História IunyanTale - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Error Sans, Flowey, Frisk, Grillby, Ink Sans, Mettaton, Muffet, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Aus
Visualizações 20
Palavras 1.647
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Sobrenatural, Survival, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aqui meus caros leitores lindos está mais um cap... Então boa leitura e divirtam-se

Capítulo 4 - Victor, O lado negro de Jayce


Fanfic / Fanfiction IunyanTale - Capítulo 4 - Victor, O lado negro de Jayce

Blake P.O.V


Já haviam se passado algumas horas desde que o ataque dos rebeldes monstros havia começado pois eu junto com um pelotão de humanos e monstros estávamos patrulhando a floresta que divide Iunyan do monte Ebott e assim que fomos pegos em uma emboscada, então eu já estava ficando sem opções quando dois garotos um humano e um hibrido pularam de tras de uma pedra com suas almas irradiando poder e começaram a revidar os ataques dos rebeldes com blasters e feixes de energia, além de que ambos possuíam ótima habilidade em combate corpo a corpo, dando assim a oportunidade perfeita para um contra ataque que obrigou os monstros rebeldes a voltarem par o monte ebott e ficarem por lá ate que depois disso eu guando me aproximei deles perguntei de uma maneira direta


Blake: quem são vcs dois?


Sameki: eu me chamo Sameki, sou de RwdwTale é um prazer capitã Blake


Jayce: eu sou Jayce Alditore, é um prazer Blake * Jayce fala e da um sorriso*


Blake: Alditore né..... bem eu tenho que agradecer a vcs dois por terem ajudado a proteger meu pelotão dessa emboscada dos rebeldes, outra coisa como vcs conseguiram acumular tanto poder em suas almas daquela maneira * me lembro do que os dois foram capazes de fazer *


Sameki: aquilo.... bom podemos dizer que aquilo é um poder que só nos dois somos capazes de fazer, nos o chamamos de " Juramento de batalha"


Jayce: não temos como explicar como funciona , apenas fazemos acontecer * Jayce fala com uma certa insegurança de querer falar mais sobre a habilidade deles*


Quando todos aqueles que estavam feridos haviam recebido os devidos cuidados dos nossos médicos, eu assumindo a posição de líder novamente peso que aqueles guerreiros que ainda poderiam lutar continuassem enquanto aqueles que não estavam em boas condições voltassem para Iunyan e cuidassem dos mais feridos pois não seria uma boa ideia continuar aqui , então muitos dos guerreiros que haviam vindo comigo estavam voltando pois haviam sido realmente feridos no meio do combate pois os monstros da rebelião não hesitavam em medir esforços para acabar com as únicas pessoas que ainda poderiam proteger Iunyan, Então com isso aqueles que ficaram junto a mim seguimos caminho pela floresta para que pudéssemos ter certeza que não enfrentaríamos mais nenhum ataque surpresa, mas mesmo eu tendo foco na missão saber que um Alditora ainda estava vivo era realmente algo que eu não poderia acreditar mesmo que eu quisesse por que os últimos monstros dos alditores haviam sido mortos pela ultima guerra entre humanos e monstros, assim eu sabendo disso eu continuo a missão ate que quando chegamos nos limites do mundo eu sou surpreendida por uma pergunta de um dos guerreiros


Guerreiro: Blake.... por que ainda continuamos essa missão , já derrotamos os rebeldes..... não é?


Blake: quem dera fosse assim tão simples .... mesmo que derrotemos ele um milhão de vezes ele irão atacar ate que Iunyan seja desfeita por completa, separando os humanos e os monstros * Falo olhando para Jayce*


Jayce: o que foi Blake... algo de errado? * Jayce fala e da um sorriso gentil*


Blake: n-nada...... n-não.... v-vamos prosseguir * falei ficando corada com como ele tinha um sorriso lindo*


Sameki: ora ora... parece que seu sorriso gentil e amigável conquistou mais uma garota em Jayce * Sameki falava com uma cara meio pervertida*


Jayce: deixa de ser idiota Sameki, por que se for assim ele também te conquistou.... não se lembra * Jayce fala dando risada* bom aquela época era boa, não era


Blake: parece que a infância de vcs era bem divertida..... que com esse seu tom de voz Jayce parece que vc preferiria voltar para aquela época * me intrometi pois todos os guerreiros precisavam descancar*


Sameki: bom Blake .... de certa forma aquela época foi boa , mas por um incidente perdemos nossa melhor amiga.... então vamos deixar esse assunto aonde ele nunca devia ter saído né Jayce * Sameki fala parecendo meio irritado*


Jayce: gume.... eu vou voltar, não estou me sentindo bem * Jayce fala e sem que eu desse permissão ele sai andando *


Depois que Jayce saio eu como não queria causar uma nriga entre os dois chamei Sameki e pedi que ele fosse comigo caçar , enquanto os outros pegavam madeira para uma fogueira e preparavam as tendas porque iriamos passar a noite aonde havíamos parado para que pudéssemos estar bem descansados e preparados para o combate ate que quando eu e Sameki saímos para caçar nos ficamos alguns minutos ate que uma presa grande o bastante aparece e cai em nossa isca dando a oportunidade de que Sameki lhe acertasse com uma rajada de energia realmente poderosa fazendo com que a criatura morre-se na hora me deixando impressionada com o quão poderoso ele era, então assim que voltamos ao acampamento ficamos meio que preocupados pois não havia mais nenhum monstro ali assim como diversos cadáveres de humanos mutilados de diversas maneiras fazendo assim com que eu ordenasse Sameki a sair daqui pois como comandante não poderia deixar um pessoa de outra Au que estava aqui para ajudar ser morta pelo o que quer que tivesse feito aquilo com os outros guerreiros,  assim quanto nós nos aproximamos do local eu estavam me perguntando quem teria a força e a velocidade o suficiente para conseguir matar tantos soldados assim em questões de segundos de maneira tão brutal que acabou destruindo tudo que me fez dizer


