História I Can be your eyes - XiuChen-ChenMin - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, Lu Han, Sehun, Xiumin
Tags Baekhyun, Baekyeol, Chanbaek, Chanyeol, Chen, Chenmin, Hunhan, Kim Jongdae, Kim Minseok, Luhan, Sehun, Xiuchen, Xiuhan, Xiumin, Yaoi
Visualizações 123
Palavras 1.353
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


[Desculpe os erros de português e outros erros]



~Boa Leitura

Capítulo 19 - E então, Min?


Ouvimos a porta se abrir, era Sehun que estava acompanhado do médico e dos outros

- Estamos atrapalhando? - Sehun sorriu com uma expressão estranha.

- N-não... - eu e Min separamos nossas mãos, eu me afastei para que os outros pudessem ver e falar com Min também.

- Tudo bem... - o médico foi ao lado de Min. - Preciso que prestem atenção... - todos olhamos para ele, atentos. - Min vai poder retirar essa faixa amanhã, quando seus olhos estiverem recuperados da cirurgia... - nós concordamos com a cabeça - Quando ele retirar a faixa... devem tomar algumas medidas para que os olhos dele não se machuquem... nada de luz muito proxima dele... e muito forte...

- Certo...

- Nada de Sol... quando sairem... durante uma semana ele deve usar os oculos de sol...

- Ok 

- E é só isso... e cuidado para que nada entre nos olhos, até um miséro cisco pode causar problemas, já que a cirurgia é recente...

- Ele pode chorar? - Min riu da pergunta de Sehun.

- Claro que sim, chorar não afeta em nada... - o médico sorriu - Bom... agora vou deixar que conversem... mais tarde volto para ver você Min - Min sorriu e o médico saiu do quarto.

- Ah, Min... - Hyeri se sentou na cama de frente para Min - É bom saber que está bem... - ela o abraçou. Sehun e Luhan estavam conversando em um canto do quarto. Eles estavam sorrindo e rindo um para o outro. Espero que esses dois fiquem juntos. Eu sorri. Tudo estava voltando a ficar bom: Hyeri estava com Minseok, Sehun e Luhan não estavam discutindo... só precisavamos saber sobre Chanyeol e Baekhyun...

Um tempo se passou e começou a escurecer. Todos perceberam o tempo e estavam prontos para voltarem para casa. Eu fui até o médico que estava na porta.

- Olá... Jongdae, não é?- ele sorriu.

- Sim...

- Precisa de algo?

- Eu tenho uma dúvida...

- Pode mandar...

- Eu posso ficar aqui? Com Min?

- Tipo... dormir aqui?

- Sim

- Olha... não sei... acho melhor voltar para casa...

- Não quero deixar o Min sozinho...

- Tudo bem... nós vamos cuidar bem dele, pode voltar para casa...

- Não... - eu olhei para ele - você não entendeu... sou eu que não posso ficar longe do Min... - ele sorriu.

- Se é assim... tudo bem... só... não saía a noite do quarto...

- Por que?

- É um hospital... tem vários pacientes que morreram vagando por ai - ele riu. - Tenha uma boa noite... - eu sorri e ele saiu.

- Tchau, Min - Luhan saiu da sala

- Até amanhã, Min - Sehun também saiu

- Bye bye - Hyeri sorriu e Min também, ela saiu indo logo atrás de Sehun. - Jongdae... você não vem? - eles olharam para mim aguardando uma resposta.

- Não... eu vou ficar... - eles pareceram assustados, menos Sehun que apenas sorriu.

- Tudo bem... estamoa indo... nos vemo amanhã... - Sehun puxou Luhan e Hyeri que ainda estavam em silêncio, para os corredores.

- Tchau, Chen - Luhan acenou - Cuide bem do Min - ele sorriu.

- É! Cuide bem do meu irmão! - Hyeri sorriu.

- Eu vou - eu sorri e eles também. Eles entraram no elevador e desceram para a recepção de novo. Eu voltei para o quarto. Min ainda estava na cama. Ele estava mexendo na pulseira. Eu me sentei na poltrona.

- Chen... - ele chamou por mim por meio de sussurros.

- Sim?

- Você já vai dormir?

- Não... - eu sussurrei de volta -E você? Ja vai dormir?

- Não... - ele sorriu enquanto ainda sussurravamos.

- Por que estamos sussurrando? - ele riu enquanto eu continuava a me comunicar por meio de sussurros.

- Eu não sei - ele sussurrou. Eu ri.

- Min... você precisa descansar...

- Não... - ele fez bico - Eu quero conversar com você...

- Certo...

- Como o Nam está? - eu engoli seco.

- Bem...

- Que bom... eu quero ver ele... 

- É... eu também...

- Como assim? - ele riu

- Nada... - eu forçei um sorriso.

