, não... Eu só sou evoluído demais para vocês. 

- Nossa... - Digo rindo. 

Fomos ligando para uns lugares, para ser mais precisa, para algumas boates que faziam despedida de solteira. Eu tava tipo como, molecote? No grau! Ansiosa como se eu fosse comer o meu último pedaço de pizza na minha vida. 

- Tipo, mais ao menos 100 garrafas de Tequila. - Rosa diz. 

- Caralho, Rosalya. Você tá achando que quem vai vir? Nova Iorque inteira? 

- Moça, no mínimo reservam 200 garrafas. 

- Mas eu vou dar um PT tão monstro, moça. 

- É seu último dia de solteira, linda. Aproveita que 100 é cortesia da casa. 

- Nós vamos fechar aqui mesmo. - A moça bate palminhas. 

- Moça, você é solteira? - Dake pergunta. - Porque você tem marca de aliança no dedo, mas você não tem, sabe? Então eu não sei. 

- Que tipo de pergunta é essa? Moça, me desculpe. Meu amigo é doente.

- Ela é. Eu não. - Ela ri. 

- Então, eu namoro em um certo tempo, sabe? A noite eu não namoro. 

- Olha só...

- Por quê? Tem interesse? 

- Não. - Ele diz rindo. 

- Não fico com caras mais novos. É uma regra. Também não beijo na boca. 

- Você beija aonde? 

- Depende do serviço. 

- Você é...?

- Não é óbvio? Vocês estão em um bordel. 

- Estamos? Rosalya! 

- Mas agora vocês já fecharam, não é mesmo? Esperamos vocês. Nós temos um catálogo com homens que vocês querem para o dia. - Ela pega um álbum gigante. - Vejam. 

- Ai que lindinho! - Alexy disse. 

- Eu vou te matar. - Rosa diz e eu rio. 

- Eu quero ajudar também. - Dake diz. - Esse aqui é um chuchu. 

- Ele nem tem dente, Dake. 

- Pra que você quer dente?

- Alta qualidade. A última que ficou com ele, morreu. 

- Altíssima qualidade. - Dake diz. - Pode colocar. 

- Você que vai ficar com ele. 

- Pode tirar. - Ele muda a folha. - E esse aqui? 

- O cara parece o Zé do caixão, Dakota! Olha o tamanho das unhas dele. 

- É pra quem curte... Sabe? Lá naquele lugar... Redondo? 

- Loló? 

- Oi? 

- A bunda? Ânus? 

- Ah sim... Isso aí. 

- Mas não dói, não? 

- Eu adoro. - Alexy diz. 

- Você não adora nada! Cala a boca!

- Vamos focar aqui. Esse aqui também é bem legal. 

- Parece um lobisomem. Tem mais pelo no peito do que eu tenho cabelo. 

- Vocês são muito exigentes. Na hora da necessidade vocês não iam ficar assim. 

- Ah cala a boca. 

Nós escolhemos os caras lá, que né, não eram grande coisa, mas eu não ia desfrutar deles porque eu ia desfrutar da Tequila, né meus amigos? 

Mas no final das contas... Foi irado.  

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado :D
Não deixem de comentar e favoritar <3
Beijos beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...