História Duas noites - Minahina - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Kakashi Hatake, Minato "Yondaime" Namikaze
Tags Kakahina Minahina
Visualizações 23
Palavras 2.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Parece que nao vai ser apenas 3 capítulos e sim 4!
Boa leitura
Desculpem os erros

Capítulo 3 - Three


Fanfic / Fanfiction Duas noites - Minahina - Capítulo 3 - Three

Pela manhã Hinata não notou quando os enfermeiros lhe derem injeções para qualquer dor no braço ou inchaço. Estava completamente cansada, sua noite havia sido completamente turbulenta. Jamais imaginaria que todas aquelas coisas iriam acontecer com ela. Parecia ser coisa de novela.

Já pelas nove da manhã acordou com sua barriga roncando. Ficaria somente mais hoje no hospital e na seguinte manhã receberia alta.

Desceu ate a recepção e por la tomou café, o lugar era todo do hospital e o café era de graça, agradeceu a Kami por isso.

Narrado por Hinata.

Ainda não sei como lidar com tudo o que aconteceu essa noite, me sinto em uma novela em que o galã se apaixona pela menina.

Nesse tempo todo o Naruto-Kun não veio me ver, mas eu não estou me importando com isso. Que fique com a Sakura de uma vez, to nem ai.

- Hinata...? – Olhei para frente e dei de cara com o Kakashi-sensei.

- Hum.. O-oi..- Corei com a proximidade e dei um sorriso de canto.

- Estas bem? - Perguntou e se sentou na mesa comigo, ao meu lado.

- S-sim...- Respondi ainda envergonhada.

Ate mesmo o Kakashi esta ao meu lado o tempo todo, uma das pessoas na qual eu jamais imaginei que iria falar comigo.

- Dormiu bem?- Perguntou e notei que ele sorriu por baixo da máscara.

Como um flash back rápido, tudo o que aconteceu comigo e o Minato passou por minha cabeça.

- Perfeitamente. – Respondi sem gaguejar, mas posso jurar que estou mais vermelha que um tomate maduro.

- Hum.. Quer dar uma volta? – Perguntou e colocou a mão atras da nuca.

- Eu não sei se eu posso... Ainda estou internada.- Respondi e tomei todo o meu café.

- Bom... Na verdade eu já falei com os enfermeiros, Você vai ser medicada so pela manhã novamente.- Respondeu me deixando surpresa.

O que ele quer comigo?

Será que foi o Minato que mandou ele?

Pensei comigo mesma, então decidi o acompanhar.

- Isso e estranho...- Falei baixinho para que apenas o Kakashi me ouvisse.

- Hm?- Perguntou arqueando as sobrancelhas.

- Nos dois... Andando juntos...- Falei e fiquei observando o chão enquanto andávamos.

- É por que eu sou mais velho?- Perguntou parando no meio do caminho e ficando de frente pra mim.

- Não... E que... Você e o sensei do Naruto....- Respondi e então ele deu uma gargalhada gostosa.

- E mesmo? Mas o que tem o Naruto?- Perguntou indo direto ao ponto!

Nossa como eu fiz um baita papel de idiota. Naruto não esta nem ai pra mim e eu aqui ainda me lamentando por ele, como sou burra!

- Ele não tem nada de especial! – Falei.

- E eu tenho? – Perguntou.

Ai que droga como esses homens tem o dom de me deixar envergonhada!

- E-eu não sei...- Gaguejei e bati a ponta dos dedos uns nos outros.

- Quer descobrir? – Perguntou calmo.

Vai Hinata responde! DIZ QUE SIM! Vai que ele beija gostoso igual ao Minato, Você nunca viu ele sem mascara uhuul e uma ótima ideia.

- S-sim...- Gaguejei após ouvir meu subconsciente gritando mais alto que meu coração.

- Vai indo na frente, vá ao bosque. – Mandou e ficou de costas pra mim. Ele iria por outro lado ai caraalho.

Ai meu Deus estou falando muitos palavrões!

Fui andando em direção ao bosque, a cada passo meu coração parecia querer sair pela boca, andei mais um pouco ate chegar em um lugar mais afastado e me escorei em uma arvore.

Coloquei a mão em meu peito e meu coração estava maluco, a mais de 200 batimentos por segundo, sei que isso e impossível, mas e assim que estou me sentindo. Ouvi o barulho de alguns galhos se quebrando, olhei para trás e era ele vindo.

Não deu tempo para que eu falasse alguma coisa, Kakashi mais do que depressa pegou em minhas coxas e me levantou em seu colo, me pensou na mesma árvore que eu estava escorada.

Que isso, como eu cheguei a esse ponto? Ainda da tempo de correr? Mas quanto ao beijo?

Passou a me segurar com apenas uma mão e com a outra disponível baixou a máscara.

Ele e lindo...

Segurei em seu rosto com minhas mãos, ele e lindo demais, ate mais lindo que o Minato, mas o Minato tem mais coisas especiais... Por que logo agora eu estou pensando no Minato? Meu coração se apertou, por que estou fazendo isso... Não quero ficar sem o Minto, por que não poderia ser ele aqui e agora?

