História Love is not over - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bts, Jeon, Jungkook, Titiakimnari
Visualizações 106
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eita galero do meu kokoro..
NÃO
PERA!
KE?
É ISSO MERMO BIG HIT?
200 VISUALIZAÇÕES?
PERA QUE EU TO NO TETO
O CHÃO ESTÁ ME REJEITANDO.. 😢😂😂😂

EU JÁ AMO VOCÊS A PAKAS

Capítulo 9 - Mil vezes droga


¤Jin on¤ 

 Pego as malas no carro de Kim e subo até o quarto de Hóspedes que ela resolveu ficar. Abro a porta e escuto o barulho do chuveiro, coloco a mala encima da cama e caminho até o banheiro. Quando eu ia bater na porta sinto um cheiro forte de Sangue. Abro a mesma com brutalidade e vejo uma das piores cenas de minha vida.

 Kim segurava uma navalha enquanto seus braços tinham Duas linhas cheias de Sangue na vertical. Ela estava deitada no piso branco, que já não estava tão branco pelo seu sangue. Ela tentava manter os olhos abertos mais não conseguia. Corro até a mesma e vejo que ela estava perdendo a pulso. 

 Droga, MIL VEZES DROGA.

 Pego a mesma no colo e corro até um quarto que parecia mais um quarto de Hospital. Deito ela na maca e pego meu celular. Disco o número de Namjoon e o mesmo atende com rapidez.

 -NAMJOON PELO AMOR DE DEUS, VOLTA PRA CASA. KIM TENTOU SUICÍDIO DE NOVO. -Grito chorando. 

 -QUE? calma, daqui a pouco eu to aí. -Diz e logo ouso barulho de porta de carro batendo.

 -Corre por favor. Avise a Yoongi e mande ele avisar aos outros. Preciso de Jimin aqui. Ele é Especialista em veias. -digo chegando o pulso de Sook novamente e constatando que estava diminuindo os batimentos -Namjoon ela ta morrendo. -Digo ja chorando.

 -Ela não vai morrer. Nos não vamos deixar. -ouso barulho de pineu raspando no Chão. -To chegando. Desliga. 

 Ligo os aparelhos e começo a fazer os procedimentos necessários. Faço massagem cardíaca pro coração dela da uma acelerada.

 Funcionou. No momento eu só posso fazer isso. Tentar manter os batimentos cardíacos dela. enxugo os ferimentos e os analiso. Profundos. Isso não, onde diabos ela conseguiu a navalha? Suspiro. Preciono o corte para que o sangue pare. Analiso os olhos dela. Retina contida. Bom sinal. 

 -E aí? -Namjoon pergunta colocando o estetoscópio no peito dela e ouvido os batimentos- , estão mais fracos mais ainda sim, está estabilizado 

. Logo ele começa analisar o ferimento.

 -Vamos tentar uma trasfusao emergencial.. -digo pegando as coisas necessárias e indo no banco sanguíneo que eu tinha em casa. (Tudo legal, deixo claro) 

-Precisamos fechar o ferimento primeiro. -Diz Namjoon ja Com a agulha e o náilon em mãos. -me ajude aqui.

 Corro até o mesmo e seguro o braço frio de Sook.

 -Não dá pra vê a veia, ou seja, isso é bom sinal. -Diz começando a pontuar. 

 Logo termina colocando um curativo no local. Partimos para o outro braço, Fizemos o mesmo procedimento. Começamos a transfusão, graças a Deus que o sangue dela Tinha aqui. Tudo certo até aí, 

sinais vitais? Estabilizado.

 Logo escutamos uma gritaria no andar de baixo seguido de pesadas na escadaria. Logo a porta é aberta por um Jimin desesperado.  

-O que aconteceu? -pergunta analisando o braço dela. 

 -Corte semi profundo, sem exposição da veia. -digo 

 -Sinais vitais? -Jimin pergunta.  

-Estabilizados. Vamos tentar uma transfusão emergencial. -Namjoon diz. 

