História Death note(Continuação) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Death Note
Personagens L Lawliet, Light Yagami, Misa Amane, Nate "Near" River, Personagens Originais, Ryuuku, Shuichi Aizawa, Touta Matsuda, Watari
Tags Death Note
Visualizações 1
Palavras 1.557
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Mistério, Policial, Suspense
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Apreensão


Fanfic / Fanfiction Death note(Continuação) - Capítulo 6 - Apreensão

 Alguns dias se passaram...

Chlöe havia sido presa por suspeita dela ser o segundo Kira...

Algum tempo antes.

-Light, se eu renunciar a posse do Death note, eu vou esquecer tudo sobre ele, né?-Perguntou Sidney.

-Correto, vai ser como se ele nunca tivesse existido.-Respondeu Light.

-Hum... Eu posso...

De volta na casa X.

X estava tomando seu cházinho de boas, até que toda a equipe chegou pra o ajudar.

-Oh, Aizawa, Carter, Casanova e Smith, olá.

Então eles viram a câmera do quarto onde Chlöe estava.

-Mas que porra...?-Perguntou Carter.

-Isso, é Chlöe Martínez, estrela da série "Blood, Gore and Love".-Respondeu X.

-Ta, mas o que ela faz aí?-Perguntou Smith.

-A polícia de Londres a prendeu hoje de manhã, sob suspeitas de ser o segundo Kira.

-Como pode provar isso?-Perguntou Aizawa.

-Simples... Ela mesma vai confessar.-Respondeu X.

Então X começou a falar em um microfone, obviamente, havia um aparelho para distorcer sua voz, e não ser percebido.

-Senhorita Martínez, vai ser mais fácil se você confessar que é o segundo Kira.-Disse X, com sua calma de sempre.

-Que? Segundo Kira? Eu não sei nada sobre o segundo Kira!-Respondeu Chlöe, chorando muito.

-Será muito melhor se confessar agora...

Todos ficaram boquiabertos com a frieza de X, que estava vendo Chlöe vendada, amarrada a uma cama sem esboçar nenhum sentimento.

-X, qual é o seu objetivo com isso?-Perguntou Carter, meio alterado.

-Baixe sua voz, eu estou com um pouco de dor de ouvido...-Respondeu X.

Nessa hora, Sidney Carter entrou na casa X pra conversar com X...

-X, eu quero provar pra você que eu não sou o Kira...-Disse Sidney.

-...?-Reação de todos os detetives.

-Me prenda!-Então Sidney colocou suas mãos em sua frente.

X arregalou seus olhos negros, e cobriu a boca com uma de suas mãos, surpreso.

-Qual é, eu não tenho dia todo!-Gritou Sidney.

-Sid, eu não vou te prender, eu não posso, eu sou um detetive particular, não tenho o direito de apreender.-Respondeu X.

-Se é assim... Aizawa, me prenda!-Disse Sidney.

-Não... Não posso.-Respondeu Aizawa.-Você não está sendo acusado de nada...

Então X começou a fazer levantamentos.

-Nem eu, nem Aizawa, nem seu pai vamos te prender, você está sob SUSPEITA de ser o novo Kira, não está sendo ACUSADO!-Respondeu X.

Sidney então foi até um dos chuveiros no banheiro do X, ele só queria tomar uma ducha rápido, também, porque a taxa de água e esgoto cairia na conta de X, que jogaria na conta de Q.

Sidney já havia começado a se lavar, quando X chegou, e tirou suas roupas. Resumindo, dois homens tomando banho igual a uma prisão.

-Iae, Sid.-Disse X.

-Já não tava de bom tamanho não me prender?-Perguntou Sid.-Faria o certo, me prendendo.

-É mesmo? E o Kira...?-Perguntou X, e começou a rir.

Sidney desligou seu chuveiro e pegou uma toalha.

-Ah, qualé! Só tava tirando uma com a sua cara, Sid.-Disse X, ficando sério.

-Não gosto desse tipo de brincadeira, Jensen-Respondeu Sidney.

