História Entrelaços - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Mika-Chaann

Postado
Categorias Seraph of the End (Owari no Seraph)
Personagens Akane Hyakuya, Guren Ichinose, Krul Tepes, Mikaela Hyakuya, Mitsuba Sangu, Shihou Kimizuki, Shinoa Hiiragi, Shinya Hiiragi, Yoichi Saotome, Yuuichirou Hyakuya
Tags Lemon, Mikayuu, Mitsunoa, Yaoi, Yuri
Visualizações 42
Palavras 1.490
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ficou curto? Acho que sim, sorry ;w;
Dsclp se algo tá escrito errado, tô meio sem tempo para revisar, daqui a pouco vou para a escola ashuhasu
Boa leitura <3

Capítulo 3 - Capítulo 3



 -Yuuichirou ONN-


   Acordei com a luz do sol forte na minha cara, quase me cegando.
 -Aleluia! Achei que tinha morrido, já ia puxar o colchão! - Shinoa fez um escândalo. Como pode alguém ter tanta energia cedo da manhã?
 - Não enche Shinoa... - Esfrego os olhos com os punhos.
 - Ih, alá, tá e TPM, Mikaela, segura teu homem antes que ele assassine eu e a Mitsuba - A menina de cabelos cor lavanda provocou mais ainda.
 - Não tenho nada haver com isso , ein - Mitsuba estava sentada em uma das cadeiras, mexendo no celular. 
 - Então, onde iremos hoje? - Levantei, indo em direção ao guarda-roupas.
 - Tava pensando em irmos em um parque. Aquele que tem as flores lindas, podemos tirar várias fotos e depois irmos em um café perto dali - Mitsuba se pronunciou.
 - Beleza, vou me vestir - Pego a muda de roupas e me tranco no banheiro. Um parque...
   No meu ponto de vista, sempre amei parques, principalmente quando é primavera ou inverno, minhas duas estações preferidas. Porque, quando é primavera é tão lindo, cheio de flores, já , quando é inverno, fica tudo tomado pela neve branquinha, é simplesmente magnífico!
   Eu , pessoalmente odeio o verão. Pessoas suando e fedendo não é o meu forte!
   Olhei no espelho, está tudo perfeito: Um boné preto, com a estampa de uma mancha de tinta verde, um moletom branco com detalhes em verde claro na parde de cima, uma camiseta preta de mangas compridas por baixo do moletom, uma bermuda preta e um tênis também preto com detalhes em verde. Sem tirar que, estava com uma pulseirinha verde que ganhara de presente da Mitsuba quando éramos menores.
   Arrumei um pouco o cabelo, botando o boné virado para trás.
  - Pronto, demorei muito ? - Perguntei rezando para que não tenha demorado.
  - Na verdade, não muito - Mitsuba respondeu, sem tirar os olhos do celular, ela estava com um vestido preto cheio de laços e babados vezes brancos, vezes rosa, estava de cabelo solto com uma tiara preta que tinha um laço. Também usava uma meia-calça preta de gatinho e uma sapatilha branca com detalhes pretos e rosa. Resumindo : Tudo combinando , estilo Mitsuba
  - Você está magnífico bebê ! Que orgulho - Shinoa se jogou em cima de mim, logo depois limpando uma lágrima imaginaria. A pequena de cabelos lavanda estava usando uma roupa bem simples : Uma bermuda curta preta, uma camiseta de manga comprida roxa quase tapando a mesma. Estava com uma bolsa preta e um casaco também preto. Essas meninas são tudo góticas, depois falam de mim!
  - Espera ai - Mikaela finalmente falou algo, me fazendo olhar para ele.
  - O que? - Virei meu corpo totalmente em sua direção, vendo o loiro vir em minha direção, chegando bem perto - Mikaela?
    Do nada, ele me deu um chupão no pescoço.
  - Pronto, agora vão saber que você tem dono e não vão vir para cima de ti - Ele falou como se fosse a coisa mais normal do mundo, enquanto saía do quarto.
   Olhei para trás, observando Shinoa e a loira terem uma hemorragia nasal, duas fujoshis viciadas.
  - V-vamos? - Fingi que não era nada também, porque se não iria ser vítima de piadas de yaoi pelos próximos 197 dias.
  - Tá - Shinoa e Mitsuba não pareciam muito convencidas, porém aceitaram entrar nesse joguinho também.
   Saímos do dormitório, indo nos corredores.
  - Como iremos? De ônibus ou caminhando? - Perguntei para Mitsuba
  - Vamos caminhando, tava querendo perder uns quilos, sabe? - Shinoa se intrometeu , passando a mão na própria barriga.
  - Então tá - Eu , Mika e Mitsuba soltamos algumas risadas.
   Andamos em direção ao portão da frente para pegarmos o menor atalho até o parque.
   Vi alguns alunos andando para todos os cantos imagináveis, o que é raro, afinal, quando é feriado ninguém fica na escola, todos vão para suas devidas casas.
  - Por que tem alunos aqui? Normalmente não vão para casa? - Mikaela tirou as palavras de minha boca.
