História Defendendo um Assassino 2 Temporada - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Cameron Dallas, Mike Tyson, Park Ji-min (Jamie Park), Ronda Rousey
Personagens Cameron Dallas, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mike Tyson, Personagens Originais, Rap Monster, Ronda Rousey, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Casamento!au, Chim Chim, Comedia Romantica, Imagine Jeon Jungkook, Imagine Jimin, Imagine Jungkook, Imagine Park Jimin, Jeon Jungkook, Jimin, Jiminie, Jin, Jungkook, Kook, Kookie, Min Yoongi, Namjoon, Park Jimin, Romance, Sexo, Suga, Taehyung, Yoongi
Visualizações 723
Palavras 1.202
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Esporte, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Presa


Fanfic / Fanfiction Defendendo um Assassino 2 Temporada - Capítulo 10 - Presa

Narrado por (S/n)

Jimin ficou olhando pra baixo pra não olhar nos meus olhos enquanto Ronda sorria por nos ver

 Bom gente, vou ter que ir lá pra minha mesa. Foi bom ver vocês — Sorriu e saiu.

 Que história é essa Jimin?!

 Eu vou explicar. Quando eu fui pra Nova York eu fui fazer o curso de promotor lá até ai Ok. Mas teve momentos que eu precisava extravasar entendeu? Então eu fui procurar uma academia de artes marciais mas a minha intenção era não levar a sério sabe? Só que quando eu cheguei lá eu fui levando na brincadeira que nem você e quando eu me dei conta eu já estava lutando de verdade e eu só queria vencer, vencer e vencer até que um dia eu perdi feio. Foi horrível! Fiquei com perna e braço engessado, olho roxo. Fiquei dois dias dormindo em um leito de hospital pra você ter uma noção.

 Mas por que você não me contou isso?

 Não foi de propósito que eu não contei, eu só não queria lembrar desse momento quando eu estivesse com você, não achei que fosse necessário você saber disso. Não queria relembrar entendeu?

 Entendi. Tudo bem... Eu não vou ficar brava com você — Sorri e coloquei minha mão por cima da sua e ele sorriu

 Eu não te escondi nada (S/n), eu só não achei que você realmente precisava saber desse momento da minha vida. Aliás tudo que aconteceu em NY fica em NY, pra mim é pesado...

 Está bem... — Nesse momento nosso pedido chegou e começamos a comer e conversar sobre assuntos aleatórios, até Ronda voltar na nossa mesa.

 Ah! (S/n), Mike já te avisou que marcou a luta? — Nesse momento engoli um seco e Jimin me encarou, desviei o olhar

 Luta? — Jimin perguntou sério

 Já... Só não me falou quando... — Respondi

 Então é daqui 1 mês. Agora vou indo mesmo. Foi bom ver vocês — Sorriu

 Foi bom te ver também — Jimin sorriu minimamente pra ela mas voltou a ficar sério e Ronda saiu.

Depois disso o silêncio brotou naquela mesa, Jimin não disse nada mas também não desviava o olhar sério sobre mim, eu tentava parecer tranquila, mas o silêncio me incomodava.

Depois que Jimin pediu a conta, ele pagou e a gente saiu, entramos no carro e ele deu a partida em silêncio

 Não vai falar nada? — Perguntei baixinho, ele não tirou o olhar do caminho, o sinal fechou ficando vermelho e fazendo ele parar o carro

 O que quer que eu diga?! — Me fitou sério — Que eu estou feliz por você se arrebentar em um octógono e eu só ver e não poder fazer nada? — Esbravejou — Por que você está fazendo isso? É pra me irritar?

 Claro que não Jimin. Se acalma.

 ME ACALMAR?! — Gritou ignorando o fato de que estávamos no trânsito e no meio de um monte de carros — PORRA (S/N) QUAL É O SEU PROBLEMA?! — Berrou super alto me fazendo sentir vergonha por estarmos na rua. Ele estava vermelho, as veias do seu pescoço estavam saltadas. Ele estava extremamente puto. A vergonha me fez me afundar no banco de passageiro   

 Jimin — Supliquei baixinho — Para de gritar. Que vergonha! Estamos na rua. — Falei ao perceber os motoristas dos carros ao lado nos olhando

 FODA-SE!! — Berrou batendo no volante. Mordi meus próprios lábios com força e fechei minha mão em um punho na tentativa de controlar minha vontade de virar um tapa em sua cara pra ver se ele volta ao modo normal.