-Ok... Prometo não fazer mais...-Disse X.-Pode me passar o shampoo pra mim?

Então X passou shampoo em seu cabelo grande, e começou a esfregar.

-Sid, como você acha que o Kira mata? Tam alguma teoria?-Perguntou X.

-Com certeza não é com um caderno.-Respondeu Sidney.

-Caderno?

-É.

"Estranho... Que caderno é esse?"

-Caderno?-Perguntei.

-É, porra, caderno!-Respondeu Sid, com um pequeno tom a mais.

-Eita... Tá estressado...?

Então Sidney saiu do banheiro.

"Ah... Esse cara só pode estar te fazendo de besta, o cara é um detetive, líder de uma investigação ilegal que visa a pegar o Kira, e não sabe como o Kira age..."

X ainda estava com aquilo na cabeça...

"Com certeza não é com um caderno... Disse Sidney Carter... Caderno? Que caderno seria esse? Mais de 600 mortes por dia, ocorridas por ataques cardíacos, e suicídios suspeitos. Como um caderno pode causar isso?"

Isso fez a cabeça de X virar. E fez ele ficar pensativo, e agir o dobro que o normal. Mas aí ele recebeu uma mensagem de um legista.

"Senhor Jensen Paige, necessito sua presença no necrotério urgentemente, um homem caucasiano se suicidou em seu apartamento nesta manhã, a polícia de Londres quer que você investigue isso."

Então X se apressou pra ir até o legista...

Enquanto isso: Sidney estava fazendo sua atividade favorita, escrevendo nomes, mas um dos nomes, atraiu muito atenção das mídias locais, e polícia, era um executivo de uma multinacional acusado de pedofilia, aliciamento de menores, estupros. Ele teve uma ideia excelente...(Revelarei nos pro capítulos)...

No necrotério.

-Por que a polícia de Londres quer que eu solucione o caso?-Perguntou X.

-Você é o único que está disponível.-Respondeu o legista.

"Droga... Terei que me virar pra investigar o Kira e os suicídios suspeitos. Ta que pariu. É o cúmulo..."

Então X começou inspecionar o corpo e procurar indícios de drogas ou hematomas.

-Legista, faz um favor pra mim? Vê se esse cara tinha ficha na polícia.

Então descobriram que o cara tinha uma ficha na polícia por sonegação de impostos, mas cumpriu sua fiança.

-Kira... Só pode ser ele.-Disse X.-Um suicídio, não tem indícios de drogas, o cara não estava deprimido, estava super bem.... Tenho que descobrir como Kira faz isso.

-Mas, a própria rainha proibiu você de investigar o Kira.

-Nada me impede... Os suicídios são causados pelo Kira, esse cara tem que ir preso.

Então X saiu do necrotério e passou suas informações diretamente pra Q, tudo que ele retém, é compartilhado com Q(Ordens de seu pai, W).

-Q? X, temos que conversar, me encontre na Wammy's house, é sobre os suicídios suspeitos, me ligue de volta quando receber esse recado.

Então X deu de cara com Sidney, eles se esbarraram e, sem querer, X derrubou tudo que tinha em sua mochila.

-Oh, merda... Mil de, moço...-Disse X.

Então X olhou pro casaco, e o tom da voz, e percebeu que era Sidney.

-Não foi, nada... Jensen?-Perguntou Sidney.

-Sim... Iae, man.-Disse X.-... tá, ouvindo YMCA?

-Uhm....

-Death note? Que negócio é esse?-Perguntou X.

-Não é nada...-Respondeu Sidney.-Esse caderno não mata pessoas, não mesmo, sabe, é só um caderno de anotações.

-Botei fé...!-Disse X, indo pra o Wammy's house.

Sidney então decidiu ligar para Chlöe, pra ela falar o nome verdadeiro do X para mata-lo.

-Porra... Atende, Chlöe!...

-Olá! Você ligou para Chlöe Martínez, infelizmente, não estou disponível, mas deixe um recado.

-Chlöe, cadê você, sua imprestável? O X tá aqui na frente do necrotério, tá desprevenido, é a hora perfeita pra você me falar o nome do filha da puta!

