História Imagine Jay Park (Senhor irritante) - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Kim_Heer

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), G-Dragon, Jay Park
Personagens G-Dragon, Jay Park, Personagens Originais, V
Tags G. Dragon, Jay Park, Tae, Taehyung
Visualizações 41
Palavras 2.110
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Primeiro dia de trabalho...


Fanfic / Fanfiction Imagine Jay Park (Senhor irritante) - Capítulo 2 - Primeiro dia de trabalho...

Terça-feira                                    6:35 AM


Acordei com os raios de sol entrando pela janela de meu quarto, me sento na beira da cama me espreguiçando e logo me levantando indo até o banheiro para fazer minhas higienes. Vou até a pia e escovo meus dentes logo depois tiro minhas roupas e vou para debaixo do chuveiro logo ligando o mesmo, sinto as pequenas gotas de água se chocarem contra minha pele me fazendo relaxar fico alguns minutos no banho e logo saio com a toalha em volta do corpo, vou em direção ao meu guarda roupa pegando minha lingerie e logo a vestindo, pego uma calça preta com rasgados no joelho e uma blusa fina junto com um moletom e um all star cano médio cinza e logo visto, vou indo até o espelho para dá uma olhada e vejo que meu cabelo estava terrível faço um rabo de cavalo deixando minha franja cair sobre minha testa, passo um batom leve e máscara de cílios dou a última olhada e logo saio em direção a cozinha, onde encontro minha mãe fazendo panquecas me aproximo e abraço a mesma que se assusta....

_ Você me assustou, acordou cedo há alguma ocasião especial...-Indaga sorrindo...

_ A senhora esta devendo por acaso? E sim há sim uma ocasião especial...-Comento dando uma breve risada...

_ Oh sim, e oque seria?...

_ Hoje é meu primeiro dia no novo emprego, confesso que estou nervosa...-Digo pegando uma maçã ...

_ Eu já disse que você não precisa fazer isso ne, então repetindo eu estou bem querida você não precisa se preocupar....-Exclama sorrindo... 

_ Não adianta eu quero lhe ajuda poder dá uma vida melhor para você mãe, e tem mais eu não sou igual ao idiota do Joe que não ajuda em nada....-Exclamo séria....

_ Não diga isso do seu irmão querida....

_ Ok mãe mais oque eu falei é verdade, agora tenho que ir beijo se cuida e para de se esforça...- Digo saindo...


Saí de casa e logo caminhei até o ponto de ônibus fiquei esperando um pouco, confesso que no tempo em que esperei me senti sendo observada mais não dei muita importância depois de tanta espera vejo o ônibus chega logo entro sentando em um dos primeiros assentos, pego meus fones e ponho na rádio no momento em que coloquei passava uma música com o tom meio sexy, mexo meus pés no ritmo da música e logo olho para a janela do ônibus, vendo as pessoas caminhando pelas calçadas me perdi em meio aos pensamentos até que sinto alguém senta ao meu lado, olhei meio de lado e ví que era um homem com um casaco preto fiquei meio desconfortável e sai bem antes de chegar no café não sei porquê mais aquele homem me incomodou. Continuei andando até o café logo quando cheguei vejo o mesmo garoto de antes o tal de tae, ele estava na calçada falando com uma garota de cabelos alaranjados ela me parecia ser bem chata, continuei andando quando eu ia entra no café sinto uma mão passear em minha cintura me puxando para trás e logo ouço uma voz próxima ao meu ouvido.....

_ Não me ignore assim baby, me ajude a me livra deste pequeno incomodo e eu prometo que a recompensarei bem....- Sussurra no ouvido da mesma...

_ Hey taehyung não me ignore...-Exclama a menor irritada...

_ tsc.....

_ Desculpe suzy mais como você já viu é esta garota que eu gosto...- Comenta sorrindo de lado...

_ Essa garota? Mas ela parece mais uma dançarina de boate...- Diz gargalhando...

_ O esgraçado é que ninguém está se importa com sua opinião garota....-Exclamo sorrindo de lado...

_ Mais você deveria querida, pois ninguém irá querer ficar com uma gorda igual a você....

_ Que bobinha, você me parece uma garota inteligente para um pequeno problema, acho que sua mãe nunca lhe ensinou a como dialogar com as pessoas, enquanto você fica aí reparando nas minhas curvas que você julga ser "Gorduras" outras pessoas pensam ao contrário....

_ Você não sabe com quem está falando sua vadia, eu posso acabar com você....- Diz irritada...

_ Jura você é mais quem? Você acha que com seu dinheiro pode por um fim em mim, que engraçado olha porque você não vai malhar essa sua bunda magrela daqui antes que eu chute ela, aproveita enquanto eu ainda estou sendo boazinha criança...-Digo sorrindo de lado....

_ Você vai se arrepender sua vagabunda....-Diz dando passos para trás...

