História It's not a Fairy tale - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 4
Palavras 816
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Magia, Mistério, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Estupro, Incesto, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hello meus leitores fanáticos por suspense (e shipps), faz tempo que eu tento fazer uma Fic, mas duas coisas me impediam:
Tava com preguiça
Tava sem tempo tbm, então não dava nem pra ter preguiça.
Fora isso, boa leitura.

Capítulo 1 - Bem vindo a WinterLake


•Avião, destino WinterLake, 03:47•

WinterLake, parece ser uma cidade bem tranquila. Dificilmente se encontram paz e tranquilidade.

Mesmo que,  essa cidade, seja conhecida por seu número anormal de desaparecimentos ou mortes macabras e violentas, de qualquer forma, não muda o fato de que assombrações não são reais.

No momento, no avião só há 5 membros da minha família, minha irmã de 22 anos, Claire, minha irmã de 16 anos, Emilly, e minha irmã menor, Lise, com 14 anos, Emilly e Lise estão lá no fundo do avião, enquanto eu e Claire ficamos aqui, mais ou menos no meio do avião.

Todos estão dormindo, ou eu que acordei cedo demais? Bom, não muda muita coisa, gosto das coisas calmas, assim não há necessidade de uma agitação em massa, bom, se não fosse por mim e Claire não teríamos saído da nossa antiga cidade, afinal eu tenho 19 anos, e ela 22.

Ron? Nós ja chegamos? ー Claire sussura pra mim, ela teve muito trabalho pra fazer e acabou ficando sem tempo pra descansar.

Não, fica tranquila, ainda não estamos perto de chegar, então pode voltar a dormir. ー Olho diretamente pra ela, que repousa no meu ombro, rapidamente ela dorme, enquanto joga todo o seu peso no meu corpo.

Família, isso nós não tivemos, nossa vida tem sido difícil desde que meu pai, Johanson, nos abandonou com nossa mãe em Idaho, de lá, viajamos até Ohayo, onde nossa mãe foi morta durante um tiroteio, desde então, eu comecei a cuidar de nós quatro sozinho, trabalhei mais de 3 anos, e Claire também, então, nós tínhamos uma herança em WinterLake, por isso viemos pra cá.

Ron, vem comigo até o banheiro? ー Ela levanta um pouco a cabeça enquanto pressiona suas mãos entre as pernas enquanto treme.

Você não foi no banheiro? ー Me levanto junto com ela, e andando cautelosamente, para não acordarmos ninguém, abro a porta, e ela para e fica me olhando.

Entra comigo? ー Entro sem hesitar, somos irmãos, não há nada de errado nisso, além de ela ser medrosa (Sim, ela tem 22 anos e morre de medo de ficar sozinha)

Você é bem medrosa, né? ー Mesmo que ela odeie ser chamada de medrosa, ela ri.

F-Fecha os olhos! Você não deve me ver, ok? ー Ela coloca a mão na frente dos meus olhos, enquanto escuto o barulho da calça dela caindo no chão, já estou vermelho, porém, tentando segurar a vergonha extrema. ーEu não consigo..

Ei, somos irmãos, não faz mal, pode tirar a mão do meu rosto? ー Ela tira a mão lentamente e desvia o olhar do meu rosto.

Vira de costas! Assim você não fica reparando no meu corpo. ー Viro de costas, e me ajoelho de modo que não possa ver nada.

Tic Tac Tic Tac~

Escuto enfim, o barulho da descarga, ela levanta as calças, mesmo de olhos fechados, se percebe que ela é meio desequilibrada.

Saímos do banheiro, rindo um do outro, enquanto andamos pelo centro do avião, até chegarmos aos nossos lugares, onde ela pega seu celular e começa a conversar com suas amigas, enquanto eu ligo o Notebook.

Ela apaga a tela do celular, onde ela repousa novamente, porém, ela se deita no meu colo, fecha os olhos e tenta dormir, enquanto me esforço para não acordar ela novamente.

Atenção passageiros, vamos pousar~

Enquanto todos acordam em seus devidos lugares, eu cutuco Claire, que parece ter desmaiado no meu colo.

ーClaire, chegamos. Acho melhor você acordar, por que precisamos pegar nossas coisas rápido. ー Levanto ao mesmo tempo que Claire, que me encara fazendo bico, mesmo assim, ela ainda parece um esquilo, não consigo ficar bravo com ela.

•WinterLake, aeroporto, 07:04•

Ah, finalmente consegui pegar todas as nossas coisas. Aqui é bem mais frio do que eu pensava, amanhã teremos de comprar mais roupas, sapatos, esse tipo de coisa, Claire está ligando para um táxi, Emilly e Lise estão brincando, enquanto eu, somente aguardo o táxi, ainda tentando me esquentar.

ーRon, você não tá cansado? ーEla olha para mim com um ar de preocupação, eu não dormi, portanto não é normal eu não estar com sono

FON!!!

O taxista buzina pra mim, eu não tinha percebido que ele estava ali há um tempo.

Claramente entramos no táxi, e Claire pediu pra ele nos levar para nosso novo endereço, por precaução, nós ja havíamos enviado tudo pra lá, então não há com o que se preocupar.

Incrivelmente estranho não é? Nós somos precavidos, estamos sempre 3 passos a frente, tecnicamente. Dificilmente nós perdemos competições de raciocínio.

ーÉ aqui? ーLise me empurra, enquanto Emilly cochila dentro do táxi, Claire desce, em seguida abre a porta dos fundos e leva Emilly no colo, eu e Lise vamos pra cozinha, somente eu e Lise sabemos cozinhar, ja a Claire cuida das roupas.

Entramos, enquanto o táxi vai embora, Claire coloca Emilly pra dormir, então, começa a arrumar nossas roupas, Lise também vai para a cama, enquanto preparo nosso café.

Amanhã nós vamos andar pela cidade, e talvez eu faça uma inscrição pra alguma faculdade aqui na cidade...



Notas Finais


Não tenho idéia do que escrever amanhã.
Isso é bom.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...