História Deus não está morto - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Deus, Está, Morto, Não
Visualizações 29
Palavras 623
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Universo Alternativo

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi pessoal mais um capitulo, esse daqui é mais curtinho porém é tudo que eu precisava mostrar nesse cap então até as notas finais

Capítulo 18 - Presentes de Deus


   George deixou-s cair no chão e sentou-se na grama.

            - George, você está bem? – Perguntei com a palma da mão direita no rosto dele.

            - Estou. – Ele respondeu limpando o nariz que no qual escorria sangue.

   Ele puxou meu rosto e me beijo, depois encostei minha cabeça em seu peito.

            - Obrigado. – Ele sussurrou pra mim e beijou minha testa, apenas passei braço pela frente do corpo dele e segurei sua mão direita, e puxei a mão esquerda que me abraçava fazendo o ficar mais forte.

            - Acho que ele não vai voltar. – Alisa disse se sentando na nossa frente. – Você está bem, campeão?

            - Por que me chamou assim? – George perguntou.

            - Parecia apropriado. – Ela disse sorrindo e demos uma pequena gargalhada sutil.

            - Estou sim, lisa. – George respondeu.

            - Agora levantem. – Alisa disse se levantando. – Temos a um aniversário pra ir.

            - Aff... Alisa não vai ter festa. – George retrucou.

            - Como não. – Ela disse mostrando a tela do celular cheia de notificações do Whattssap. – Sua mãe, a Dona Isabela, não para de me enviar mensagem, minha bunda parece que está em uma cadeira de massagem de tanta a vibração. – Apenas rimos.

            - Ok, vamos. – Disse me levantando.

            - Esperem! – George disse e nos viramos pra ele. – Quero lhes dizer uma coisa. – Ele se levantou do chão. – Eu agradecer por terem entrado em minha vida, esse é o meu primeiro aniversário desde que conheci vocês e sem duvida está sendo o melhor. – Nos duas olhamos para ele com cara de “É mesmo?”. – Tirando os cruzados que eu levei, mas mesmo nesse momento vocês estiveram comigo e me ajudaram e se preocuparam comigo.  – Ele deu uma pequena pausa, pegou na minha mãe e depois retomou. – Marrie, você é a melhor namorada que alguém poderia ter e eu te amo por sempre estar do meu lado, e também por ter confiado em mim desde aquele dia que te vi debaixo daquela árvore. – Ele disse apontando para a árvore e eu já estava emocionada. – Mesmo não me conhecendo confiou em mim e tenho certeza que Deus a colocou na minha vida. Amo suas histórias, seu jeito de ver as coisas, sua alegria e como contagia tudo e todos a sua volta, e amo seu jeito de ser você que me fez ficar totalmente apaixonado por você e eu sempre... Sempre vou te amar. – Ele disse me beijando e me abraçou fortemente, depois soltou minhas mãos e foi até Alisa e ficou frente a frente dela. – Alisa, você é a melhor amiga que alguém poderia ter, fiel e amorosa, nunca contou pra ninguém sobre o meu estojo. – Ela abriu um sorriso. - Lembro-me do que você me disse naquele dia e você acertou, somos grandes amigos de um modo do qual eu nunca poderia se quer imaginar, você me ajudou durante o primeiro semestre e agora no segundo, você tem sido alguém que eu sempre posso contar. que não me julga pelas minhas decisões, mas sempre me encoraja e me ajuda também. Eu amo você e o seu jeito de ajudar todo mundo, você sempre terá um espaço guardado em meu coração. – Ele a abraçou e a beijou na testa.

            - Por que tudo isso? – Perguntei.

            - Porque embora vocês tenham presentes para me dar e coisas so tipo, eu só quero que saibam que vocês são meus maiores presentes e sempre agradeço a Deus ter me dado vocês.

   Me emocionei, não me contive e deixei cair aquela lágrima. George veio e me abraçou pelo o ombro, e depois a Alisa.

   Então seguimos abraçados para a casa do George, felizes e alegres.

   Começou a cair uma chuva fresca, sem nuvens de chuva, apenas para refrescar o final de tarde e seguimos na chuva a pé.


Notas Finais


Tomaram que tenha gostado.
Deixem nos comentários uma mensagem para seu melhor amigo e o nome dele tá
Também Favoritem e vcs sabem o resto
Até


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...