 -Hoseok me disse. -Jimin diz..

 pera! Comoassim? Como Hoseok sabia? Preparo a bolsa de Sangue e logo começo a Injetar o sangue no corpo dela.

 -Vou no hospital buscar algumas coisas que irão ajuda aqui. -Diz e logo desce.

 Ficamos encarando Sook.

 -Seria melhor nos darmos um analgésico a ela, pra cessarmos a dor. -Diz Jimin. 

 -É melhor mesmo. Montei o soro e esperei a transfusão acabar. Acabou e eu ja injetei o soro com o remédio.

 -Onde será que ela conseguiu essa navalha? -pergunto a encarando.

 -Jungkook disse que viu algumas na bolsa dela -Diz bufando. 

-Preciso falar com ele. -Digo.

 -É melhor. -Diz. 

 -Vamos deixar ela descansar. -Digo

 -Vamos. 

 Saímos do quarto e descemos. Todos estavam no sofá e se assustaram ao ver meu jaleco sujo de Sangue.

 -Como ela ta? -Jungkook pergunta. 

 -bom, os batimentos cardíacos dela deram uma despencada grande, O que nos leva a cre que ela perdeu muito sangue. Fizemos uma transfusão emergencial rápida e agora ela ja está melhor. Agora ela está dormindo. -digo olhando para o mesmo. 

 -Eu posso vê -la? -pergunta receoso.

 -no momento não. -digo apertando o  ombro dele. -assim que for possível você vai vê -la, tudo bem? -ele assente. -bom, preciso conversar com você em particular. Me acompanhe. -digo indo pra cozinha. 

 O mesmo me segue. Peço pra ele se sentar enquanto eu pego um copo de água e bebo.

 -Diga Jin. -Diz receoso. 

 -Kim teve recaída da síndrome e pelo que parece, tentou suicídio. Não sei se você sabe mais ha diferença entre os dois casos. A Síndrome de Curt é quando a pessoa corta o braço na linha horizontal, ou seja, não tem risco de morte apenas de dor. Já o que a Kim fez foi diferente, ela cortou os dois braços na Vertical, o que me leva a crê que ela tentou suicídio. -digo com calma ao ver que o mesmo chorava. 

 -Tudo culpa minha. -começa a chorar. 

 -Jungkook, sei que tá difícil, eu sei que você ama ela demais, mais o que você fez foi ridículo. CARALHO Jungkook, eu sempre fui a 'Omma' do grupo, tentei te aconselhar mais você não escutou.. QUAL É O SEU PROBLEMA? -Digo um pouco mais alto. 

 -Eu não sei. -Diz choroso. 

 -provavelmente você não foi o único motivo. Tá chegando a maldita data e é nesses dias que ela precisa de mais suporte nosso,de mais carinho, de mais atenção. Vamos tentar fazer isso, tudo bem? -ele assente- Bom, eu não quero ver vocês separados, ou seja, tenta reconquistar ela, tenta dar suporte a ela, e se você a machucar.. Eu te juro Jungkook, eu nunca te bati tanto quanto eu vou bater se eu ver ela chorando por você de novo.-digo sério. 

-Ok Jin, obrigado por salvar ela. -Diz me abraçando. 

-Não há de que.. Eu fiz o meu trabalho. -digo fazendo cafuné na cabeça dele. 

Logo o mesmo volta pra sala e se deita no sofá. Subi pro meu quarto e tomei um banho. Tirei aquela roupa suja e vesti uma limpa. Caminhei até o quarto onde Sook estava e vi que a mesma dormia serenamente. Dei um beijo na testa dela e desci de novo. Afinal, eu ja estava com fome. 



Notas Finais


Oieee de novo meu povo.. VOCÊS VIRAM OS ANÚNCIOS DO NOVO MV DO BTS?

PORRAAAAA SO EU QUE TO NO NÚCLEO DA TERRA?

SINTO QUE VOU NADAR NAS MINHAS LÁGRIMAS QUANDO O ESSE MV SAIR..

O JUNGKOOK VAI ESTAR DE CADEIRA DE RODAS GENTE.. EU VOU MORRER DE CHORAR.
#LOVE_YOURSELF


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...