História Destino ( Markson 2Jae YugBam) - Capítulo 65


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, K.A.R.D
Visualizações 266
Palavras 1.726
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 65 - Trocar a Cor do Cabelo


Fanfic / Fanfiction Destino ( Markson 2Jae YugBam) - Capítulo 65 - Trocar a Cor do Cabelo

As pessoas não acreditam que algo possa durar

​Para sempre

​Não dê ouvido á eles

​As nossas memórias sem filtro, andam por

Nosso caminho juntos

​Encontrando você e meu holofote

​Hey, se não for tarde de mais

Hey, me diga o que eu posso fazer

Fique do meu lado, você precisa estar lá.

 

 

Sábado

 

_ Mark acorda – Mark sente seu corpo ser balançado e devagar abre os olhos, se costumando com a claridade do quarto.

_ Ah, bom dia Omma – diz se sentando na cama coçando os olhos com as costas das mãos.

_ Bom dia adeul, se arrume pois o Jack esta la em baixo te esperando – diz puxando seu cobertos para a beira da cama.

_ O que o Jackson esta fazendo aqui? – a olha confuso.

_ Eu não sei, ele so pediu para te ver – sorri.

_ Ah - sorri um pouco envergonhado passando a mão na nuca – Eu vou me arrumar.

_ Ta bom, não demora.

 

 Mark assenti enquanto Hawy, saia do quarto ja descendo as escadas, encontrando com Jack ainda de pé andando pela sala.

 

_ Jack – chama Hawy fazendo o loiro se virar para a mesma – O Mark já vai descer – sorri.

_ Ok, obrigado Hawy – sorri de canto.

_ Jack... Sente aqui – diz sentando no sofá de estofado marrom, batendo no lugar ao seu lado – Me conte como vão as coisas com você e o Mark - sorri.

 

 Jack se senta do lado de Hawy e começaram a conversar sobre suas vidas, as vezes Hawy parecia uma adolescente de 15 anos, apenas por fazer perguntas constrangedoras.

 

_ Mais então Hawy como anda a sua vida aqui? – diz se ajeitando no lugar.

_ Não conta nada ainda para o Mark, eu consegui um estagio de enfermagem no hospital central de Seoul – diz toda alegre dando minis pulinhos.

_ Meu Deus Hawy, que bom – Jack diz dando um breve abraço na mesma que retribui.

_ Posso fazer uma ultima pergunta? – diz juntando as mãos em frente o corpo.

_ Tudo o que vier de você não mais me surpreende – sorri – Vai pode falar.

_ O Mark é passivo né? – diz fazendo Jack ruborizar as bochechas – Não sei as outras pessoas mais da pra perceber... Assim...

_ Hawy Hawy Hawy... – diz colocando as mãos de frente para o corpo em forma de rendição – Se acalma por favor... E sim.

_ AAA eu sabia.

_ Que gritaria é essa aqui? – Mark diz descendo as escadas.

_ Na verdade é que... – Hawy é interrompida por Jack que coloca a mão na frente da sua boca.

_ Não é nada – Diz em seguida.

_ Ok né – olha estranho para dois caminhando até eles – Oi Amor – da um breve selinho em Jack.

_ Ai meu Deus que lindos, eu vou até embora – diz se levantando.

_ Hawy, a gente vai sair tudo bem? – Jáck diz.

_ Ta bem, se forem voltar tarde me avisem – diz deixando um selar na testa de ambos os dois.

_ Ta bom – dizem juntos, vendo a Hawy subir as escadas – Onde a gente vai Jack – Mark diz sentando de seu lado na sofá.

_ Ah, nos vamos levar meu irmão e os meninos no aeroporto e depois você decide.

_ Ok... A gente vai... Agora?

_ Na verdade sim, a gente passa na cafeteria onde eu trabalho e compramos algo, pode ser?

_ Ta bem, deixa so eu ir buscar meu celular – diz correndo ate as escadas em direção ao seu quarto pegando o celular no meio dos lenções.

 

•••

 

_ Eu quero chá verde com chocolate branco – Mark diz a garçonete do café – Ah e é pra levar. E você Jack? – se vira para o mesmo.

_ Pode ser o mesmo que ele – diz para a garçonete com um pequeno sorriso.

 

 A garçonete escreve seus pedidos em um bloquinho de notas e sai para busca-los.

 

_ Mark eu vou no banheiro rapidinho – diz levantando e saindo da mesa.

 

 Enquanto isso a garçonete chega colocando seus pedidos em cima da mesa.

 

_ Obrigado – Mark sorri minimamente para a mesma.

_ Err... Posso pedir uma coisa? – pergunta um pouco sem jeito.

_ Ah bom.. Pode sim – oha para mesma.

_ Entrega o meu numero para o seu amigo, por favor – diz escrevendo os números em uma folha do bloquinho e logo a destaca entregando para Mark.

_ Desculpa, mais não posso fazer isso – Mark sorri falso.

_ Por que? – pergunta a menina pouco triste.

_ Por que ele é meu namorado.

_ Er... – a garçonete fica um tempo parada sem fazer ou dizer algo, ate que Jack volta para a mesa – Com licença - faz uma breve referencia e se afasta rapidamente.

_ O que aconteceu? Parece tenso Markie – pergunta colocando sua mão por cima da dele que logo se afasta.

_ Nada, agora toma logo – diz entregando seu copo.

 

 Pagam pelo que compraram e saem andando pelas duas tomando seus chás.

 

_ Jack.. Depois que você brigou com seus pais... Você já falou com eles? – Mark pergunta sugando a ponta do canudo do seu copo.

