História In a World Like This - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Backstreet Boys
Personagens AJ MacLean, Brian Littrell, Howie D, Kevin Richardson, Nick Carter
Tags Backstreet Boys
Visualizações 68
Palavras 778
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem...
Nunca gostei da Taylor(acho ela chatinha,mas gosto de umas músicas)seria uma inspiração para criar a " irmã" da Liv.
Perfect foi minha inspiração para esse capítulo.

Capítulo 7 - Reunião de família.


Fanfic / Fanfiction In a World Like This - Capítulo 7 - Reunião de família.

“Ei pai, olhe para mim
Pense de novo e converse comigo
Eu cresci de acordo com seus planos ?
Você acha que eu estou perdendo meu tempo
Fazendo as coisas que eu quero fazer ?
Mas dói quando você desaprova tudo
E agora eu dou duro para ser bem sucedido
Eu só quero te deixar orgulhoso
Eu nunca vou ser bom o bastante para você
Eu não posso fingir que eu estou bem
E você não pode me mudar “

Quando chegamos no apartamento me surpreendi.

Estavam todos lá..

Papai,Denise e Camila.

Denise me abraçou emocionada agradecendo a Deus meu retorno.

Meu pai comprimentou com a cabeça e Camila deu de ombros.

-então a irmãzinha má voltou da prisão-falou irônica.

-então a irmãzinha vaca veio?

-precisava ver com meus olhos...que papelão Liv.

-cadela..

Denise veio até nós me oferecendo água quando Cam disparou.

-ela gosta de whisky mamãe.

- chega Camila-Denise se colocou entre nós duas- deixe sua irmã em paz.

-ela não é minha irmã

-ela não falou nada demais amor-papai interrompeu-todos aqui sabemos que Liv é assim...para e volta..

-por favor Thomas-Denise suplicou-Liv precisa de apoio e não de críticas.

Fiquei em silêncio ,as palavras duras trouxeram lembranças amargas do passado.

-se ela seguisse o exemplo da irmã-ele levantou a voz-mas não ela se tornou isso que vemos agora.

-uma viciada-minha irmãzinha disparou.

-chega-gritei-o que vocês dois vieram fazer aqui?eu não quero vocês aqui saiam agora!

-mamãe insistiu-camila revirou os olhos.

-não quero ver vocês nunca mais-segurei as lágrimas e Chris segurou minha mão- Thomas eu sou assim porque você me tornou esse monstro horrível...preferiu amar ela que nem é sua filha..me culpa pela morte da mamãe

Senti meu rosto arder com o tapa que levei,Camila olhava satisfeita e Denise colocou as mãos na boca.

-velho escroto-chris gritou indo para cima dele-seu babaca!sai da minha casa.


“Porque nós perdemos tudo que temos
Nada dura pra sempre
Desculpe,
Eu não posso ser perfeito
Agora é tarde demais,
E nós não podemos voltar atrás
Desculpe-me
Eu não posso ser perfeito”


(...)


-sinto muito querida-Denise me abraçou.

-tá tudo bem,já me acostumei

Chris veio e me abraçou sentando do meu lado,trazendo um copo de água e uma bolsa de gelo.

-não deixe isso te colocar para baixo-ele sorriu-você tem a nós dois.

-obrigada-comecei a chorar

-nós te amamos Liv-Denise sorriu-e vamos sair juntos dessa.


“Eu tento não pensar
Sobre a dor que eu sinto por dentro
Você sabia que era meu herói ?!
Todos os dias que você passou comigo
Agora parecem tão distantes
E parece que você não se importa mais “


(...)


Denise foi para o restaurante.
Chris andava de um lado para o outro nervoso.Sentei no sofá colocando a mão no rosto,estava doendo e inchado.

-que recepção!-suspirei

-essa Camila é uma cretina-meu amigo bufou.

-desculpa pelo papelão…

-a culpa não foi sua querida-me lançou um olhar terno-mas me diga, vamos mudando de assunto?você tem que se animar

-o que quer saber?

o que rolou com Aj?ele falou algo?nunca mais falou dele..

Meu coração se alegrou e por segundos esqueci tudo.

-bem...ele me deixou seu telefone

-liga para ele!-Chris falava tão animado que me dava esperanças

-não quero parecer apavorada-dei de ombros.

-que têm mulher!-ele sentou do meu lado-ele é gostoso e vocês se beijaram..e você chegou faz duas longas horas e nem procurou o bofinho

-nós transamos..foi rapidinho-fiquei vermelha-ele subornou o enfermeiro por uma hora..

-o queeee?-ele gritou- como não me disse nada?

-eu..eu..

-foi bom?

-foi rápido-falei baixinho-sabe que os enfermeiros vigiavam o tempo todo..

-se ele deixou o telefone é porque quer que ligue…

Chris me olhou com cara de cachorro sem dono e me jogou o celular.

-não custa tentar…

-ta bom..

Tirei o papel do bolso e disquei lentamente os números.Minhas mãos tremiam segurando o celular.chris olhava impaciente.

Chamou uma,duas..três vezes e ele atendeu.

-alô?-falou do outro lado.

-Alex?-falei quase sussurrando

-não ele foi almoçar com Howie esqueceu o telefone...quem é?

- é a Liv-falei quase engolindo as palavras.

-a Liv do Alex!-sua voz ficou mais alta-é o Brian

-oi Brian

-como você esta?

-bem..cheguei hoje em casa, pode dizer que eu liguei?

-claro Liv,passo o recado.

Desligamos.

Chris me olhava sério.

-então?

-Brian atendeu…

-daqui a pouco ele liga.

-será?

-claro que sim!

-o que vamos fazer hoje?

-podemos arrumar esse cabelinho horrível que acha?

-ta tão feio assim?

-ta um desastre.

-nossa…

-sua sorte é que tem um amigo maravilhoso como eu.

-algo ao meu favor.

Chris era meu melhor amigo desde sempre,foi a melhor coisa que me aconteceu depois de Denise,não sei se estaria viva sem a interferência de ambos.

Todo o tempo que passei na clínica... terapia,desintoxicação e aprendendo a voltar a sociedade.

Isso não seria em vão..e também tinha Alex..por  meses ele foi meu total apoio.

E por dois meses pensei nele todos os dias...


(...)


Sai do banho e meu telefone tocava.”Número desconhecido”

Era só uma mensagem..


“Boa noite Liv.

Feliz que tenha saído,o mundo real continua o mesmo?

Estou fora da cidade por uns dias,assim que voltar nos vemos?.

É uma promessa lembra?

Sei que deve estar comemorando com seus amigos sua saída,fico feliz por isso.Pensei em ligar mas é um pouco tarde.

Tenho que compensar algo e uma hora não foi o suficiente.

A.”


Notas Finais


Espero que tenha agradado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...