_ A sua opinião não interessa agora apenas vaze daqui pirralha....-Digo entrando no café.....

_ Bom dia Liss, que cara de que vai matar alguém é essa?....-Indaga sorrindo...

_ Essa é a única que eu tenho agora...-Exclamo de braços cruzados....

_ Tae oque aconteceu?  porque esta com esse sorriso vitorioso?...

_ A suzy estava aí....

_ Ela voltou de Nova York? ...

_ Sim, e ela ainda estava insistindo no mesmo assunto de antigamente....

_ Que garota chata ,porquê você não diz que não quer nada com ela...

_ Você sabe que eu nunca machucaria o coração de uma florzinha....-Comenta dando uma piscadela...

_ tsc....Que idiota da proxima vez que você estiver com problemas não me ponha no meio seu panaca, resolva seu problemas sozinho e não me meta mais nisso essa é a última vez....-Exclama irritada...

_ Calma Liss....-Diz Yuno assustada...

_ Desculpa, e obrigada por me ajuda e eu ainda te recompensarei docinho...-Diz jogando um beijo e indo até uma porta branca....

_ Tsc.... Eu odeio esses homens... 

_ Porquê? ....

_ Por nada, apenas não gosto deles....

_ Certeza?... 

_ ok eu vou te contar. Quando minha mãe se casou com meu pai ela não sabia que ele gostava de jogos, ela só veio saber quando já era tarde de mais meu pai se envolveu de mais em jogos e acabou ficando cheio de dividas tivemos que vender nossa antiga casa para pagar, eu e minha mãe ficamos aliviadas mais depois de algus dias meu pai voltou  a jogar e acabou tendo uma dívida maior, depois de fazer a dívida ele fugiu deixando eu e minha mãe e mais o filho dele que eu chamo de "irmão" até aí estava tudo indo de mal a pior para piora mais ainda uns caras estão procurando ele, e minha mãe tem medo de algo acontecer comigo mais eu não me importo pois eu não tenho nada haver com a dívida do meu pai. Eu passei a odiar homens por causa disso....-Digo soltando um suspiro....

_ Eu sinto muito...

_ Não sinta apenas não conte isso pra ninguém....- Exclamo séria...

_ Seu segredo esta guardado, agora vamos....- Exclama puxando a mesma...

_ Espera pra onde vamos....


Yuno me levou a mesma porta que tae havia entrado, percebi que era uma pequena sala havia armários e uma mesa enorme branca e várias cadeiras e papéis, me aproximo da mesma que procurava algo dentro do armário a mesma me entrega uma sacola abro a mesma e vejo uma fantasia de empregada fico meia hora olhando até que resolvo vesti. Comecei a me despi e logo vesti o vestido e logo depois a meia que ia até o meio da minha coxa, senti que a roupa ficou meio apertada em meus seios olhei no espelho e corei vendo o resultado....

_ Ficou bem sexy em você....-Comenta fazendo uma cara maliciosa....

_ Yaa, pare com isso. é constrangedor....

_ Mais é verdade vermelho lhe caí bem...

_ Obrigada, preto fica super legal em você mais porque tem que mostra os seios em?....-Indago com uma cara de curiosidade.

_ Aprenda os garotos adoram.... 

_ Que nojo, deve ser bem pervertidos...-Exclamo cobrindo meus seios...

_ Yaaa pare com isso, você tem o corpo bonito que tal maltrata um pouco desses coitados...-Diz maliciosa...

_ Por deus você é terrível....-Comento gargalhando...

_ Vamos acho que já devem esta todos reunidos, tenho que te apresenta....-Informa puxando a mesma...

_ Yaaa espera...


_ATENÇÃO GENTE, TEMOS UMA NOVA AMIGA O NOME DELA É LISS, É A PRIMEIRA VEZ DELA TRABALHANDO EM UM CAFÉ MAID, ENTÃO POR FAVOR TRANTEM BEM NOSSA NOVA IRMÃ....

_ Prazer me chamo Heer...-Diz com sorriso enorme...

_ Prazer heer...-Respondo com um sorriso médio...

_ Olá me chamo Clarice espero que possamos ser melhores amigas...-Comenta feliz...

_ Eu também...

_ Eai gatinha me chame de daddy mais se quiser pode me chamar de Ren...-Diz beijando a mão da mesma....

_ tsc.....Toque em mim de novo e eu te faço beijar o chão...- Exclama empurrando o mesmo...

_ Gostei dela...-Comenta sorrindo de lado...

_ É você não vai se apresenta não?....-Indaga Yuno para o moreno que observava tudo com um pequeno sorriso de lado...

_ Me perdoe me chame de G-dragon é um enorme prazer conhecê-la....-Exclama ainda com o mesmo sorrisinho...

_ Pois eu digo ao contrário....-Resmundo...