_ Na verdade não os vi mais – diz encarrando o chão enquanto andava.

_ Desculpa falar desse assunto – levanta o olhar vendo as nuvens se juntarem no céu.

_ Esta tudo bem – levanta o rosto sorrindo de canto – Mais agora é melhor a gente correr pois devem esta quase apressando – diz apresando um pouco o passo.

 

  Chegaram no aeroporto e entraram todos os meninos nas cadeiras de espera ainda do lado de fora.

 

_ Vejo que conseguiram chegar – Jin diz rindo dos dois que acabaram de chegar ainda ofegantes por terem corrido uma parte do caminho.

_ Fizemos o possível para chegar aqui antes do avião – Jackson diz se sentando em uma das cadeiras.

 

" Ultima chamada para o Voou 438 para Soul – sairá em 10 minutos " – a voz rouca e falhada dos alto falantes ecoa pelo local.

 

_ Então é melhor a gente correr – Jin diz se levantando.

_ Verdade tchau meninos – Namjoon diz dando um breve abraço em Mark e Jack de cada vez.

 

 Depois de todos se despedirem JungKook foi falar com o JackSon.

 

_ Jackson... Por que você não tenta conversa com nossos pais? – diz um pouco separado dos outros que estavam a conversar.

_ Eu não sei... Eles mesmos disseram que queria mais me ver – responde em voz baixa.

_ Ok... - suspira - E melhor a gente ir – diz enquanto caminhava ate os outros.

_ Do um prazer conhecer você Mark – TaeHyung diz, e Mark sorri de canto.

_ Mandem um beijo para os meninos - dizem enquanto se afastavam – Voltamos no ano que vem.

 

 Mark e Jack ficaram parados em frente a parede de vidro ate verem o avião decolar.

 Saem do aeroporto ficando parando na calçada.

 

_ Então o que quer fazer agora? – Jack segura sua mão.

_ Não sei... - diz olhando para a ponta dos sapatos - Tive uma ideia - o olha animado - So que será uma surpresa, vem - diz puxando se braço pela rua.

_ Ei calma ai, onde a gente ta indo - diz enquanto o acompanhava.

_ Logo você vai saber.

 

...

 

_ Por que a gente ta em frente uma farmácia Hm? - pergunta Jack na calçada.

_ Para de fazer perguntas, fica ai que ja volto - diz indo para a farmácia.

 

 Entra na mesma indo as prateleiras de tintas para cabelo.

 Mark começa a olhar as cores um por uma passando dedo pela prateleira como se fosse pagar alguma.

 

_ Posso ajudar? - uma garota baixinha aparece de seu lado com um sorriso simpático.

_ Claro... MoMo? - semi serra os olhos lendo seu nome gravado em uma pratinha de prata no uniforme.

_ Isso...

_ Prazer MoMo, eu sou Mark - sorri - Ta vendo aquele cara ali na calçada - diz apontando para o Jack que observava os carros passarem em sua frente.

_ Sim por que?

_ Me diz uma cor de tinta que combine com ele - diz olhando novamente para as milhões de variedades de tintas em sua frente.

_ Difícil - diz pensativa - Mais... Acho que essa vai ficar perfeita - diz caminhando um pouco para frente e puxando uma tinta da estante.

_ Perfeita, vou levar essas duas - diz entregando as caixas.

 

 Pago as caixas de tintas e pediu para as colocar em um saquinho escuro.

 

_ Voltei - diz chegando do lado de Jackson.

_ Meu Deus Mark, pensei que não iria mais voltar - diz fingindo estar bravo.

_ Para de drama, vamos para sua casa tenho que fazer uma coisa - diz andando pela calçada.

_ Eu estava pensando aqui... - diz olhando para o chão.

_ Pensando em que? - Mark o olha.

_ Que talvez você esteja gravido e foi comprar um teste de gravidez - diz sorrindo.

_ Idiota - Mark diz dando um tapa em seu braço - Claro que não é isso - sorri.

_ Para de me bater - diz segurando seus pulsos - Vamos logo que eu quero saber o que tanto você esconde de mim - diz apressando o passo.

 

 Caminham mais alguns minutos e logo chegam em seu apartamento, entram no mesmo e Mark joga o saquinho no sofá.

 

_ Agora me diz – Jack cruza os braços em sua frente.

_ Na verdade é um pedido e se você recusar eu vou ficar muito triste.

_ Diz então – arquea a sobrancelha.

_ Me deixa trocar a cor do teu cabelo – junta as duas mãos em frente ao corpo – Por favor.

_ Mais o que você comeu hoje? Ta maluco que eu irei aceitar essa ideia – da um passo para trás.

_ Por favor por favor por favor – diz segurando seus ombros – Eu também vou pintar o meu.

_ E se eu disser que sim e você pintar... Sei la, de rosa?

_ Claro que eu não iria faze.. se bem que rosa não iria ficar ruim – diz olhando um canto fixo da sala – Mais não é rosa prometo.

_ Ta bom e qual seria a cor?

_ Então... Essa é a segunda parte da surpresa, so vai saber depois que eu pintar – sorri nervoso.

_ Ah... - para de falar quando Mark faz uma carinha fofa – Ashii, esta bem eu deixo você pintar meu cabelo – revira os olhos vendo o namorado dar pulinhos de alegria.


Notas Finais


MUSICA DO CAPITULO: FACE - GOT7

A cor não vai surpreender ninguém... kkkkkkkkk

Ate mais... MOMMY ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...