  - Deve ser por causa do teatro, lembra? A nossa turma também precisa fazer os preparativos, mas acho que ninguém tá afim - Mitsuba explicou, apontando para os figurinos e cartazes que eles seguravam.
  - Ah, faz sentido
  - Qual é o tema que veio para nossa turma esse ano mesmo? - Shinoa questionou botando a mão no queixo
  - Paradoxo temporal  - A loira respondeu procurando no google a definição da palavra, adivinhando que a menina de cabelos lavanda iria perguntar o que é.
  - O que é paradoxo temp-... - Bingo!
  - " Em ficção científica, o paradoxo temporal é um fenômeno derivado das viagens no tempo para o passado. Quando o viajante do tempo vai para o passado, sua presença perturba, na maioria das vezes gera resultados logicamente impossível, ou seja, um paradoxo" , de acordo com a Wikipédia - Mitsuba justificou, interrompendo a fala da mais nova.
  - Nossa, vai ser difícil - Raciocinei
  - Na verdade, podemos fazer sobre uma música chamada " Kagerou Days" , que é quase a mesma coisa. Você pode ser o protagonista masculino - Apontou para mim - E a Shinoa a protagonista feminina, só precisamos complementar diálogos e mais cenas onde aparecem mais personagem e fazermos eles interagirem com vocês - Mikaela argumentou.
  - Só argumenta quando não é tão necessário, né, baka? - Mitsuba deu um leve soquinho na testa de Mikaela. Como ela alcançou ele? Não faço nem ideia.
  - Olha quem falan... do - Shinoa foi desviando o olhar até que seus olhos brilharam e ela se agarrou no meu braço - Yuuichirou! Um carrinho de cachorro-quente! Podemos comprar?Podemos? Diz que siiim!! - Francamente, parecia uma criança do fundamental.
  - Não estou te segurando, pode ir - A menor pulou de alegria e foi correndo comprar, ela adora todo tipo de salgado, principalmente cachorro-quente.
   Esperamos Hiragi voltar, e, quando voltou, voltou com 5 FUCKINGS CACHORRO-QUENTE NA MÃO, COMO ELA TEM A BARRIGA MAIOR QUE O CORPO? 
  - Vai comer TUDO isso?! - A loira perguntou no meu lugar, vendo a mais nova assentir com a cabeça - E depois quer perder peso - Desviou o olhar com uma cara de tédio.
  - Não enche! Eu quero comer ! - Ela enfiou todos os cachorro-quente na boca, se engasgando logo depois.
   Ajudei ela a tossir eles :
  - Calma menina! Assim tu morre asfixiada! - Bati nas costas dela
  - Desculpa - Ela fez uma cara triste.
  - Chegamos! - Olhei para frente e lá estávamos, no parque florido. Quando e como chegamos aqui, alguém pode me explicar?
  - AEEEE - Shinoa saiu correndo em direção aos brinquedos, mas, sendo segurada por Mitsuba.
  - Se comporte Hiragi! Você não tem 5 anos! - A loira advertiu
  - Prometo que me comporto, mama - Ela fez uma carinha fofa, fazendo a loira suspirar.
  - Tá , pode ir - A baixinha comemorou e em seguida foi em direção aos brinquedos.
   Nós tínhamos uma piada interna, em que Shinoa era filha de Mitsuba, que tinha vários maridos : Todos seus husbandos*, o banco do colégio - por que ela sentou no banco e tals- e o seu ''pedófilo de 13'' , vulgo um amigo dela que chamamos assim porque ela sempre fala dele, mas ele não é nenhum pedófilo.
  - Francamente, parece um bebê - A loira sentou em um dos bancos da praça.
  - E quem disse que ela não é um bebê? - Respondi rindo, fazendo a loira rir também.
   Olhei em volta e o cheiro das flores me davam paz, eu amo esse cheiro. Juntando com o cheiro da grama molhada logo após uma leve garoa, eu estava nas nuvens!
  - Yuuichirou parece um drogado assim - Mistuba cochichou para o loiro ao seu lado.
  - Um drogado lindo - O último comentário de Mikaela me fez corar em 50 tons de vermelho, queria ser um avestruz para enterrar minha cabeça na terra.
  - Voltei! - Shinoa apareceu, toda molhada e suja de lama.
  - SHINOA, O QUE É ISSO MENINA? - Mitsuba quase teve um infarte, procurando um pano limpo em sua mochila - TOMA, SE LIMPA A G O R A - Parecia que a loira iria enforcar ela, pobre Hiragi
   Shinoa foi arrastada para o banheiro que tinha ali. Eu e Mika ficamos sozinhos.
  - Então... - Mika falou tentando me animar
  - Posso te contar algo? - Perguntei olhando para ele
  - Claro! -Ele sentou do meu lado
   Me levantei e peguei uma das flores que tinha ali, indo até o loiro, botando a florzinha atrás de sua orelha e beijando ele. Um beijo rápido.
  - Sabe por que a primavera é minha estação preferida, Mika-Chan? - Perguntei com meus olhos fixados nos olhos do loiro que estava corado.
  - P-por que? - Ele perguntou
  - Porque me lembra você