_ Você já sabe quem é o tae ne... 

_ Sim sei até de mais...-Comento com uma cara de raiva....

_ Então pessoal vamos abrir....-Exclama a mesma me puxando para fora do café...

_ Vem cá você vai ficar me puxando mesmo é....-Exclamo dando uma leve risada...

_ Sim esto disposta a ser sua melhor amiga....-Diz com um enorme sorriso...

_ ta, ta, agora vamos presta atenção...

_ Ok...


Entregamos alguns folhetos e logo apareceram vários garotos fui ajudar Heer que andava pra lá e pra cá com os pedidos, percebi que alguns meninos olhavam para mim em uma expressão de malícia isso estava dando nós nervos já que eu era a "Sádica" da história toda resolvi interpretar meu papel, fui atender algumas mesas....

_ Oh heer eu posso tratar os clientes como eu bem entender ne...-Indago com um sorrisinho demoníaco....

_ Eer sim, já que você é a Sádica você tem que pegar pesado...-Diz sorrindo sem entender oque eu ia fazer...

_ Ok então, eu vou atender aquelas mesas alí ta já volto....-Exclamo sorrindo... 

_ Que diabos você irá aprontar....-Resmunga preocupada...


Fui até a mesa e ví que haviam dois garotos de cabelos pretos e um de cabelo loiro, perguntei seus pedidos e logo fui pegar senti um deles tocar em uma das minhas pernas, não reagi pois estava esperando o momento certo tae me deu os pedidos e ficou observando oque eu ia fazer, coloquei os pedidos na mesa e logo falei....


_ Qual foi de vocês que tocou na minha perna...-Indaguei sorrindo docemente...

_ Eer desculpa foi sem querer....-Diz o menino de cabelos loiros...

_ Você é muito espertinho, acha que irei acredita nisso hãm? Você tocou mesmo sem quere?...-Digo pegando no queixo do mesmo e sorrindo de lado...

_ Eer eu....eu...-Guagueja..

_ Shiiii....Dá proxima vez que você tocar em mim você terá que fazer muito mais do que pedir desculpas entendeu, agora paga 20 flexões....- Sussuro no ouvido do mesmo...

_ 1..2....3.....4....5....6...7...8...9..10..11..12 .....

_ Bom garoto....-Exclamo dando um leve tapinha no rosto do mesmo e logo saindo...


Saí dando uma leve gargalhada e logo sentando em uma das cadeiras fiquei meia hora batendo cabeça, pensando na vida quando tae comenta sobre o ocorrido...

_ Eu ví oque você fez...-Exclama rindo e sentando na cadeira a minha frente...

_ Edai qualquer uma com bastante corpo faria isso...-Exclamo entediada...

_ Não acho, parece que você sabe fazer muito bem seu papel...-Sorrir de lado...

_ Eu não fiz aquilo por causa do meu papel, e sim porque ele tocou na minha perna...

_ Ele tocou em você é porque não disse antes?...-Exclama preocupado...

_ Porque eu sei me cuidar sozinha, e também acho que você deveria ficar na sua e eu não preciso da sua ajuda....-Exclamo irritada me levantando da cadeira onde estava sentada...

_ Espera, porque você me odeia tanto você nem me conhece....-Indaga segurando o braço da mesma...

_ Escuta aqui senhor mulherengo de meia tigela, eu não quero e nem estou afim de saber quem você é até porque isso não me importa, e quando quiser me chamar, me chame pelo nome pare te ficar tocando em mim....-Exclamo apertando as bochechas do mesmo fazendo forma um biquinho...

_ Hey oque esta acontecendo?...-Indaga Heer preocupada...

_ Nada heer apenas estava conversando com tae...- Digo largando o rosto do mesmo e indo atender mais pessoas...

= Eu não sei porquê mais sinto tanta raiva desse garoto, desde que ele fez eu briga com aquela garota riquinha ,porque eu briguei mesmo hem? Eu sei que foi errado briga com ela pois eu não tinha nada haver com oque estava acontecendo, mais mesmo assim achei necessário dá um toque de realidade na mesma. Porque todo mundo acha que sou uma vadia? é por causa do meu corpo? Da minha aparência de estrangeira, eu nem ligo pra isso até porque eu não to nem ai, só não quero que me desrespeitem eu não sou uma vagabunda e nunca deixarei ninguém me humilhar. Minha mãe sempre disse que pessoas assim nunca iram acha sua verdadeira felicidade, pois não devemos julga as pessoas por suas aparências. Sabe eu queria tanto saber oque aconteceu com meu pai, eu sei que ele foi um grande desgraçado mais ele ainda é meu pai mesmo com todos os defeitos e erros, eu deveria o odiar por fazer minha mãe sofrer e realmente eu o odeio mais algo bem lá no fundo quer o bem dele.....










Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...