História Imagine Suga - Por Acaso. - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, BLANC7, EXO, Got7, Seventeen
Personagens BamBam, D.O, G-Dragon, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Kai, Lee Jihun "Woozi", Lisa, Mark, Rap Monster, Suga, Taichi, V, Youngjae
Tags Imagine Suga
Visualizações 98
Palavras 1.155
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - XXI


- Jimin???- Jeon se assustou - Eu nem percebi você aí!

- Então continue sem perceber - O menor deu as costas e foi em direção ao banheiro masculino.

Ficamos observando a cena e eu resolvi quebrar o silêncio.

- Vai lá atrás dele Kookie - empurrei levemente sua mão. Ele se aproximou dando um beijinho na minha bochecha e foi correndo para o banheiro.

- Eu não estou acreditando nisso não. É sério mesmo? Vocês estão namorando? Desde quando? - Suga estava aparentemente calmo mas eu sei que estava desesperado.

- Uma pergunta de cada vez bebê - encostei em meu armário e olhei em seus olhos - Sim, é sério. Estamos namorando e faz pouco tempo por que?

- Não...é que eu pensei que você gostasse de mim - abaixou a cabeça e eu o analisei.

Odeio quando as pessoas fazem isso, eu acabo ficando com dó. Mas eu não vou dar mole. Ele me magoou muito ficando com a Jisoo, me machucou mesmo eu sabendo que quem provocou tudo isso fui eu. Pensei no que o Jin tinha me dito naquele dia

"Vocês deveriam conversar". Será que ele tem razão? Não sei direito o que falar com ele. Mas eu vou tentar.

- Yoongi...tudo o que eu te disse até agora foi verdade mas sobre essa história a gente tem que conversar com mais calma, agora não dá. De noite a gente se fala okay? - estiquei minha mão direita para ele que a pegou com a dele e apertou.

- Okay...até mais tarde então.

- Até.

Sua mão largou a minha vagarosamente, como se não quisesse me deixar a minha vontade era gritar para que ele não deixasse mas eu não posso fazer isso, afinal...eu namoro e o mais estranho de tudo...eu estava criando sentimentos por Jungkook e isso pode ferrar muitas coisas. Peguei meus materiais e fui para a minha sala. Meu dia seria bem longo.

《Na hora do intervalo》

Sentei novamente com Bambam e Mark mas dessa vez Kookie veio junto deixando todos os meninos confusos.

- Então vocês estão namorando mas não é verdade? - Mark me perguntava pela vigésima vez.

- É Mark! Mas lembre-se que ninguém pode saber, ninguém MESMO - dei ênfase na última palavra.

- Tá, tá, tá, entendi - mordeu seu pão com mortadela e fez um som com a garganta olhando para mim e para seja lá quem estava vindo.

- Olha meninas...ela quer pegar todos - as hienas que ela chama de amigas deram risada.

- Quem vai ser o próximo? - Jennie resolveu abrir a boca - Taehyung?

- Ou será que vai ser o Jimin? - A ruiva que se eu não me engano se chama Rosé "perguntou".

- Esse aí é viado ela não vai pegar - A loira com as pontas coloridas de azul disse.

- VOCÊ DOBRA SUA LÍNGUA QUANDO FOR FALAR DELE LALISA - Kookie falou 

aaaaah então esse é o nome dela.

- Uiiii alguém ficou bravinho meninas.

- Rosé...- Jisoo a olhou - Quem causa aqui sou eu então menos querida, bem menos. O mesmo é para vocês duas - apontou para as outras que mantinham as cabeças baixas - ENTENDERAM???

- Sim Soosoo - falaram em uníssono.

É incrível a forma como elas a obedecem. Claramente são suas marionetes. Peguei na mão de Jeon e o puxei.

- Com licença meninos, com licença meninas. - juntei minhas mãos e abaixei minimamente meu tronco os comprimentando - Vem!

Arrastei o garoto que me dava sua mão direita até uma parede próxima. Colei minhas costas na parede e o abracei pelo pescoço deitando minha cabeça em seu pescoço. Ele pousou suas mãos em minha cintura a apertando devagar. Dei um beijo em seu pescoço e comecei a sussurrar em seu ouvido dando uma disfarçada com beijos.

(N/A: as reticências significam cada beijo)

- Todas as vezes que...ela provocar...ignora...isso afeta...e destrói.

Ele me encostou mais na parede e eu sabia que era a vez dele. Usando a mesma tática que a minha ele passou a beijar e marcar a pele do meu pescoço.

- Obrigado... e me desculpa... me exaltei... e aliás... seu pescoço... está muito... cheiroso.

Dei uma risada mínima e senti um calor percorrer meu corpo. No mesmo instante olhei para a mesa dos meninos e percebi Yoon e Minnie nos olhando. Resolvi provocar mais. Escorreguei minhas mãos para o peitoral do mais alto e em seguida para suas costas arranhando o local. E então fiz algo nunca feito antes. Afastei meu rosto por um instante, coloquei minha mão direita no rosto do moreno a minha frente e o beijei. Mas eu o beijei pensando nele mesmo, não sou dessas que beija um pensando em outro. Claro que Yoongi não saía de minha cabeça mas eu me concentrei em Kookie e fiz o que queria fazer.

- Wow...foi muito bom - Ele me elogiou e eu sorri.

- Posso dizer o mesmo - segurei novamente em sua mão e segui para a sala já que o sinal acabara de bater.

O dia passou bem devagar e minha barriga roncava de fome. Quando deu a hora e ir embora arrumei meu material e fiquei do lado de fora esperando um dos meninos para não ir sozinha. Passado cinco minutos, que pareceram uma eternidade para quem estava com a cara para cima como eu, Hoseok apareceu.

- Cadê os meninos Hope?

- Jungkook e Taehyung ficaram para aulas extra, Jimin já foi, Suga inventou uma doença depois do intervalo e foi embora mais cedo, Namjoon sumiu e muá estoy here! - abriu os braços e eu ri revirando os olhos.

- Vamos doido - ele pousou seu braço em meu pescoço e assim fomos até chegar em casa. Peguei minha chave que o Jin fez para mim e adentrei.

Almoçamos como todos os dias, arrumei a cozinha e a sala, fiz meus deveres de casa, lavei meu banheiro e tomei um banho. Coloquei meu pijama de frio, Ele era de gatinho e possuía orelhas de gato na touca. Muito fofo. Já estava de noite e eu não estava com fome então fiquei sentada na minha cama mexendo no celular. Levei um susto com as batidas fortes e constantes na porta.

- Quem é? - fiz a pergunta meio assustada e não obtive resposta. Caminhei em passos curtos e segurei na maçaneta. Abri a porta e dei de cara com Yoongi. Um Yoongi frágil, cabisbaixo, choroso e com os olhos meio avermelhados. Nem estranhei o fato dele não ter descido para o almoço mas agora estava claro o motivo, ele passou o dia chorando.

- Será que podemos conversar agora ou está ocupada?

- Claro...entra - dei espaço para ele que foi direto para a minha cama e ali se sentou - Você está bem Yoon? - sentei ao seu lado o olhando nos olhos. Eu amo fazer isso com ele, mesmo esse não sendo o momento.

- Nem eu nem o Jimin estamos bem e é tudo graças a você S/N! - Vi seus dentes prenderem seus lábios entre eles a fim de segurar o choro. Realmente, ele estava mal e é tudo culpa minha como sempre.

Continua ???



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...