Kakashi aproximou seu rosto do meu e apenas me deu um Celinho. Foi inocente, ate mais inocente que o primeiro beijo que eu ganhei do Naruto.

Sem mais delongas ele me soltou, e me puxou forte contra seu peito. Foi um abraço um abraço muito bom.

- Você não está afim. – Falou baixinho enquanto recolocava a máscara com uma mão.

- Desculpe. – Pedi e afundei meu rosto em seu peito.

- Acho que eu sei no que esta pensando, ou melhor dizendo em quem.- Completou Kakashi e novamente senti meu coração se apertar.

Poxa foi apenas uns beijos com o Minato e eu já estou assim. Toda boba.

- E-eu não entendo, não consigo parar de pensar nele. – Falei e Kakashi desfez o abraço.

- E eu não posso fazer isso com o meu ex sensei, eu o respeito muito Hinata. Melhor voltarmos para o Hospital. – Disse Kakashi e eu apenas assenti.

XXX

Duas semanas depois

Em Konoha era Halloween, o festival aconteceria a noite, todos estavam muito felizes, inclusive Naruto e Sakura que comemoravam dois meses de namoro.

Já fazia uma semana que a nova Hokage havia assumido o posto, Minato cansou, cansou de nunca poder ter um relacionamento em paz, todas as garotas davam a mesma desculpa “Você e Hokage” exceto as meninas do bordel, elas não davam a mínima desde que fossem pagas corretamente, mas Minato nem se quer sentia prazer em fode-las.

Hinata era uma das poucas pessoas que não estava nem ai para esse evento, so sabia pensar na noite com Minato, a primeira vez que um homem a tocou feito mulher, foi muito safado também mas Hinata já havia admitido para si mesma o quanto amou cada toque.

Sempre tentava o ver indo para o trabalho de manhã, ou ver ele indo embora a noite. Mas Minato parecia viver somente dentro daquele lugar, tanto que depois de uma semana de espionagem já tinha desistido de tentar o ver.

Pensará que provavelmente o mais velho estaria a ignorando por conta daquele dia, devia ter se entregado a ele, mas não o fez e por isso ela se arrependia amargamente.

- Anda Hinata, vem logo, vai ser legal. – Kurenai tentava a todo custo animar Hinata.

- Podem indo, prometo que mais tarde eu irei. – Disse Hinata.

- Promessa e dívida. – Disse Kurenai saindo com Asuma e trancando a porta a seguir.

Narrado por Naruto

Sakura esta muito estranha comigo de uns dias pra cá, desde que o Sasuke voltou pra vila e está solteiro ela so quer saber de ficar perto dele dattebayo.

- Sakura vamos fantasiados de que ? – Perguntei enquanto ela não parava de se maquiar, estava na frente do espelho a horas.

- Eu combinei com o Sasuke de ir de vampira e ele vai de Dracula. – Disse Sakura como se fosse a coisa mais normal do mundo.

- Então vou de Dracula também! - Sorri, esse Sasuke vai ver so!

- Não, Naruto. – Respondeu cortando o meu barato.

- Que? Como assim? – Perguntei sem entender.

- Eu vou com o Sasuke. – Respondeu Firme.

- Mas eu sou o seu namorado. – Respondi sem entender.

- Não, não e mais. Caramba Naruto você e lerda. – Sakura falou sem ao menos me olhar nos olhos, ela terminou comigo?

- Mas...Eu ate parei de falar com as outras garotas por você, eu te amo Sakura. – Falei me ajoelhado nos pés dela. – Você não pode fazer isso comigo...- Eu não estou acreditando que isso esta acontecendo comigo logo hoje.

- Ai Naruto, não começa, eu agradeço por tudo, mas deu. – Falou e abriu a porta do quarto pra mim sair.

- Mas eu fui o seu primeiro. – Falei tentando encontrar argumentos para que Sakura não cometa tal loucura.

- Tchau Naruto. – Falou. Sai e então ela bateu a porta.

Sakura terminou comigo por causa do Sasuke, como eu sou idiota, eu larguei a Hina-chan por causa dela e agora ela me deixa sozinho. Mas isso não vai ficar assim, eu que não vou aparecer naquela festa sozinho. E não vou ir sozinho, Hina-chan vai comigo!

Narrado por Minato

Deitado em minha cama, olhando o teto, não tem nada agradável pra fazer hoje, e apenas mais um dia que eu fico sozinho em casa o dia inteiro. Estou farto dessas mulheres sem vergonhas, como eu sinto falta daquele corpo intocado, aqueles seios grandes, aquele cabelo azulado...

Senti que meu pênis já estava ereto, mas que felicidade, de novo. E so pensar nela que fico de pau duro.

- O que você fez comigo garota? – Perguntei a mim mesmo enquanto apertava meu pau por cima da calça.

Pra variar parece que hoje o dia vai ser chuvoso, que novidade?