 Continua...
 


Notas Finais


Husbando: Bom, husbando nada mais é do que o masculino de waifu, são personagens homens que as pessoas gostam muito.
Essa da Shinoa ser filha da Mitsuba também é sobre minha vida pessoal, um dos meus amigos é meu filho, eu sou esposa do pedófilo de 13 (não queria, mas meus amigos - mais especificamente um ser humaninho demoníaco que parece o Mikaela- forçam o shipp, grr) , do banco (não me perguntem, nem eu sei o porque sahush) e dos meus husbandos sz (Oikawa, Kageyama...)
A ideia da primavera me veio quando eu lembrei da pessoa que eu gosto, sempre que eu olho para ela, me lembra o verão, sempre energética e tudo mais. Eu, pessoalmente AMO o verão. Mas, a primavera é minha segunda estação preferida, que, também me lembra ele.
Eu ia botar que o Yuu-Chan amava o verão , mas , eu queria dar uma diferenciada de mim. Se vocês não sabem, eu escrevo fanfics para '' fazer '' coisas que não teria coragem na vida real, ou, até para fugir desse meu mundinho que não posso fazer nada porque '' saíria dos padrões da sociedade'' de acordo com meus pais. Mas estou poko me fodeno pra eles, sou zoeira mesmo, beijin na bunda dazinimiga.
Até o próximo capítulo, kissus de Nutella~~
Link da música dublada : https://www.youtube.com/watch?v=6vMQ9wWvYTA&list=RDGMEMQ1dJ7wXfLlqCjwV0xfSNbAVM6vMQ9wWvYTA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...