História Fifty Shades Of Thorki - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Thor
Personagens Loki, Thor
Tags Thorki
Visualizações 112
Palavras 700
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá? Sei que história é bem diferente do universo original, mas quis escrever algo parecido. Talvez possa haver uma diferença na personalidade dos personagens. Construi um Loki um pouco diferente do comum.

Pelo nome dá perceber que o conteúdo terá lemon, mas não vai tratar só disso. Não me inspirei igualmente na história, escrevi um pouco diferente.

Eu sou péssima pra escrever long fic, mas vou tentar x.x

Ps: Qualquer erro ou sugestão me avisem.

Capa feita por mim, enquanto que não me da coragem para fazer uma capa com os personagens.

Espero que gostem. Recomendo ler ouvindo uma música seduzente, porque o Thor é muito seduzente. @[email protected]

Capítulo 1 - Proposta


Nunca imaginei que entraria numa empresa grande que se envolve nos maiores negócios do mercado. A princípio fui convocado para atuar como assistente do presidente.

Recebi uma carta de convite. Preocupei-me porque, nunca o emprego vem, sempre procuro por ele. Enfim, estava no elevador que levava ao vigésimo andar, com as mãos suando e o corpo trêmulo. Balançava as mãos devido à ansiedade, era impossível controlar a inquietação se acumulando. Iria ficar de cara com um dos maiores empresários do ramo. O elevador ainda subia, e para me distrair resolvi encarar a carta que recebi a poucos dias, nela continha uma letra cursiva, bonita visualmente e de fácil entendimento. Nela algumas palavras me chamavam a atenção pela gentileza e sutileza.

"Caro Loki Laufeyson, gostaria de lhe convidar a estar na minha empresa para uma entrevista e proposta. Estou disposto a negociar e dar-lhe as melhores condições de trabalho. O seu currículo foi indicado e me surpreendeu. Espero pela sua presença.

Thor Odisson."

Essas palavras me deixaram confortáveis, ficava pensando como era esse tal de Thor.

Após alguns minutos cheguei ao meu andar e fui direto à recepção. A secretária disse que o mesmo me esperava, e que havia desmarcado compromissos só para falar comigo. Devia me sentir importante? Óbvio que não. Segui à sala conforme a secretária me indicou, fomos conversando e rindo durante o percurso. Ela era muito bonita e prestativa, pena não fazer o tipo que gosto.

Meu estômago doía e de novo senti que ficava trêmulo. Agora não é hora de avacalhar. Xingava-me mentalmente esperando por Thor, parece que tinha saído urgentemente para ver algo. Quanto mais os segundos passavam tinha a sensação de que iria passar mal ali mesmo, e que sairia de novo dali sem emprego.

Não demorou e ouço a porta abrir, devagar. Fiquei estático vendo um homem alto e forte andando e ficando de frente para mim. Céus. Imaginava um homem mais velho, grisalho talvez, porém, não fora nada disso que vi. Simplesmente deparei-me com um loiro de cabelos compridos amarrados por um coque, e em seus olhos o azul mais brilhante que já vi. A barba estava por fazer, e tinha estrutura corporal de um lutador. O sorriso encantador me fez ficar hipnotizado durante alguns segundos. Bonito é muito pouco diante do que vi. Aparentava um daqueles Deuses de histórias mitológicas. O transe foi cortado quando ouvi a rouquidão da voz firme dele, firme, mas não agressiva, soava tranquilamente.

— Loki Laufeyson? — Assenti com a cabeça. — Ouvi ótimas coisas sobre você. Inclusive que é muito prestativo como assistente. — Juro ter visto sorrisos de malícia, ou era apenas minha cabeça fantasiando coisas que não devia. Estava difícil ficar naquela presença, cada vez mais ficava imerso nos olhos azuis.

— É... Costumo ser bom no que faço. — Ponderei a cabeça em sinal de convicção.

Precisava transparecer a maior segurança possível, se não ficaria desempregado pelos próximos seis meses de novo.

— Eu gosto de pessoas confiantes, Loki. Exijo muito dos meus funcionários, e sou conhecido por tirar o melhor de todos. — Sorriu. — Bom, preferi não fazer uma entrevista. Vi o seu currículo e foi o suficiente, prefiro ir direto ao ponto.

— Como quiser, mas o que seria?

— Seu contrato. — Ele disse antes de me encarar e abrir a gaveta manuseando uma pasta preta. — Sei que o peguei de surpresa, mas tenho pressa.

Thor me mostrou os papéis e explicou que o contrato exigia de mim permanência de seis meses caso eu queira pedir demissão. Aceitei prontamente e assinei sorrindo animado, nunca nada foi tão rápido, esperava que meu nervosismo estragasse tudo e que novamente acabasse sem emprego.

— Obrigado, Sr.Thor. Fico lisonjeado em trabalhar nessa empresa e pra você, mais ainda. — Engoli em seco ao final da frase, tinha medo das minhas palavras e como poderiam soar.

— Pra você é só Thor. Fico feliz com sua presença conosco. — Apertamos as mãos.

A mão dele é macia e forte, causou-me tremores por dentro, ao mesmo tempo, que tentava disfarçar. Um homem como este não deve estar sozinho, provavelmente é cobiçado por várias mulheres, e quem sabe, homens. No final do dia fui ao café que sempre frequento e segui para casa feliz e satisfeito. Minha vida finalmente iria mudar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...