História Fool's fall for you - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Astoria Greengrass, Barão Sangrento, Blásio Zabini, Carlinhos Weasley, Dino Thomas, Draco Malfoy, Fleur Delacour, Fred Weasley, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lino Jordan, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Neville Longbottom, Pansy Parkinson, Personagens Originais, Ronald Weasley, Rúbeo Hagrid, Theodore Nott, Viktor Krum
Tags Dracoxhermionextheodore, Dramione, Gina Weaslay, Harry Potter, Harryxgina, Hermione, Hermione Granger, Políamor, Romance, Ron Weaslay
Visualizações 64
Palavras 894
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe qualquer erro ortográfico

Capítulo 3 - Capítulo 3


Fanfic / Fanfiction Fool's fall for you - Capítulo 3 - Capítulo 3

Fim de semana, para todos, ou grande parte, dos estudantes de Hogwarts significa ir à Hogsmeade mas esse fim de semana em especial, para Hermione, significava seu primeiro encontro.Sabes que a garota nunca teve a chance de ter um encontro "decente", sem ter que se preocupar com Voldmort e seus comensais da morte.

Estava nervosa, não sabia oque fazer, como agir. Mesmo ela tendo começado a ficar com os demais estudantes. Pela primeira vez Hermione Granger não sabia nada sobre algum assunto.

Terminou seu café e ao se levantar viu Nott parado na porta do salão a esperando, acabou sorrindo com isso é foi andando em direção ao moreno.

-Bom dia, Nott

-Theo, me chame de Theo. E bom dia para você também, Granger -falou e os dois começaram a andar pelos corredores do castelo.

-Ok, Theo. Me chame de Hermione -disse se aproximando do garoto enquanto andavam.

Depois se alguns minutos chegaram a saída da escola. Subiram em uma carruagem ,que por sorte ficaram somente os dois, e depois a mesma começou a andar.

-Então, Theo. Conte-me sobre

-Bem... Sou filho único (N/a: Se estiver errado me avise), meus pais eram comensais. Faço parte da melhor casa de Hogwarts -falou superior e Hermione revirou os olhos com sua fala.

-Não sabia que era da grifinória, pensei que você fosse da sonserina -falou debochada

-Não vamos discutir isso agora, Hermione. Quando estivermos casados e com dois filhos ai faremos isso. Mas é obvio que a sonserina é melhor -falou arrancando risadas da morena.

(...)

-Depois disso eu nunca mais olhei para o meu quarto da mesma forma -terminou e Hermione apoiou sua cabeça no ombro do garoto enquanto ria.

-Isso, ri da desgraça alheia. Pelo menos não foi você que encontrou seus pais transando na sua cama -falou e a garota gargalhou ainda mais.

-Ai, Merlin. Me lembre de se algum dia for em sua casa de analisar bem onde eu sento -falou provocando o farto enquanto entravam na Dedos de mel.

-Obvio que algum dia você vai algum dia na minha casa, como que eu vou me casar algum dia sem apresentar minha noiva para meus pais? -falou como se fosse algo óbvio e Hermione soltou um pequeno risinho e voltou a pegar alguns doces. Compraram tudo que pegaram e voltaram a andar enquanto comiam os doces.

-Mas e você, Hermione. Não tem nenhuma historia estranha que te marcou para que eu possa rir da sua desgraça igual vive fez comigo? -perguntou e a morena começou a pensar se tinha algo tão ruim ou encontrar seus pais tendo relações em sua cama.

-Não, não tenho nada. O máximo foi no primeiro ou segundo ano, não lembro ao certo, que eu fiz uma poção pollisuco mas ela não deu muito certo -falou

-Oque aconteceu?

-Eu confundi um fio de cabelo com um pelo de gato -falou envergonhada e Theo começou a rir

-Vou nem perguntar o porque você estava fazendo uma poção pollisuco no segundo ano -falou e os dois riram.

(...)

-Então foi bom? -perguntou Gina

-Foi maravilhoso -respondeu se sentando na mesa

-Hmm, tem alguém apaixonadinha -falou provocando

-Ginevra, você tem sorte de não ter nenhum livro perto de mim agora -fal9u enquanto se servia do café

-Ok, não esta mais aqui quem falou

-Mas como esta você e Harry? -perguntou levando a xícara de café a boca

-Estamos bem, mas sempre que eu tento dar um passo a mais na nossa relação, ele recua

-Que tipo de passo? -perguntou a morena se fazendo de inocente

-Ah, você sabe... -falou a ruiva corando

-Não -respondeu Hermione a olhando e negando com a cabeça fazendo.

-Esquece -falou a ruiva extremamente corada começando a comer. Hermione riu da amiga mas foi parando ao sentir olhares sobre ela, levantou o olhar e viu, do outro lado do salão, que Theodore e Draco a olhavam, e ao olhar para o lado viu que Rony a olhava. Ignorou os três garotos e voltou a comer.

(...)

Tinha acabado de terminar sua aula de aritmância e andava pelo corredor da escola quando sentiu seu braço ser puxado, então segundos depois estava dentro de uma das salas de aula. Olhou para quem a tinha puxado e ficou surpresa ao ver Malfoy a olhando maliciosamente, sentiu seu corpo arrepiar ao ver o meio sorriso do garoto, mas por alguma razão, sorriu para ele também.

-Diga, Malfoy. Oque quer agora?

-Nossa, Granger, assim você me magoa -falou e fez um bico com os lábios que Hermione achou fofo. Oque? Calma. Ela não poderia estar achando Draco Malfoy fofo.

-Vamos direto ao ponto, fuinha -falou impaciente

-Se é assim -falou simples. Se aproximou novamente de Hermione mas quando ia finalmente beija-la a porta é aberta fazendo os dois se distanciarem em um pulo.

-Opa, parece que atrapalhei algo -falou Blás malicioso

-Oque veio fazer aqui, Blás? -perguntou Draco com raiva

-Estava te procurando, loira. Só falta você para começar o treino de quadribol -falou e Draco suspirou assentindo

-Estou indo -respondeu de Blásio saiu andando de volta ao campo -Pois é, dessa vez você escapou, Granger -falou e saiu atrás do amigo.

Hermione suspirou e saiu da sala como se não tivesse quase beijado Draco Malfoy.

Chegou no salão comunal da Grifinória e se sentou em uma poltrona ao lado da lareira.

Não sabia oque fazer. Estava querendo dois garotos ao mesmo tempo e eles eram totalmente opostos. Como isso era possível?

Draco era mais sensual e fazia seu corpo entrar em brasa com apenas um olhar.

Já Theodore era calmo, gentil, romântico e a fazia sentir-se segura quando estava perto dele.

Oque deveria fazer?


Notas Finais


Preciso que me ajude. Dê idéias de como posso desenvolver o relacionamento dos três de uma forma que te agrade. Devo mudar algo? Deixar do jeito que esta? Me diga


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...