História Imagines Exo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Chanyeol, Kai
Tags Baekhyun, Chanyeol, Chen, Exo, Kai, Kris, Lay, Luhan, Minseok, Sehun, Suho, Tao
Visualizações 68
Palavras 927
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Ficção, Hentai, Policial
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não demorei nada pra postar hein kkk

Capítulo 3 - Proposta Indecente - Imagine Chanyeol


Fanfic / Fanfiction Imagines Exo - Capítulo 3 - Proposta Indecente - Imagine Chanyeol

Lá estávamos nos em mais uma tarde de tédio sentados no sofá mexendo no telefone como sempre faziamos.
Chanyeol parecia querer dizer algo,engoliu as palavras até que resolveu dizer.
-Amor? O maior apertou minha coxa me chamando a atenção.
-Oi?
-Quero fazer algo diferente. Sua mão apertava minha coxa subindo levemente.-Me deixa te amarar?
Não pude deixar de rir de sua cara de desespero e ansiedade pela minha resposta.
Ainda meio receosa confirmei que sim mordendo o lábio inferior.
A expressão de Chanyeol mudou na mesma hora,ele sorriu safado e me pegou no colo me levando entre beijos até nosso quarto. Me colocou na cama com cuidado e deu alguns beijos em meu pescoço.
-Tira a roupa. Ele pediu autoritário,bem diferente do Chanyeol que me fez a proposta indecente na sala.
Comecei a tirar minhas roupas em quando Chanyeol puxava um monte de cordas de sua gaveta.
Chanyeol veio até a cama e passou os olhos por meu corpo mordendo os lábios,me deitei e o maior juntou minhas mãos acima da cabeça prendendo-as na cabeceira da cama. Pensei comigo,bom era só isso que ele queria então está bom,foi quando Chanyeol ergueu minhas pernas passando a corda por meus tornozelos e me prendendo ali totalmente exposta para ele.
-Não,não me olhe com essa cara querida,foi você quem deixou. Seus dedos passaram por minha intimidade passeando ali e subindo por minhas coxas.
Chanyeol se apoiou em seus joelhos apertando minhas coxas com suas grandes mãos e se inclinou levando dois dedos até meus lábios. Chupei seus dedos encarando o maior,engolindo e sugando só a pontinha como ele gostava que fizesse com seu pau. Chanyeol tirou seus dedos de minha boca e os levou até minha intimidade passando os envolta da entrada e pressionando meu clitóris com o indicador,gemi manhosa vendo ele repetir aquilo mais umas três vezes até descer seu rosto até minha intimidade abrindo minha entrada com dois dedos e enfiando sua língua quente ali. Reprimi um grito sentindo sua língua dar lugar aos dedos que iam fundo em mim sem dó nem piedade.
Chanyeol mantinha o olhar fixo no meu observando cada expressão de prazer causada por ele,que ama vê ver assim tão necessitada dele. Ele usou seu dedão para massagear meu clitóris em quanto me penetrava seus dedos longos e grossos,gemi um pouco mais auto ganhando um sorriso safado do maior mas antes que eu pudesse retribuir o ato Chanyeol afundou o rosto em minha intimidade.
Minhas coxas começaram a se mexer involuntariamente e meu corpo tremia,seria o primeiro orgasmo da noite e já seria totalmente intenso. Com Chanyeol era assim.
Com seu indicador ele pressionou meu clitóris novamente,gritei seu nome sentindo meu corpo relaxar,sua língua desceu até minha entrada limpando ali.
-Não pensei que gozaria tão rápido assim. Sua voz rouca mesmo num sussurro se fez presente pelo como todo.
Ele voltou a pressionar meu clitóris agora sensível,gemi manhosa tentando me soltar em vão.
-Eu estou sensível ainda. Falei tentando recuperar minha respiração.
-Eu sei. Ele sorriu e deu um tapa em minha coxa,gemi de dor cravando as unhas em minha palma.
Chanyeol me penetrou apenas um dígito me deixa fazendo revirar os olhos. Seus movimentos agora eram lentos e precisos,me levando ao delírio,seu dedo faziam movimentos de tesoura em meu interior me fazendo erguer o corpo na cama. Chanyeol se ajoelhou e pude ver o volume em seu jeans,percebendo que eu o observava o maior usou mão livre para apertar sua ereção por cima da calça.
-Você quer? Sua voz rouca e repleta de prazer foi o suficiente para me fazer gemer,acenei que sim com a cabeça e ele abriu o zíper.-Ainda não. Ele riu aumentando a velocidade de seus movimentos.
-Chanyeol por favor... Minha voz saia falhada e tremida.
Ele negou com a cabeça enfiando seus dedos mais fundo em mim.
-Eu quero mais amor.
Aquela frase foi o suficiente para que ele fizesse o que eu queria. Ele terminou de se despir e se ajeitou na cama.
Ele me penetrou sem dificuldade alguma,soltando um grunhido de prazer.
Seu quadril se movia rapidamente e sua força era descomunal.
Quem ouvisse meus gritos podia pensar que Chanyeol estava me agredindo.
-Chanyeol me solta. Pedi erguendo o
corpo na cama,eu preciso toca-lo,não  aguento mais ficar amarrada a essas cordas.
-Será que eu devo? Ele diminuiu o ritmo das penetrações.
Acenei que sim com a cabeça e ele inclinou o corpo sobre o meu soltando minhas mãos,eu ainda não alcançava seu corpo. Mesmo assim o maior voltou a me penetrar,nosso gemidos eram profundo e nossos corpos suados,as mãos de Chanyeol agarram minha cintura me erguendo na cama e aumentando o ritmo das estocadas.
Ele desamarrou minhas pernas colocando as sobre seus ombros e se apoiando na cabeceira da cama,suas expressões de prazer e seus gemidos roucos só me davam mais prazer. Fechei os olhos aproveitando a sensação de te-lo dentro de mim.
Cravei as unhas em seus braços chegando ao meu limite,depois disso meus orgasmos colidiam um com o outro.
-Aah caralho S/n... Seu liquido quente preencheu minha intimidade.
Minhas pernas totalmente fracas caíram um para cada lado de seu corpo e Chanyeol deixou seu corpo cansado cair sobre o meu.
-Da próxima eu que vou te amarrar. Falei mexendo em seus cabelos escuros.
Ele riu acariciando o bico de meu seio com a ponta dos dedos.
-Eu adoraria.
Senti meus olhos pesaram devido ao cansaço do exercício que havia feito recentemente. Chanyeol puxou a coberta sobre nós e beijou minha barriga. Peguei no sono sentindo os dedos do maior passearem por meu braço e cintura.


Notas Finais


Bom é isso ne,espero que tenha gostado,se não gostou paciência


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...