[....Narrado por Hinata Novamente]

Coloquei um vestido preto com algumas flores em volta e deixei meus cabelos soltos, peguei meu celular e decidi finalmente sair de casa, mas ir a festa sozinha?

Todo mundo vai estar no festival, menos o Hokage, ele vai estar completamente sozinho no prédio dele...

Minato preciso te ver!

Corri, corri, corri...

O predio do Hokage ficava logo a frente, subi as escadas com o resto de folego que eu ainda tinha. La Está as grandes portas, a única coisa que me separa de você Minato!

Abri as portas!

- Minato! – Falei.

- O que esta fazendo aqui? Por que não esta na festa? – Perguntou Tsunade sentada na mesa do Minato.

- Senhora Tsunade? Onde Está o Hokage? – Perguntei gentilmente, mas corei com a minha pergunta e se ela perguntar o que eu quero com ele? O que eu vou responder?

- Minato largou o posto de Hokage, agora eu tomei posse. – Respondeu sorrindo. – Mas ele deve estar por casa. – Respondeu e piscou pra mim.

Será que ela sabe de alguma coisa? Essa piscada foi muito suspeita.

- Ta bom... Obrigada. – Respondi e deixei o lugar.

O tempo estava fechado, alguns pingos de chuva deram inicio ao grande banho que eu tomei ate chegar na casa do Minato. Meu cabelo esta completamente encharcado, meu vestido esta ensopado. Estou horrível, mas já cheguei ate aqui, e não vou desistir de te ver Minato.

Bati na porta e pude ouvir um “já vai” e era ele, era a voz dele! Minato!

A chuva estava engrossando, bati na porta mais vezes.

- JÁ VAI CARALHO ! – Ouvi ele gritar, ai sera que eu saio correndo, mas se eu sair correndo ele pode ficar bravo, ai meu deus Socorro.

A porta se abriu, ele estava sem camisa sem bandana, ele e lindo demais!

- Hinata? O que esta fazendo aqui? Entra logo sai dessa chuva. – Me puxou pelo braço.

Ao que tudo indica ele parecia estar sozinho em casa.

- Garota você esta toda molhada. – Falou e me puxou pelo braço ate o banheiro.

- Voce e louca? Poderia ate pegar um resfriado sabia? – Ele não parava de falar um minuto se quer.

- Esta frio la fora Hinata, vai pro chuveiro, toma um banho quente vou pegar algumas roupas. – Mandou e então se retirou do banheiro.

Durante esse momento todo ele não parou de falar um momento se quer, aposto que ele vai pegar uma faz antigas roupas da Kushina. Mas não tem importância, são apenas roupas.

Fique la parada esperando ele retornar, preciso me explicar.

Logo depois ele voltou com um babydoll de seda nas mãos.

- Por que estava na chuva? – Perguntou me encarando.

- Eu precisava te ver. – Respondi cabisbaixa.

- Eu também queria te ver, só não sabia como chegar em você, ate abandonei o posto de Hokage por você Hinata. – Falou e colocou as duas mãos em meu rosto.

Ele fez o que por mim?

Em um ato desesperado passei meus braços em volta do pescoço dele e o beijei.

- Como... Senti... Falta.... Disso...- entre beijos, era tudo o que eu conseguia falar.

Eu já não me importava se ele tinha 34 anos ou se ele era pai do Naruto, eu apenas sentia falta do beijo dele. Dos toques dele.

O abracei com força e ficamos assim por um bom tempo.

- O que to sentindo por você, já faz tanto tempo que eu não sabia mais o que era. – Falou alisando meu cabelo.

- E-eu...Nao paro... De pensar..... em você ...- Falei gaguejando.

Minato ligou o registro da agua , já estávamos no banheiro mesmo.

Ele tirou meu vestido, mas dessa vez eu não protestei, eu o ajudei.

Se eu estou nervosa? E LOGICO! Mas quero ainda mais aprofundar esse sentimento e me entregar de uma vez.

Mesmo que doa, uma hora ou outra eu vou ter que fazer e então por que não agora?

Minato já estava sem camisa, ele retirou as ultimas duas peças de roupa sozinho.

Seu pênis era grande, maior do que eu imaginava, tinham muitas veias saltadas e sem falar na famosa cabecinha era grande parecia um cogumelo.

- Está gostando do que vê? - Perguntou rindo.

- S-simm... – Corei mais ainda.

- Agora vamos nos livrar disso. – Falou se referindo a minhas peças intimas.

Primeiro meu soutien, ele mal havia tirado e abocanhou um dos meus seios, enquanto isso foi retirando minha calcinha, sua mão tocou direto em meu ponto G. Fiquei completamente arrepiada.

 Aos poucos ele me empurrou para baixo da agua quente e tocou cada centímetro do meu corpo. Coisa que nenhuma outra pessoa jamais fez. Afinal eu so tinha ficado com Naruto e o Kakashi, e mesmo o Kakashi tendo me dado apenas um beijo foi mais gostoso que o Naruto.


Notas Finais


E ai?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...