O sinal voltou a ficar verde e ele deu a partida de volta pra casa em silêncio

❌❤❌

Assim que chegamos em casa começou a gritaria de nossos palavrões mandados um pro outro 

 Coisa bruta não combina com mulher. — Ele disse por fim, me fazendo revirar os olhos

 Escuta aqui! Primeiro você berrou comigo na frente do Jungkook, agora no meio da rua. — Me aproximei dele e olhei firme em seus olhos. — A próxima vez que isso acontecer, eu pego minhas coisas e vou embora daqui. — Foi só isso que eu disse pro Jimin acabar com aquela marra toda e voltar ao modo normal

 E-embora daqui? — Perguntou com a voz trêmula

 Sim. Se isso acontecer de novo, eu me separo. — Falei e fui em direção ao meu quarto. Chegando lá tentei me livrar do vestido o que era impossível já que ele era de zíper. Não estava conseguindo abrir o zíper do vestido. Até que eu senti a mão de Jimin fazer esse trabalho pra mim, abrindo o zíper

 Valeu. — Eu disse por fim e ele não respondeu. Peguei um pijama e entrei no banheiro e tomei um banho demorado.

🕡

Sai do banheiro, já vestida com Pijama e fitei Jimin deitado na cama lendo um livro, mas quando viu que eu sai do banheiro me fitou.

 Mesmo depois de você descobrir toda minha história, mesmo assim você quer lutar.

 Jimin, eu não quero brigar — Falei enquanto me deitava ao seu lado

 E você acha que eu quero?!

— Acho. Se não você me apoiaria

 (S/n), por favor não faz isso. — Implorou desesperadamente e começou a chorar e seus braços me cercaram e puxaram pra perto me apertando com força — Eu não vou aguentar ver você machucada, não vou!

 Eu não vou me machucar. Confia em mim.

 Não, (S/n). Por favor — Implorou. E eu Ergui a cabeça pra fitar seu rosto, mas sem sucesso, então me distanciei um pouco pra fitar seus olhos cheios de lágrimas. Lágrimas realmente sinceras.

 Jimin... — Sequei seu rosto com meus polegares — Eu estou aqui inteira e bem não estou?

 Até quando?

 Até sempre... Sempre vou estar inteira Jimin. Eu posso até me machucar mas isso passa, relaxa... Eu estou sendo bem treinada, estou treinando de segunda à domingo por um cara incrível nesse ramo. Não tem como eu perder

 Todo mundo perde uma vez na vida (S/n), imagina você? Competitiva do jeito que é...

 Relaxa Jimin, se eu perder perdi, fazer o que... Agora vamos dormir porque amanhã eu tenho treino exatamente pra não me machucar na hora, preciso dormir e estar descansada. — Falei e ele abriu os braços pra me aproximar, me aproximei e ele me abraçou como se eu fosse um urso de pelúcia gigante.

 Eu amo você e tudo que eu faço é pensando no seu bem. Nunca se esqueça disso.

 Eu também amo você. — Fechei os olhos e adormeci

❌❤❌

Acordei sozinha na cama, abri os olhos com dificuldade pra me acostumar com a claridade e quando fui tentar me levantar não consegui. Minha mão estava algemada na cabeceira da cama, quando entendi o que estava acontecendo comecei a me debater desesperada

 JIMIN!!!!!! — Gritei e ele apareceu na porta — QUE PORRA É ESSA?! — Olhei pra minha mão presa na cabeceira da camae voltei a encará-lo

 Eu... Não queria fazer isso (S/n). Mas eu estou fazendo isso pro seu bem. Acredita, você enlouqueceu com essa ideia e eu não posso deixar você machucar. 

Continua 


Notas Finais


Comentem o que acharam do Jimin ter feito isso, ta certo ou errado?
Vejam minha nova fanfic e depois de comentarem o que acharam desse capítulo, vão lá e vejam esse, já digo muito obrigada pra quem fizer isso. Beijos!!! ❤❤❤ https://spiritfanfics.com/historia/police-operation-10910228


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...