História Divórcio - mini história - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Personagens Originais
Tags Ruggarol
Visualizações 77
Palavras 373
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Capitulo 5



- Não sei por quê, você nunca me da atenção - alfinetou


- Vou dar mais atenção, mas eu preciso de você aqui, do meu lado.


- Ficar ao seu lado pra receber patada. Você sempre foi tão grosso comigo.


- Eu Vou ser mais paciente, nunca mais vou te tratar mal - prometeu


- Eu não que paciência, eu quero carinho, abraços. Quero namora só por não tem nada pra fazer.


- Isso vai mudar, eu vou ficar mais tempo em casa. Nós vamos passear na praça de mãos dadas, você sempre gostava quando íamos ao parque. 


- Eu adorava - sorriu distraída, mas logo voltou o olhar frio - Você também não me elogia mais. - argumentou


- Como se você não soubesse que é a mulher mais linda do mundo - fez uma pausa - do meu mundo.


- Não, Ruggero eu não sei. Eu preciso que você me lembre isso todo dia. - Odiando-se por ser tão boba em ainda estar pensando em uma possível mudança de Ruggero - Alias eu não preciso que me lembre de mais nada. Nem que me faça promessas.


- Karol, não se separa de mim. Por favor, eu não consigo viver sem você.


- Vai ter que aprender - disse ríspida


- Eu não quero aprender, eu quero você e sei que também me quer. - se aproximou de vez


- Nem vem Ruggero, não se aproxime de mim - recuando


- Por que?  - tocou seu rosto e a viu fechar os olhos e suspirar.


- Não - tirou a mão dele dali - isso é ridículo, eu não vou ficar com você, você só me fez mal, tudo que me envolvia era ruim ou errado pra você, e agora quer voltar? - perguntou incrédula - Diz que vai mudar, mas fica ai dando uma de conquistador, você nunca se importou comigo e agora diz que vai mudar por mim. Você nunca se importou comigo, nunca se lembrou de coisas importantes, muito menos das bobas, você sempre me fez de idiota. - recuou novamente - Você não deve nem se lembra quando foi a última vez que transamos. - Cuspiu aquelas palavras que estavam engasgadas a tempos. Christopher ficou em silencio, parecia procura palavras, o que fez Karol pensar que ele não tinha mais argumentos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...