História Inspire...Infires?(Min Yoongi) - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Visualizações 53
Palavras 491
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Cross-dresser, Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - 15


Fanfic / Fanfiction Inspire...Infires?(Min Yoongi) - Capítulo 16 - 15

Senti os braços de Yoongi agarrarem a parte de trás do meu joelho e minhas costas, me erguendo do chão. Seus músculos se contraíram por causa do meu peso. Coloquei as mãos em seu pescoço e me afundei ali, inalando seu cheiro e a sensação da sua pele. Aquele contato com ele me acalmava de alguma maneira, as dores continuaram, mas não com tanta intensidade.

 

                                                                              ***

-Acha que consegue aguentar até o hospital? – Ele me perguntou, colocando-me sentada no banco do carona. Assenti fracamente, sem conseguir respirar direito. Descansei minha cabeça no encosto, fechando os pesados olhos. Escutei Min entrar e fechar a porta, não hesitando ao ligar o carro e acelerar em direção ao lugar. – Deveria ter me ligado quando se sentiu mal.

-Desculpa…

-Tudo bem. Da próxima vez não se esquece disso, por favor. – Mesmo com os olhos ainda fechados, podia sentir Yoongi me observando algumas vezes.

O carro estava acelerado, muito inclusive. O rádio estava desligado, deixando com que minha respiração pesada e descompassada enchesse o ar. Min nunca esteve tão quieto, mas para falar a verdade, nunca o vi tão preocupado. Juntando a força dentro de mim, toquei sua mão que ainda permanecia no volante.

Suas mãos estavam tensionadas, igualmente a todo o resto do seu corpo. O garoto mal respirava, os lábios contraídos em uma linha fina. Assim que o toquei, pude vê-lo dando um pequeno, e quase imperceptível, pulo. Seus olhos encontraram os meus por um décimo de segundo.

-Obrigada. – Foi a única coisa que consegui dizer, com a cabeça virada para baixo. Querendo ou não, havia acabado de vomitar. Ele sorriu de forma fraca, acelerando ainda mais o carro.

Quando chegamos, não tive tempo para sair do carro sozinha. Yoongi saiu mais rápido e me pegou no colo novamente. Enfiei minha cabeça em seu pescoço de novo, sentindo seu calor contra minha pele. Pus as mãos ao redor do seu pescoço o trazendo para mais perto. Meu corpo balançava para cima e para baixo enquanto Suga corria até a porta.

Escutei-o falando com a recepcionista, e felizmente iríamos ter que esperar apenas uma pessoa até que nossa vez chegasse. Suga se sentou em um banco e me colocou no outro ao lado, deitei minha cabeça em seu ombro e senti sua mão ao redor da minha cintura.

-Estou preocupado. E se for alguma séria? – Ele falou com a cabeça deitada na minha.

-Vou ser obrigada a enfrentar, se não quiser… Sabe, ir embora. – Yoongi me apertou mais ainda contra si.

-Vou enfrentar com você se for mesmo uma coisa séria. Não te deixaria sozinha nem que alguém me pagasse com todo o dinheiro do mundo, você vale bem mais que tudo isso. – Não consegui responder. O conflito de sensações dentro de mim era quase inacreditável. – Pode dormir se quiser, vou ficar acordado.

-Não, estou bem.

-Você está tudo, menos bem. Por isso estamos aqui.

-Suga…

-O que? – Seus olhos encontraram os meus.

-Eu t… 


Notas Finais


Caso queiram ler minhas outras fics o link esta aqui:
https://spiritfanfics.com/perfil/namjoonie_s2/historias


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...