História Loli pink - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi
Tags Gaaino, Incesto, Naruhina, Nejiten, Sasusaku
Visualizações 252
Palavras 1.300
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Harem, Romance e Novela, Seinen, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Volteiiiiiiii
Mina, ontem passei uma tarde de cão la na prova do Enem 😣 a pão e agua. Acreditem, cheguei em casa só o bagaço aquela prova levou tudo de mim, desculpem a falta de capítulo eu amo ta sempre atualizando 💟 fiquei feliz que gostaram do momento hot entre o casal fiquei nervosa escrevendo kkk bom, espero que gostem do que preparei pra hoje! Boa leturaaa

Capítulo 12 - Sentimentos em jogo


— Sasuke...? — Chamo seu nome logo quando acordo pois não o vejo do meu lado. Seguro a ponta do lençol e o levanto. Estou nua... então não foi um sonho. Nem poderia ser porque sinto minha intimidade dolorida e um pouco sujinha também.


Me enrolo e saio em sua procura, logo entrei em seu quarto e já pude ouvir barulho de água ecoando lá do banheiro, sigo, seguro na porta entreaberta e apenas ponho a cabeça. Ele estava mergulhado na banheira, a cabeça repousando na borda com os olhos bem fechados. — Sasuke? — Chamo de maneira suave para não assustar.


— Você acordou. — Ele fala arrastado com os olhos fechados. — Eu estava esperando por você, vem. — Nessa hora ele fita meu rosto e me convida a entrar na banheira com ele, logo depois volta a mesma expressão relaxada de antes. Eu deixo então o lençol cair sobre os meus pés e coloco um pé depois do outro e sento na outra ponta.


— Quando acordei pensei que tivesse sido um sonho o que aconteceu ontem à noite porque você não estava comigo. — Sasuke abre os olhos e precipita seu corpo mais perto do meu pra me dar um beijo. Aquilo foi tão bom.


— Não queria acordar você, hoje é sábado. — Fala de um jeito tranquilo quando tocou meus lábios e de novo ele volta a seu lugar, e isso me dá uma certa insegurança.


— Você está mais calado na sua. — Observei em voz alta. — No que você está pensando onii san? — Perguntei.


— Pensando em nós dois, eu preciso arrumar uma maneira da gente continuar juntos. — Ouvir aquilo me dá certa tranquilidade. — E você no que está pensando? — Ele joga a pergunta de volta.


— Em você. — Digo fazendo ele sorrir.


— Por um momento quando acordei eu achei que você fosse se arrepender de ter ido pra cama comigo quando acordasse. — Pela primeira vez ele demonstra certa insegurança em relação a mim.


— Confesso que também cheguei a pensar isso, caso acontecesse, acho que eu ficaria muito triste. Você não se arrepende do que a gente fez né?


— Não, claro que não. Foi maravilhoso fazer amor contigo. — Vejo um brilho obscuro no fundo de seus olhos, Sasuke ainda não tinha falado tudo o que sente.


— É só isso mesmo? — Tive que perguntar pra acabar com a dúvida.  


— Você parece preocupada. Não é nada relevante. — Disse.


— Deve ser coisa da minha cabeça, desculpe. — Escapei um risinho nervoso.


— Sabe Sakura, eu não queria tocar no assunto. — Faz uma pausa. — mas eu pensava que você era virgem. — Isso me deixa em alerta.


— E isso importa? — Exasperada, eu falo emendando uma palavra na outra.


— Não Loli, não importa porque eu amo você. Isso só me deixou assim. Não sei explicar. — Decepcionado?


— Onii san, só depois eu vim perceber que eu deveria ter esperado um pouco mais mas nunca pensei que o que vivemos ontem fosse possível e agora que estamos aqui, eu...  sinto muito.


— Ei, não fique pensando nisso não quero ver você triste, eu também cometi erros ok? — Sua expressão melhora, ele estava sendo sincero.  — Estava pensando... Quero te levar no cinema hoje.


— Urum. Vamos ver o que? — Ele dá de ombros.


— Vamos ver o filme que você quiser. — Diz me chamando com a mão. — Vem cá. — Me acomodei entre suas pernas e colei minhas costas contra seu peito quente. Ficamos parados um momento só aproveitando a água.


