História Gisa e Maven forbiden love - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Rainha Vermelha
Personagens Elara Merandus, Evangeline Samos, Farley, Gisa Barrow, Julian Jacos, Kilorn Warren, Mare Barrow, Príncipe Maven Calore, Ptolemus Samos, Sara Skonos, Tiberias Calore "Cal" VII, Tiberias Calore VI
Tags Gisa Barrow, Maven Calore, Mistérios Drama, Rainha Vermelha, Romance
Visualizações 15
Palavras 1.350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - Descobertas


Fanfic / Fanfiction Gisa e Maven forbiden love - Capítulo 25 - Descobertas

_ Essa sua suspeita Lord Samos é infundada por que algum e nós trairia o rei e  ajudaria esses terrosristas, respondeu Elara.

_ Existem muitas pessoas insatisfeitas com sua posição aqui que poderiam estar conspirando contra nosso rei junto delas, planejando tomar o trono quem sabe.

_ Então fale logo de quem suspeita Volo, declarou Tiberias.

A rainha vasculhava  a mente dele querendo  saber se tinha provas do que iria dizer pela sua cara parecia ter visto algo de que não gostou nada e Gisa desistiu de tentar se despreender dos próprios pensamentos cheios de medo com que poderia acontecer a ela e a Maven e  concentrar - se nos do homem.

 _ A casa Merandus inteira  e os  Arven estão nisso concerteza majestade.

Tiberias dirigiu um olhar carregado de raiva  a Elara e o outro a Samson antes de prosseguir a conversa.

_ E que evidências tem disso ? 

_  Já chega não pode pensar em acreditar nas coisas que esse homem diz é ele que quer tomar o seu reino por isso não me quer por perto deixe de agir feito um tolo, gritou Elara com o marido.

_ Eu não sou tão tolo quanto pensa sei muito bem que a casa Merandus nem você perdoaram ter escolhido Coriane no passado.

Elara olhou para a sala  por um momento repensando os números ela sozinha poderia incapacitar os dois homens a sua frente Samson adoraria cuidar de Cal ,Maven poderia vencer Ptolomeus com o seu fogo  e  a garota embora não controlasse totalmente os poderes conseguiria segurar os outros dois guardas  magnetrons por algum tempo.

_ Tem razão querido, respondeu o pondo de joelhos.

Volo pegou uma espada que acabou ficando apontada para seu próprio peito ele não conseguia lutar contra a influência dela era muito poderosa estava quase a cravando em si mesmo quando o filho amassou a sua lâmina inteira e ela caiu no chão sem utilidade alguma.

Assim que fez isso Samson o jogou do outro lado da sala o fazendo bater forte com a cabeça e ficando inconsciente  nesse momento Cal foi para cima dele e os dois começaram a lutar sem usar os os poderes dando vários golpes um no outro fazendo sangue prata escorrer pelos seus rostos.

Alguns guardas vieram até ela mas antes que pudesse fazer algo Maven explodiu em chamas de uma maneira que surpreendeu mesmo até a própria mãe e os fez virar cinzas.

Tiberias que até agora não queria acreditar na possibilidade de que estivesse junto deles naquilo  mas nesse momento  o olhou como se o visse pela primeira vez na vida.

_Está surpreso com isso não é Tibe ? 

_Foi usando essa vadia que colocou meu filho nisso gritou em resposta.

_ Seu filho você nunca foi um pai pra mim disse Maven se aproximando.

_ Maven sempre desejou mudanças mas você nunca percebeu estava ocupado demais idolatrando o filho de Coriane. 

_ O que Julian disse sobre te - lá matado era...

_ Verdade e você nunca acreditou e me deixou vencer por que não passa de um idiota bêbado que acha que é capaz de governar.

Cal se distraiu da sua luta com Samson nesse momento começando a se deixar vencer.

Elara observava rindo a cena enquanto Maven encarava o pai sendo forçado a não desviar o rosto daquilo e Volo gritava para que Ptolomeus reagisse mas ele mal conseguia se levantar tinha levado uma pancada forte na cabeça.

_  Já chega Samson ele precisa estar vivo ainda pra segurar a espada que vai matar o próprio pai, assim todos irão saber quem é realmente o filho de Coriane.

