História Depois de um Acidente - Capítulo 64


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Acidente, Amizade, Amor, Descobertas, Famoso, Futebol!, Hospital, Jogador, Romance, Traumas
Visualizações 34
Palavras 684
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Faz tempo em... Mas boa leitura 😘

Capítulo 64 - Estava esperando por esse dia 🌅


Fanfic / Fanfiction Depois de um Acidente - Capítulo 64 - Estava esperando por esse dia 🌅

POR NICK:

Entrei na minha cada e a noite bateram na minha porta. Abri e logo um soco me atingiu.

Caí no chão e olhei... Pedro... Veio para cima de mim e me socou outras duas vezes. O joguei longe e o atingi.

- imbecil! - gritou. Sorri.

- estava esperando a desculpa para te dar umas lições. - falei e o soquei outras duas vezes.

- nunca confiei em você! - falou alto se levantando. O encarei.

- idem. - falei.

- ela está mal, está sofrendo, por sua causa... Não se alimenta direito porque vomita tudo que come... Desde que você fez aquilo com ela... - falou. O encarei, é verdade, já sei de tudo isso, mas quem ele pensa que é pra vir jogar isso na minha cara.

- e deixa eu adivinhar... Você é o cara perfeito, que está a ajudando a me superar? - perguntei. Sorriu.

- sou o que ela precisar...- falou. Ri alto.

- uma pena que ela te veja como um irmão... - falei. Me encarou irritado.

- questão de tempo... Logo ela vai estar comigo... E te esquecer Nicholas.- falou. O soquei.

- entenda que iza é minha, elaestá á ma, amo ela, e nem você, nem ninguém vai tirar ela de mim...- falei olhando em seus olhos. Larguei sua camiseta e o empurrei. - agora some da minha frente. - mandei o jogando no corredor e tranquei a porta.

Fui para meu quarto e gritei... E no banho chorei.

Ela foi atropelada...

Ela me odeia...

Eu sou um bosta... Logo irão riuba-la de mim... Tenho certeza.

Saí do banho e a campainha tocou. Atendi com a toalha no quadril. Amanda... A encarei. Sorriu e invadiu meu apartamento.

- que delícia em? - perguntou. A encarei.

- você é uma filha da puta... Estou sabendo que procurou izabella, a fez perder o emprego e ainda contou a ela coisas que não cabia a você contar...- gritei com ela. Sorriu perto do meu rosto e tocou minha toalha.

- se vinga de mim na cama. - pediu me acariciando. A afastei.

- eu estou falando serio amanda... Fica longe da iza... Longe de mim ! Eu odeio você... Acabou com o meu namoro, fez aquela putaria nojenta de vídeo...

- me masturbo todo dia assistindo aquilo. - falou gemendo. A encarei impassível.

- se você se aproximar de izabella... Eu acabo com você. - falei. Sorriu.

- se esqueceu de quem manda Nicholas... Eu mando em você... E vamos combinar... Aquela... Iza... É bem sem graça.- falou. A olhei.

- some da minha frente... - falei a agarrando pelo braço.

- não! Vamos para o seu quarto... Está tão gostoso. - falou.

- amanda... Eu tenho nojo de você. Eu nunca mais vou encostar em você daquela forma... Não te suporto... Te acho feia... Oferecida... - falei atingindo seu ego. Me olhou magoada.

- feia? - perguntou.

- horrenda. - falei. Se afastou.- agora vai embora e arranja outro pra atrapalhar e me deixa em paz... Eu te odeio sua desgraçada. - falei. Agarrei suas bochechas dolorosamente. - some. - mandei. Chorou e saiu correndo do meu apartamento. Fui dormir... Ou melhor, tentar. Minha cabeça não para...

Acordei cedo e fui ao hospital. Ela estava acordada. Gregório estava lá.

Fui conversar com doutor. Disse que ela teria alta hoje. Puxei a ficha desse Gregório e descobri que é empresario. O encarei quando saía ele está com uma camisa da marca delas... Que merda é essa?

- Nicholas... - falou cumprimentando.

- Gregório.- falei.

- iza está melhor...- falou.

- iza? Quando ganhou essa intimidade? - perguntei. Sorriu com a barba bem feita.

- agora mesmo... - falou. O encarei com raiva.

- não sabia que elas tinham te vendido a roupa... - falei apontando para a camisa, seu sorriso me irritou.

- ah... Não... Virei um... Sócio financeiro delas... Adorei a ideia de negocio que elas tem e quero que tenha futuro... Elas merecem. - falou.

- esta citando as tres ou só Izabella, por quem está caidinho? - perguntei. Sorriu.

- não é da sua conta... Se me dá licença... Preciso ir... - falou e saiu com seu terno ajustado. Fechei os olhos e contei até 10 para não acabar com aquele sorriso dele.

Não entrei ver iza, não quero piorar as coisas para ela.


Notas Finais


Volto quando der, não vejo a hora de passar logo essa semana de enem, pra voltar a ser inteira... Ah não... Ainda terá mais vestibulares, mas enfim... Perdoem a demora...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...