— Você me surpreendeu sabia? — Digo enquanto Sasuke põe meu cabelo de lado e enfia o rosto em meu pescoço a beijar meu ombro e toda extensão das costas.  


— Te surpreendi como...? Fala pra mim Loli. — Senti algo se tornar rígido e revirar contra minhas costas. Céus, sua sexualidade está a flor da pele.  


— Nunca tinha visto você sem roupas antes,  sua... você me surpreendeu porque é bem grande. — Sinto sua língua quente me causar arrepios. — Você tem um p⋇u muito lindo irmão. — Sorrio. 


— A partir de agora meu p⋇u é todo seu. — Sinto seu membro lindo ficar perfeitamente alinhado na vertical pressionado contra minhas costas.


— Eu acho bom mesmo. — Reafirmo e ele me olha com perplexidade.


— Ei, eu nunca trairia você, agora somos só você e eu. Você é minha Haruno Sakura. — Sasuke é carinhoso com seus beijos vagarosas e molhados e também selvagem com suas carícias luxuriosas insaciáveis.  


— E você é só meu Uchiha Sasuke, não divido com ninguém. — Repito e isso é uma promessa. — Quero ficar com você pra sempre, mesmo se-...


— Não vamos pensar nisso agora. — Ele me trata com carinho e me acaricia em um certo ponto lá embaixo usando sua mão boba, é quando minha barriga faz um ruido e ele acha graça.


— Para de rir tá me deixando sem graça. — Jogo água na cara dele. —... Eu tô morrendo de fome.


— Então é melhor você se apressar ou eu posso animar demais aqui. — Alerta com um sorriso safado.


— Eu não estou nem um pouco apressada. — Digo mordendo o lábio.


— A não? — Pergunta desdenhoso. — Então não tem problema eu te beijar um pouco mais. — Ele me beija por cima do meu ombro, Sasuke faz eu me endireitar e sentar em seu colo devidamente,  passo então meus braços em seu pescoço depois mergulhamos na banheira sob a espuma e fazemos amor de novo.


-



-



-


— Tá pronta? — Me pergunta é eu assinto. — Então vamos. — Apago as luzes da sala e saímos depois de trancar a porta. Sasuke estava lindo vestindo seu jeans azul e camisa branca, é notório que ele está feliz. Ele tem o sorriso maroto nos lábios que faz eu me encher de paixão.  


— O que acha de “um amor pra recordar?” — Pergunto, o filme estava sendo exibido pela milésima vez.


— Eu quero o que você quiser. — Ele diz olhando cúmplice, sei que estava querendo me dar um beijo mas tal demonstração em público não seria nada legal.


Como sempre, esse filme faz eu me debulhar em lágrimas, minha atenção estava focada na telona quando ouvi Sasuke pigarrear do meu lado instantaneamente meus olhos rolaram para ele mas parecia bastante concentrado também.


Exceto que esticava a mão no braço do assento movendo os dedos como um sinal. Sorri com aquilo depois repousei minha mão sobre a dele depois entrelacei nosso dedos e Sasuke sorriu também, era isso que ele queria pareciamos um casal de namorados apaixonado.


— Vamos passar em algum lugar pra comer. Estou morto de fome. — Diz passando o braço por cima do meu ombro.


— Acho ótimo. — Digo a medida que andamos juntos entre as muitas pessoas que circulavam na calçada do cinema. Entramos no carro e partimos de la.





Em outro ponto da cidade.


— O que há de errado hoje com você? Kurenai? Eu fiz tudo que me pediu, comprei flores até levei você no cinema e assistimos aquele filme. O que mais você quer?  — Um homem cansado de beijar uma mulher atipicamente fria olha de soslaio para ela depois de dizer essas coisas. — Hein? Me diz. 


— Idiota, não entendeu nada mesmo. Eu nao estou no clima me deixe em paz. — Ela fala pessimista afastando o pobre homem, parecendo preocupada com algo.


— Já chega, eu estou indo embora. — Ele veste a camisa e trilha o caminho que da até a porta e desaparece.


Sasuke... — E uma fileira de lágrimas caem de seus olhos feito uma cascata. 


Notas Finais


Eiiiiiii não vá embora ainda, me diz o que achou 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...