História Imagine Kim Haneul e Min Yoongi - Capítulo 11


Escrita por: ~ e ~kim-Kyung-mi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Rap Monster, Rosé, Suga, V
Tags Kim Haneul
Visualizações 12
Palavras 661
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


( Kim Haneul ) 🌸

Annyeonghaseyo ❤

Como vocês tem passado? 👀

Desculpa pela demora pra postar capítulo, será difícil agora que volto as aulas. 💔

Capítulo 11 - Não diga que ama alguém, em vão...


Fanfic / Fanfiction Imagine Kim Haneul e Min Yoongi - Capítulo 11 - Não diga que ama alguém, em vão...


*TAEHYUNG ON*

Coloco meu celular de lado, começo a procurar a Kyung Mi pela empresa, depois de procurar aqui pelo lugar, o último lugar que eu não tinha ido era o último andar do prédio da nossa empresa, olho pra frente, não vejo ela, então penso :

*PENSAMENTO ON*

Não posso perde-la novamente, vou fazer de tudo pela Kyung Mi.

*PENSAMENTO OFF*

- Não posso te perder novamente... - Falo um pouco baixo com a cabeça baixa.

Até que escuto a voz de Kyung Mi :

- Está falando sozinho agora? - Pergunto Kyung Mi.

Rapidamente olho para o lado ( Esquerdo ), vejo a mesma sentada na ponta do prédio, vou até Kyung Mi, me sento ao lado dela sem responder a pergunta que ela tinha me feito, então pergunto :

- O quê você está fazendo aqui? - Pergunto a olhando.

- Não posso mais vir aqui? - Pergunto a mesma olhando em volta.

- Não é isso, mais o porquê de você estar logo aqui? - Pergunto confuso e olho em volta também.

- Também não sei, eu apenas gosto de vir aqui pra pensar sobre minha vida... - Respondeu a mesma com a cabeça baixa.

- Me desculpa por ter sido um idiota com você... - Coloco uma das minhas mãos em cima da mão da mesma.

Kyung Mi tira rapidamente minha mão sobre a dela, ficamos quietos por alguns segundos, até a Kyung Mi me fazer uma pergunta :

- Porquê você veio aqui? - Pergunta a mesma.

- Estava te procurando. - Respondo.

- Porquê? - Perguntou Kyung Mi confusa.

- Porquê eu não posso te perder novamente... - Respondo a mesma.

Kyung Mi não fala nada, apenas respira fundo, então continuo falando :

- Eu te amo! - Falo sem me preocupar se mesma irá responder ou não que me ama também.

- Não diga que ama alguém, em vão... - Disse Kyung Mi, se virando e se levantando, quando ela ia começar a andar, eu segurei em seu pulso, sem fazer força para não machuca-la.

- Porquê não acredita que eu te amo? - Pergunto triste.

- Talvez porquê você queira outra pessoa... - Respondeu Kyung Mi sem me olhar.

- Quem? - Pergunto confuso.

- Haneul! - Respondeu a mesma meio alto.

- Ei, desde o dia que nos conhecemos, eu tinha me apaixonado completamente por você, mais eu não sou de demostrar sentimentos, principalmente para você, eu tentava chamar sua atenção de algum jeito, mais não era do jeito certo, infelizmente estava apenas te afastando cada vez mais de mim, quando Haneul veio morar com a gente achei que iria conseguir chamar mais sua atenção, apenas isso, nada a mais, achava que você apenas me via como um amigo, ou menos, nunca iria imaginar que você gostava de mim de verdade... - Digo, me viro, me levanto, ficando na frente da mesma. - Por favor me dê mais uma chance, prometo ser uma pessoa melhor pra você e te dar mais valor... - Me aproximo do rosto da mesma, para beija-la, a mesma faz o mesmo, coloco minha mão no pescoço da mesma a puxando para um beijo, Kyung Mi retribuiu o beijo, no começo deu para perceber que a mesma estava insegura de sí mesma ainda, mais logo retribuiu.

[...]

Paramos de nos beijar, ficamos nos olhando por alguns segundos, até que Kyung Mi me pergunta :

- Posso mesmo confiar em você? - Pergunto Kyung Mi.

- Sim, confie em mim, não irá se arrepender... - Sorri de lado e abraço a mesma.

*TAEHYUNG OFF*

*KYUNG MI ON*

Abraço um pouco forte Tae, naquele momento eu penso :

*PENSAMENTO ON*

Me sinto tão segura agora com o Tae me abraçando... Por favor Tae, não me deixe e não me abandone... Por mais que eu não diga o que sinto para você, não quer dizer que eu não te ame também, eu apenas não sei dizer o que sinto em palavras exatas, mais se você mudar realmente, poderei tentar ser melhor com você... Então, eu também te amo, Taehyung!

*PENSAMENTO OFF*

Fomos para a sala onde o nosso produtor mandou todos nós irmos e ficamos ensaiando.

*CONTINUA*



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...