História DE REPENTE GAY ?! - Capítulo 82


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Gay, Romantico, Yaoi
Visualizações 51
Palavras 327
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Hentai, Orange, Suspense, Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Aparte daqui Até o capitulo 90 não tera imagens #EstaEmFalta

Capítulo 82 - Eu sou eu.


-E-eu não sabia direito! Você é... muito popular.

Eu disse como desculpa.

-Eu, em algum momento, parei de ligar para como os outros me viam. Eu não sentia essa coisa que é gostar de alguém a muito tempo, e ainda assim estou muito surpreso porque as outras vezes não foram tão... intensas como é com você. Então, ser popular ou não, não tem nada a ver porque eu sou eu; tenho meu jeito estranho mas ainda sou um homem desesperado para que você me ame.

-E-eu estou aqui com você então não tem necessidade de ficar desesperado!

Ele sorriu e me abraçou.

-Sim, eu sei. Mas os sentimentos humanos são tão loucos; em um dia alguém está com você e no outro está declarando amor a outra pessoa. E eu não quero te perder; sinto que não consigo voltar a vida que tinha antes de te conhecer então estou desesperado para que você seja meu, para te marcar e te fazer se sentir bem. Talvez eu tenha algum problema...

Axel riu seco. Ele está desesperado a quanto tempo? O que eu devo fazer pra ele parar de pensar que eu vou embora?

-S-sabe, eu gosto muito de você e isso não vai mudar, porque se fosse algo fraco eu nem teria deixado rolar. Quer dizer, eu estou bem consciente que nós somos dois homens e mesmo assim estou aqui.

Não é como se eu não tivesse sido um idiota umas mil vezes; eu estou consciente até demais que nós dois somos homens, mas eu ainda não consegui fugir.

-Brendo, você... você ficaria comigo só pra não me machucar? Por pena ou algo assim.

-Hã?! Que tipo de pergunta é essa?! É claro que não! Se eu não quisesse ficar perto de você já teria te deixado ir a muito tempo; antes mesmo de eu sentir que estou apaixonado e você sabe disso!

Axel sorriu e eu vi que era de verdade dessa vez. Sem aquele olhar doloroso ou com o riso sarcástico. Era só ele, aliviado.

-Eu sei sim.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...