Mas X virou a esquina e não foi visto mais por Sidney nesse dia.

"Ah, droga! Mais uma vez, eu perco uma puta de uma oportunidade! Esse cara pode ser um Zé ninguém em matéria de pessoa, mas ele tá demonstrando ser um ótimo detetive, tanto é que até mesmo o Aizawa topou trabalhar com ele! O Aizawa! Puta que pariu..."

-Hehehe! Esse cara escapou mais uma vez da morte!-Disse Light.-Esse cara me lembra muito o L!

Então Sidney começou a ligar várias e várias vezes para Chlöe, pra ela falar qual é o verdadeiro nome do X, mas como ela está presa, não deu em nada...

-Porra! Por que diabos a Chlöe não atende essa merda de telefone?-Perguntou Sidney.

Então Sid lembrou que Chlöe tem um Death note, então ele correu até o apartamento dela pra pegar seu Death note, e ver o Shinigami dela.

Quando ele pegou o Death note de Chlöe, ele viu Mihael, o Shinigami de Chlöe.

-Cadê a Chlöe?-Perguntou Sidney.

-Deveria saber que ela está presa!-Respondeu Mihael.

"Presa...?...... X!"

-Deixa eu advinhar? X!-Disse Sidney.

-Exatamente, X... Esse não é nome dele, o nome dele é outro.-Respondeu Mihael.

-E qual é o nome dele!-Perguntou Sidney.

-Não posso falar, pois você irá mata-lo.

Então Sidney teve uma idade.

-Light?-Perguntou Sidney.

-Diga!-Respondeu Light.

-Você é um Shinigami, né?

-Siiim!

-Então você pode ver o nome das pessoas?

-É claro!

-Então você pode ver o nome do X esse tempo todo que estou com você?

-Uhum!

-Então, o Light sabe o nome do X, mas eu quero que você, o mate!-Disse Sidney, agora para Mihael.

-Ah, não vai conseguir, Sidney! Não é fácil assim não! Cê acha mesmo que é só falar desse jeito...?-Perguntou Light-O moleque nunca acordou 3h da manhã pra carpina um lote e...

-Ta, eu faço, pela Chlöe...-Respondeu Mihael.

Sidney então guardou os Death notes dentro de sua mochila, e foi até a casa X.

Na casa X...

X estava falando com Aizawa e Carter. Obviamente sobre o Kira.

-Quando a gente pegar esse Kira, nós vamos estourar ele na porrada, ele vai ficar em coma por 6 meses... Vai ficar paralítico de tanto cacete que ele vai levar...-Disse X.-Nós vamos fazer uma sessão de fodelância anal, sem cuspe, e com arame farpado.

-Você se espelha no L, mas seus pensamentos não são nada haver com os dele.-Respondeu Aizawa.

-É porque somos pessoas diferentes, Aizawa, o L é o L, eu, X, sou eu.-Disse X.-E se ele tiver um Shinigami, se realmente existir um, vamos o dissecar e desovar pra saber do que ele é feito.

Sidney nem chegou a entrar no escritório do X, ele saiu de fininho pra não ser visto por ninguém. Quando ele chegou em casa, foi pro quarto, retirou seu Death note da mochila, e começou a escrever os possíveis nomes do X. Mas, obviamente, nenhum deles fez efeito...

-Droga... Óbvio, nenhum desses é verdadeiro...

-Não quer... Olhos de Shinigami?-Perguntou Light.

-Não, Light, já falei mais de 5 vezes que não quero... ESSA PORRA DE OLHOS DE SHINIGAMI! SE INSISTIR DE NOVO, EU ESCREVO SEU NOME NO DEATH NOTE!!-Berrou Sidney.

-Meu nome tem 5 letras, você só conseguirá escrever 3!-Respondeu Light.

Então Sidney ficou pianinho com a informação. Então ele começou a bolar ideias pra tirar o X de cena.

-Tenho que pegar no ponto fraco dele...-Disse Sidney.-Ele tem que cair sem ter no que segurar...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...