História Finamente Você - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens JB, Youngjae
Tags 2jae, K-pop, Youngjae
Visualizações 8
Palavras 775
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Yaoi

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom, não pensem que isso vai ser um fic nem nada.
É apenas um One-Short que eu resolvir postar.

Capítulo 1 - O começo e o final de tudo.


Fanfic / Fanfiction Finamente Você - Capítulo 1 - O começo e o final de tudo.

Oi, meu nome é Choi Youngjae e dês de que eu me entendo por gente sou apaixonado por Im Jae-Bum.

Convivo com ele dês dos meus seis anos de idade quando entrei na escolinha e confesso que dês de que bati meus olhos naquele menino gordinho no canto da sala eu me apaixonei.

Logo viramos amigos e então melhores amigos e quando demos conta já frenquetavamos a casa um do outro e aquilo não podia ficar melhor, pelo menos pra mim.

Porém tudo que é bom dura pouco.

Logo veio a adolescência e tudo mudou, pessoas apareceram nas nossas vidas, novas paixões, amizades, garotas. O tempo passou, e quando dei por mim estava trancado dentro do meu guarda roupa sozinho, e chorando por saber que Jae-Bum iria se casar com uma garota que conheceu na faculdade.

E como eu fiquei? Destruído, desolado, perdido sem saber pra onde ir e a quem recorrer. E assim foi por longos seis meses, até que resolvir que minha felicidade não podia se prender a Jae-Bum, por mais que eu ô amasse não podia estragar a felicidade dele.

Por que amar é isso, deixar sua felicidade de lado para ver a felicidade da Pessoa.

Os anos passaram e eu nunca mais vi Jae-Bum, e preferia que fosse assim Por que por mais que eu negasse, ele ainda mexia comigo.

Atualmente eu trabalhava em uma agência de fotografia e tudo na minha vida ocorria perfeitamente bem. Depois que Jae-Bum se casou e foi embora para outra cidade decidir começar do zero, e a fotografia foi o ápice disso.

Minha agenda vivia lotada e isso era bom, porque assim eu não tinha tempo pra ficar pensando em bobagens e nem me distrair e essa era minha vida, minha bela e corrida vida.

Mas a quem eu queria enganar? Por mais que eu negasse a mim mesmo que nada fazia falta, sabia que algo fazia, Jae-Bum fazia falta, uma falta tão grande que não sabia como estava aguentando todo esse tempo, talvez eu era muito forte ou então era bom em negar a realidade a mim mesmo.

Era o que eu estava pensando até que do nada ouço a porta do estúdio abrir. Alguém entrou e eu não fazia ideia de quem era. Me aproximei. Paralisei. Congelei. Era ele, Im Jae-Bum ao vivo e em cores na minha frente.

Ele sorria, um sorriso sincero e muito bonito que eu não via a anos e sinceramente pensei que nunca mais ia ver.

Jae-Bum estava de passagem pela cidade e assim que chegou por aqui foi até a casa dos meus pais e pediu meu endereço e veio até a mim. Estava com saudades, e disse que não sabia como havia suportado todo esse tempo sem mim, passamos horas e horas conversando e relembrando o passado. Jae-Bum me contou tudo, tudo mesmo que aconteceu todo esse tempo em que ficamos longe um do outro.

Ele havia se separado havia um ano e não tinha filhos, coisa que ele se arrependia pois sempre quis ser pai, mas não podia forçar sua mulher a ter já que não estava nos planos dela.

Jae-Bum sorria a cada frase que soltava porém ele não parecia feliz, parecia cansado e procurando sossego, sossego que ele nunca encontrou dês de que partiu.

Jae-Bum passou dois meses na cidade e nesses meses não passamos um dia sem nos ver, e isso era bom, era maravilhoso poder estar ao lado do grande amor de minha vida nem que fosse apenas melhor como melhor amigo. Porém como eu disse, tudo que é bom dura pouco. Jae-Bum partiu e eu fiquei, de novo. Sozinho. Perdido. Sem rumo, sem saber por onde começar, deveria eu passar por tudo aquilo de novo? Eu não sabia, porém quando dei por mim estava na mesma situação de anos atrás chorando como um bebê no meu estúdio, sem saber a quem recorrer.

Até que a porta do estúdio se abriu, limpei minhas lágrimas e Suspirei fundo será que nem sofrer eu poderia?

-Desculpe, o estúdio estar fechado, volte outro dia -Disse de costas para a pessoa. Ouço uma risada. Um risada gostosa e reconhecível. Era Jae-Bum. Ele estava de volta, e aquilo parecia ser um sonho.

-Desculpe, mas você não vai sumir da minha vida de novo, nunca mais.-Sorriu. Me abraçou. E fez aquilo que eu tanto esperava dês de que eu me entendia por gente. Ele me beijou.

Um beijo que eu nunca tinha levado antes, cheio de paixão e sinceridade, sinceridade de alguém que eu amava e me amava.

E essa é a história de como eu reencontrei o grande amor da minha vida e me casei ele. Teria finamente chegado a minha hora de ser feliz finalmente? Acredito eu sim.

           FIM.


Notas Finais


Gostaram? Eu espero que sim! Talvez futuramente eu poste mais One Shorts de outros shippers por aqui❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...