Ele deu a espada a Cal que não conseguia controlar as próprias mãos para fazer o movimento certo e arrancar a sua cabeça.

_ Maven implorou o irmão.

Mas ele não deu ouvidos.

_ Por favor , faça ela parar.

_ Não implore irmão é fraco, respondeu.

_ Maven eu  amo você falou o pai fazendo com que se voltasse para ele.

_ Suas mentiras não vão me convencer a mudar de ideia.

_ Não espero que o  faça  só queria que soubesse disso.

_ Esperei a minha vida toda para ouvir isso de você mas agora é tarde demais.

_ Não é  Maven vocês ainda podem ser uma família o que ele diz é  verdade e  sei que não quer realmente fazer isso.

_ Você vê uma bondade que não existe em mim.

_ Não de ouvidos a ela Maven repreendeu a mãe em sua cabeça.

_ Elara você assasinou  a mãe de Cal fez de tudo pra ser rainha e mesmo assim isso não  é fez feliz, quer o mesmo futuro para seu filho ?

Por um momento ela pensou antes se responder : 

_ As circunstâncias são diferentes agora.

Samson continuou controlando Cal que gritava por ajuda mesmo sabendo que não seria ouvido.

Toda vez que entrava na cabeça de Maven para tenta - lo fazer voltar a si ele a expulsava.

Achava que tudo estava perdido até Ptolomeus recobrar sua consciência e atirar em Samson não foi um tiro num lugar letal mas não conseguia mais controlar Cal pois as balas eram de pedra silenciosa e acabou desmaiando.

Cal atingiu Elara com a espada sem exitar e ela caiu no chão em uma possa de sangue prateado.

Maven o olhou cheio de ódio e ascendeu os punhos em chamas Ptolomeus deu vários tiros em sua direção mas as balas derreteram todas e Cal exitava começar a lutar com o irmão, foi quando Volo Samos o atingiu com uma adaga pelas costas e Maven caiu no chão não morto o que não o agradou em nada, assim que pegou outra de suas facas e se preparava para joga - lá  Gisa fez que ferisse a si mesmo e acabou sendo atingida na cabeça com algum objeto de metal por Ptolomeus .

Volo tirou a faca ensanguentada de si mesmo e andou até a Maven.

Achou que seria seu fim mas Tiberias segurou o seu braço.

_ Não ordeno agarrando forte seu punho.

_ Ele é um traidor majestade protestou.

_  Ele  é  meu filho.

_ Mas...

_Respeite as ordens do seu rei Samos.

Estava contrariado com aquilo mas não ousaria  o questionar pelo menos por enquanto.

Gisa acordou em seu quarto a o invés da prisão como esperava assim que abriu os olhos viu Tiberias sentado a observando.

_ Meu filho implorou pra deixa - lá  ir  para sua casa e viver sua vida como antes é por isso que voltará pra aquele vilarejo vermelho, e viverá como se não soubesse do que é capaz do contrário usará pedra silenciosa até a sua morte em uma prisão como Elara e Samson.

Ficava feliz por Maven estar vivo e se  preocupar com ela.

_  Onde ele está ? Perguntou preocupada querendo saber o que seria dele agora.

_ Isso não importa nunca mais vai vê - lo nem a ninguém dessa família.

_  Eu não queria ter feito parte de nada di...

_ Você parte a o amanhecer e sua irmã vai junto , respondeu não a deixando terminar.

Assim que voltaram a sua casa Mare a encheu de perguntas que não estava afim de responder sobre o que havia acontecido e ela fugiu pra seu lugar preferido na floresta  para ir quando as coisas estavam dificeis ela costumava deixar uma caixinha enterrada com cartas falando sobre o que a havia magoado.

Resolveu desentera - lá para comparar suas preocupações bobas de criança com as que tinha agora e estranhou ver uma carta que não fazia bem um mês que havia sido escrita  entre elas e a abriu depois que terminou de ler achou que deveria estar louca em acreditar que aquilo poderia ser verdade, mas a maioria das coisas se encaixavam como o fato dos Samos terem descoberto sobre a conspiração contra o rei, a ligação da irmã com a Guarda escarlate que  sempre falava que iria se juntar algum dia , as coisas que Maven havia  contado  somente a ela, seus poderes, aquilo tudo tinha sido sua vida ou ainda poderia ser talvez.

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...