História Let's talk about: Obsession ??? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Rap Monster
Tags Bts, Jimin, Jungkook, Rap Monster
Visualizações 21
Palavras 952
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!!!


P.S. Se quiserem ouvir música enquanto leem eu recomendo uma: Fools - JungKook and Rap monster (cover)

Capítulo 1 - Tell me!!!


Fanfic / Fanfiction Let's talk about: Obsession ??? - Capítulo 1 - Tell me!!!

Eles conversavam, tinham conversas como qualquer conversa entre amigos, jogando besteiras fora. Faziam piadas, riam um da cara do outro sem motivo, falavam da família, falavam do emprego, falavam das músicas e até mesmo dos meninos.

 

Conversaram horas, até que por um momento ficaram sem assunto e o silêncio surgiu, mas foi quebrado pelo mais velho.

 

- Então Jimin, me conte mais sobre essa sua obsessão pelo Jeon – Disse Namjoon se ajeitando em sua poltrona.


- Que obsessão Namjoon hyung??? – O mais novo se fez de desentendido enquanto olhava para o céu do fim de tarde.


- Sua obsessão de sempre, sempre que o Jin hyung chega perto dele você já fica estranho – Ele disse sorrindo


- Eu não sou obcecado ok??? – Ele disse olhando nos olhos de Namjoon tentando convence-lo


- É sim


- Não sou...


- Não me faça insistir novamente – Namjoon disse em um tom ameaçador


- Hyung, entenda eu não sou obcecado, eu só gosto muito dele, mas do que eu deveria... Não é obsessão sorrir todas as vezes em que eu vejo ele, não é obsessão ficar nervoso quando estamos sozinhos juntos, não é obsessão ficar o encarando mortalmente quando algum dos hyungs está perto dele, não é obsessão ficar agoniado todas as noites em minha cama querendo saber se ele está pensando em mim assim como eu penso nele, não é obsessão passar noites em claro pensando no que falarei a ele no dia seguinte, não é obsessão escrever seu nome em folhas de caderno quando estou no tédio, não é obsessão pensar nele sempre que vejo um filme de romance, não é obsessão ficar mal sempre quando ele é frio, não é obsessão chorar quando ele sai sem me dar tchau, não é obsessão ter uma pasta só com suas fotos em meu celular, não é obsessão escrever tudo o que eu tinha para falar e acabar não enviando, não é obsessão escrever músicas para ele, não é obsessão contar as horas para velo novamente, não é obsessão pensar nele enquanto cantamos “l need u” durante os shows, não é obsessão escrever seu nome em meu braço com canetinha, não é obsessão uma foto sua sem camisa em meu fundo, não é obsessão me cortar por ele, não é obsessão ter que ir ao psicólogo toda quinta-feira por causa dele, não é obsessão entrar em depressão por causa de uma pessoa, não é obsessão ficar bravo sempre que ele não me dá atenção e fica no celular, não é obsessão querer saber com quem ele anda conversando, não é obsessão querer saber o que ele faz nos finais de semana, não é obsessão encarar seus lábios sempre que eu o vejo e quere-los para mim, não é obsessão ter pensamentos impuros sempre que o vejo, não é obsessão querer ter aquele corpo só para mim, não é obsessão sonhar com ele todas as noites.
Entenda hyung, ficar mal ao lembrar do dia em que eu dei aquele bracelete a você e a ele para simbolizar nossa amizade, e que eu nunca o vi usar depois do ocorrido, não é obsessão. Ficar mal ao lembrar daquela carta que eu escrevi a ele dizendo tudo o que eu sentia, ele ficou meses sem falar comigo depois disso e eu desabei, não é obsessão. Ficar mal ao saber que segundo vocês ele é muito frio para demonstrar seus sentimentos e que eu teria que me acostumar, não é obsessão. Ficar mal ao ver que ele só corre atrás de mim quando já estou indo embora, como se eu fosse um troféu, ele me exibe e depois me deixa de lado, quando alguém está prestes a me roubar ele me pega novamente, não é obsessão. Ficar mal ao ver que ele não se importa, não é obsessão.
O pior é ficar mal quando vocês me dizem que ele se importa mas não demonstra, que esse sentimento é recíproco mas ele não demonstra, que ele ficou mal ao saber que eu me cortei mas ele não demonstra. Tudo isso seria orgulho??? Ou medo???, nunca soube o que fazer, se eu faço o que vocês e meu coração manda, tentar investir ou se vou pelo lado dos meus outros hyungs e da minha cabeça, que diz não, pois sabem que eu vou quebrar a cara novamente.
O problema é que eu o amo, o amo mais do que a mim mesmo. Amo quando ele me abraça por traz, amo aquele sorriso que ele dá por algo que eu falo, amo a forma com que ele morde os lábios só para me provocar, amo a forma com que ele pega em meu queixo e me puxa para perto do seu rosto. Aquele garoto é um vício, sinto que não preciso cheirar droga alguma, só o teu cheiro me basta. A gente volta e separa, sempre por vacilos de uma das partes. O voltar é o que me incomoda, sempre voltamos mas eu quebro a cara novamente. Esse é o problema eu o amo tanto que sempre acabo voltando.
Então não venha me dizer que isso é obsessão, talvez até seja, em uns 20%, pois eu sei que existem pessoas que amam bem mais do que eu, essas sim são completamente obcecadas.
Eu não, eu não sou obcecado – Jimin terminou destacando a última fala


- Você é tão touxa – Namjoon falava enquanto tentava processar tudo o que o menor tinha dito


- Eu sei... – Ele disse dando um longo suspiro seguido de um riso.


- Não me parece. Jimin, pare de ser trouxa – Namjoon disse me olhando seriamente


- Você fala como se conseguisse esquecer alguém tão facilmente – O menor deu uma pausa – Eu sei que não esqueceu o Jin hyung até hoje.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!

Acho que postarei mais algumas histórias como essa, aliás, quem sabe eu continuo essa ahsuahsua


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...