História Inimigos ↔Jikook - Capítulo 177


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Jiminjungkook, Minkook
Visualizações 698
Palavras 919
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Fantasia, Festa, Hentai, Lemon, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 177 - Sou melhor ?


[...]

Naito chegou em sua casa , sozinho como sempre , subiu para seu quarto e se sentou na janela , aquela manhã era nublada , acendeu um cigarro e colocou entre os lábios , fumava enquanto observava o céu , seu quarto estava uma bagunça ; roupas no chão misturadas com folhas e pequenos papéis amaçados , além das partituras de música.

-Que saco!-Soltou por seus lábios a fumaça enquanto olhava para o céu ; pessoas fumavam por diversão ou motivos que para ele eram banais , como fazer parte de um grupo social.

Naito não...Ele envolvia aquele veneno em seus lábios para se acalmar e para poder morrer , nada em sua vida valia a pena para continuar levantando todas as manhãs ; por tal motivo esperava pelo dia que aquela droga lícita o levasse para a cova.

 Desceu da janela e caminhou  até a mini geladeira de seu quarto , sobre ela tinha uma garrafa de café e uma xícara ele abriu a garrafa e encheu o copo , bebeu enquanto fumava observando o céu cinzas da janela de madeira de seu quarto.

Abriu devagar os botões da camisa , seu corpo era bonito para um garoto que passava todas as tardes bebendo café e fumando desejando não acordar.

Viu o carro da sua tia parar na garagem , suspirou e desceu da janela , ela odiava o ver fumando , acendeu outro cigarro com seu isqueiro Zippo de prata com detalhes em preto ,  se sentou no chão ao lado da cama , o cheiro do cigarro se empreguinava em seu quarto , virou todo o copo de café e fechou seus olhos.

-Nada nunca muda...Isso é tão patético !-Se levantou e colocou o café na mesinha , guardou o maço de cigarro e caminhou para o guarda-roupa , vestiu uma camisa branca , se perfumou e saiu.


[...]

Jimin foi para o refeitório relaxar e comer , assim como  os outros , assim que chegou viu Jackson , se sentou ao lado do mesmo.

-Oii.-Fala Jackson animado , Jimin sorriu.

-Não sabia que trabalhava aqui!-Jackson sorriu e o olhou para ele ao ouvir aquela afirmação.

-Vish faz um bom tempo !-Fala rindo , Jimin sorriu.-Trabalho como o segurança do trabalho.


[...]

Jungkook se sentou em sua mesa com o café em mãos , HyunA entrou na sala dele e se debruçou sobre a mesa do mesmo enquanto ele fazia seus deveres , olhou para ela e arqueou sua sobrancelha , o decote da garota deixava exposto seu sutiã vermelho , ele suspira e vira o rosto para o lado para não ver aquilo.

-HyunA pode dar isso ao Jimin para ele dar baixa para mim!-Ela pega os papéis e assente.

-Não quer que eu mesma faça Jungkook ?-Fala em um tom ousado.

-Não !-Afirma direto , ela Suspira.

"Ele continua difícil..."-Pensa  HyunA , a mesma saiu da sala , Jungkook suspira e desabotoa sua camisa.

Estava distraído quando fechou seus olhos , suspirou e jogou a cabeça para trás.

-Ahhh eu estou tão cansado!-Suspira profundamente e exaustivo.

-Licença Sr.Jeon !-Jungkook olhou para Jimin.-Nossa...-Jimin se vira de costas e cora , Jungkook fechou os botões. 

-Sim.

-Devo me virar ?-Jungkook riu.

-Claramente sim !-Jimin se volta para ele e leva os papéis , saiu da sala em seguida , Jungkook acompanhou aquele rebolado , era lindo para ele.-Mas é abusado !-Afirma , Jimin andava de uma forma graciosamente lenta , aquilo parecia pura provocação , mal sabia ele que era.

Suspirou e caminhou até o ar condicionado o ligando.

-Eu preciso de ar...


[...]

JiHyun sorriu ao sentir Yang o segurar pelo braço e o derrubar na grama do parque , encarou os olhos de Yang e sorriu mais largo.

-Yang...-Ele toca o rosto do mais velho.-Eu gosto de você!

-Eu também gosto de tu JiHyun...

-É...-Deu um selinho em Yang e corou-Eu gosto do seu jeito !

-Hummm...Sou melhor que o Naito para você? -JiHyun arregalou seus olhos.

-Que pergunta é essa ?

-Responde...-Pediu o encarando curioso.


[...]

Naito retornou para sua casa durante a noite , o menino estava quase desistindo de andar , entrou no quarto e começou a tocar o piano que estava no canto do mesmo.

Sua tia empurrou devagar a porta seguida pelo som ,  ela o observou ,  via nele o reflexo de si mesma , uma pessoa sem sentindo , a diferença era que Naito tinha dons , dons extraordinários envolvendo a arte ; o rapaz desenhava , pintava , dançava , cantava , e tocava 5 diferentes instrumentos , era uma pena não enxergar um futuro.

O menino começou a cantar enquanto tocava , ele sentia , era nítido que o único momento que sentia algo era tocando seu piano , quando deixava as palavras saírem de sua alma , tudo o que o machucava tudo o que o fazia mau , seu mundo ganhava cores quando seus dedos dançavam sobre o piano , pena ser pouco tempo , pena esconder seus dons , pena desejar morrer , ele parou de tocar e pegou seu caderno escrevendo as notas , colocou o mesmo frente a si e tocou cantando.

-Naito...

-Tia !-Ele parou de tocar e olhou para ela.

-Não quer dar uma volta ?-Pergunta.

-Não sei.-Ela sorriu e o puxou o abraçando , foram juntos caminhando , assim que entraram em um parque Naito viu JiHyun e Yang , se paralisou e ficou os olhando , aquele contato todo , era o que ele queria ter com JiHyun , todo aquele clima.

-Naito ?-Ele olhou para a sua tia e suspirou.

-Tia , vamos embora ?-Ela franziu o cenho-Estou exausto !-Ela assentiu e ele caminhou para longe daquela cena , nada o machucava , porém JiHyun conseguia.



 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...