Blake: mas que caralho fez isso com nossos guerreiros *falei eu meio preocupada*


Sameki: Hum... deixa eu ver um dos corpos , Acho que tenho uma certa idéia de quem fez isso * Sameki fala como se ja tivesse visto aquilo*


Blake: certo .... ah *Percebo que a um soldado ainda vivo e corro ate ele* Soldado.... soldado aguente firme,  o que aconteceu aqui?


Soldado: Não sei ao .... certo capitã. .. mas a única .... coisa que .... consegui ver foram... as presas e garras daquele monstro matando nossos companheiros *Ele fala praticamente morto*


Sameki: Me diga qual era a aparência desse monstro? *Sameki fala sério olhando para ele*


Soldado: .... a criatura , parecia. ...um... um tipo .... de felino. .. com várias caldas e real-realmemte enorme ..... * Ele fiz suas últimas palavras*


Blake: não. ... Droga é sacanagem, eu vou acabar com a raça desse coi- *Sameki me interrompe dando risada* qual é a graça seu babaca


Sameki: a graça é que mesmo que um batalhão de um milhão de humanos e monstros ataquem essa criatura , Não serão capazes de mata-la.... pois a criatura é a segunda personalidade do Jayce *Ele fala olhando fixamente para meus olhos*


Blake: Como assim, me explique isso?  *falei querendo enforca-lo*


Jayce: Deixa que eu mesmo explico isso * Jayce fala saindo se uma morte coberto de sangue*


* Algumas horas se explicação depois *


Depois que Jayce me explicou a situação eu estava meio que não acreditando pois era realmente difícil de acreditar que uma segunda personalidade seria capas de controlar o corpo e fazer com que ele tomasse uma outra forma, Mas por Jayce ainda ser um Alditore eu tinha que acreditar pois a família se híbridos Alditore era uma das famílias mais poderosas do mundo ate que um dia do nada eles desapareceram deixando de existir até hoje pois pude conhecer Jayce o último Alditore, então quanto voltamos para Iunyan percebemos que apenas nos havíamos perdido soldados pois o segundo grupo estavam inteiros pois os humanos mesmo não gostando de ideia de Iunyan tinham um certo respeito aos tratados de pás entre eles, Assim quando eu estava indo para o escritório dos jenerais eu peguei Jayce pela gola se seu pescoço e o levei até meus superiores que assim que o viram perguntaram meio em dívida quem era ele, Eu com uma cara meio irritada digo que esse garoto era o único Alditore que ainda estava vivo fazendo com que quando ela se tocassem que estavam perto de um monstro eles se afastaram assustados  me deixando surpresa,  Assim quando vi aquilo Taksumi aparece dizendo


Taksumi: Oi gente eu voltei com o relatório e.....


Blake: Taksumi.... Como vai ? *Falei me distraindo*


Taksumi: tsc.... * Taksumi ve Jayce* JAYCE !!!  O que aconteceu com vc ? 


Jayce: Eu estou bem , Na medida do possível *Jayce fala meio preocupado*


Capitão: Tire esse demônio daqui Blake,  É uma o-oooooo .... *O capitão fica apavorado ao ver o rosto de Jayce com seus olhos vermelhos*


Victor: Vc chamou quem de demônio sei projeto de monstro inútil * Victor fala com uma voz demoníaca*


Taksumi: J-Jayce , o que aconteceu com a sua voz ? 


Victor/Jayce: ah... Jayce?..... ha entendi , deixá eu me apresentar , Eu me chamo Victor Alditore.... sou a segunda personalidades dele e agora sou o controlador desse corpo pois ele é fraco em questão de alma .... hahahahaha


Blake: Sai fo corpo dele ... ande logo * falei como se eu me preocupa-se com ele*


(Na fala a baixo toda vez que aparece  J vai siguinificar que Jayce esta falando e quando aparecer V quer dizer que quem fala é Victor)


Victor/ Jayce: Ele não pode sair de mim. ... 

V: Se eu sair do corpo dele,  Vcs nunca mais verão o rosto dele... 

J: Eu assim que meus pais foram mortos eu acabei enlouquecendo pois não era grande o bastante para viver sozinho que acabei quase me matando com uma faça a minha alma *Jayce fala mostrando sua alma verde escuta se rachando infinitamente* ...

V: e dai que eu apareci,  Para que o último Alditore não morre-se os pais dele injetaram nele uma dose poderosa de ódio que acabou dando minha origem que quando ele estivesse morrendo eu com meus poder poderá manter ele vivo *Victor fala dsndo uma risada psicolatica*


Todos: O QUE!!!! * todos falam surpresos como eu*


Victor/Jayce: bom acho que ja chega, vou embora. ..

 V: Por que Jayce vc ja quer ir , Vamos quero matar eles.... 

J: Cala a boca, vamos e vc não vai fazer nada *Jayce falou isso e foi embora*.


Notas Finais


Bem é isso ... ate a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...