- Eu quero ver tantas coisas...

- Liste as coisas que você quer ver...

- Um. Nam.

- Uhum

- Dois. Hyeri, faz muito tempo que não vejo ela... - ele sorriu - três. Luhan. Quatro. Sehun. Cinco. Baekhyun. Seis. Chanyeol. Sete. Chanyeol e Baekhyun juntos... - nós rimos - E... - ele colocou as mãos no meu rosto - você é claro...

- Achei que tinha se esquecido de mim... - ele riu

- Jamais esqueceria você... - ele acariciou meu rosto. Sentir suas mão macias no meu rosto era tão agradavel e confortante. Ouvimos a porta abrir. Era uma enfermeira.

- J-jongdae?

- Sou eu - eu me levantei

- Ah não é nada... mas o médico pediu para eu eu trouxesse isso... - era uma especie de colchonete.

- Oh, obrigado - eu peguei. Ela saiu, desaparecendo no corredor escuro. Eu abri e joguei o colchonete no chão. Min estava bocejando. - Boa noite, Min

- Ah... não estou com sono...

- Não seja mentiroso - eu me deitei no colchonete - Vamos... precisa descansar...

- Ok ok... - ficamos em silêncio. Eu me virei de um lado para o outro tentando encontrar uma posição vonfortavel para dormir. Eu fechei os olhos e tentei dormir. Eu cochilei mas fui acordado com uma respiração proxima ao meu rosto. Era Min? Ele estaav deitado ao meu lado.

- M-min, o que está fazendo aqui?

- Eu não consigo dormir... - ele ainda tinha seu jeito infántil de agir, aquilo era fofo, mas seria desvonfortavel se ele dormisse ali.

- Você precisa ir para a sua cama...

- Por que?

- Por que você precisa dormir...

- Mas eu não consigo...

- Por que?

- Eu estou ansioso... para retirar essa faixa... - ele sorriu - Você não está?

- Estou... mas você precisa descansar...

- Tudo bem... - ele colocou uma de suas mãos em meu rosto e acariciou.

- O que está fazendo? - eu ri.

- Eu gosto do seu rosto... - ele sorriu - Eu estou realmente ansioso para te ver...

- Amanhã você vai ver... - eu sorri. Eu peguei sua mão. - Mas para que o amanhã chegue mais rapido... precisamos dormir...

- Certo... - ele colocou as mãos debaixo da cabeça e tentou dormir. Eu me levantei e peguei ele no colo. Ele ficou vermelho, todo corado. - C-chen...  - eu o coloquei na sua cama.

- Boa noite, Min... - ele sorriu

- Boa noite... - ele se revirou na cama tentando dormir. Eu fiz o mesmo no colchonete, e depois de algum tempo eu consegui finalmente dormir.

No dia seguinte eu acordei com Min pulando em cima de mim.

- Chen, eu vou retirar a faixa! - ele estava animado. Eu esfreguei os olhos sem entender, eu estava sonolento ainda.

- Agora?

- Não... vou esperar que os outros cheguem... mas... é hoje! - ele sorriu. Eu tentei acordar um pouco. Eu sorri.

- Ok... - ele ainda estava em cima de mim. Isso era errado? Aliás ele... O QUE? NÃO PENSE NISSO JONGDAE! eu me sentei tirando ele de cima de mim. Isso cairia mal se alguém visse. Min se levantou. O médico entrou no quarto. Eu me levantei e peguei o colchonete e deixei em um canto no quarto.

- Seus amigos chegaram, Minseok - ele se animou 

- Otimo... - ele se sentou na poltrona. Todos os outros entraram com balões e flores me fazendo rir. Baekhyum estava contente e Chanyeol também. Sehun, Luhan e Hyeri estavam atentos olhando para Minseok. O médico foi até ele.

- Está pronto?

- Sim, sim - todos nós olhamos atentos para Minseok.

- Me diga... qual é a primeira coisa que gostaria de ver?

- Chanyeol e Baekhyun juntos - ele fez uma piada e todos rimos. Chanyeol e Baekhyun se olharam e sorriram, era como se eles estivessem tendo uma conversa interna. Tomara que isso signifique que os dois vão ficar juntos.

- Certo... então... apaguem as luzes... - Luhan apagou a luz. E apenas a claridade da manhã estava presente no quarto. - Preparado, Minseok?

- Sim! - Min estava animado. Nós ficamos olhando atentos para eles. 

Em um movimento lento o médico retirou a faixa de Minseok. 

Nós ficamos olhando para Minseok.

Após o sinal do médico nós acendemos as luzes novamente...

Min não expressou reação alguma.

Min podia enxergar? Ou ainda estava cego? Aquela dúvida tomou conta do quarto.


Notas Finais


*to be continued*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...