História Madara Asmodeus - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias High School DxD, Naruto, Originais
Personagens Akeno Himejima, Asia Argento, Azazel, Ddraig, Gabriel, Grayfia Lucifuge, Issei Hyoudou, Madara Uchiha, Rias Gremory
Tags Akeno, Asia, Grafya, Koneko, Kuroka, Madara, Naruto, Rias, Sera, Sona
Visualizações 73
Palavras 1.045
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Fantasia, Harem, Hentai, Magia, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Cap novo guys, desculpe a demora para posta.

Capítulo 23 - Luta pela mão da noiva. Parte 1


Eu dou um pequeno sorriso "Não me decepcione, já que eu tô precisando fazer algum exercício" eu dou um sorriso zombando dele "Vamos lutar aqui ou em outra local".

 

 

Ele então estalou seus dedos então apareceu um círculo mágico que cobriu toda a sala, e fomos transportados para outro local, que para minha surpresa estava cheio de pessoas que pareciam está esperando um espetáculo (Droga parece que ele já tinha planejado me desafiar para essa luta, tudo foi um plano desde o começo, porém eu vou mostra a ele que não se deve brincar com o Madara).

 

Eu então dei um olha frio "Parece que você realmente ousou planejar contra mim" então eu dou um sorriso que faria com que as pessoas se sentissem como se estivesse na frente do seu predador "Mas infelizmente para você, você escolheu a pessoa errada para brincar, então vamos logo porque se eu tiver que continuar olhando para o rosto de vocês eu vou me matar" eu falei tirando a gravata e levantado as minha mangas.

 

Ele olha para algum lugar e depois da um sorriso malicioso "Vamos começa agora eu vou te ensinar a não se super estimar" ele então estalar os dedos e aparecer no meio da arena, eu simplesmente pulei lá de cima e pousei no chão com estilo.

 

Eu então fui para cima dele com um soco na direção do seu rosto, ele desvia então e ele da uma joelhada na direção do meu estômago, eu usei as minha mãos para defender e ao mesmo tempo me impulsiona, e no ar ainda eu dei um chute na direção do seu queixo, porém ele segura a minha perna e me joga na parede.

 

CRACCC!

 

Eu bati minhas costas na parede muito forte que até quebrou ela.

 

Eu me levanto e tiro a poeira dos meus ombros (Parece que não posso brincar muito com ele, mas isso até que é bom faz tempo que eu não lutou um pouco a sério) então eu ativo meu Sharingan e 3 tomoe apareceram, ele olha prós meus olhos de maneira confusa e atordoada.

 

Então eu vou correndo em sua direção mais uma vez, porém dessa vez eu não o subestimei e logo com um soco no seu rosto ele desviar, e devolve o golpe eu vi que eu não teria tempo para desviar do seu soco, e colidi o meu punho com o dele.

 

Eu fui empurrado para trás com o impacto, ele aproveitou e foi para cima de mim denovo com um soco na direção do meu rosto, eu mexo minha cabeça para desviar, porém não consegui escapar completamente e o soco pegou raspando, então eu senti a sensação de como o meu rosto queimasse, e eu senti a mesma sensação no meu punho.

 

Então eu dei um sorriso satisfeito (Parece que as habilidades do meu corpo atual ainda estão longe do meu pico, essa luta vai ser divertida) ele continua a ataca e eu desvio, e colocar uma grande quantidade de chakra nos meus punhos.

 

E vou começo a colidir os meus punhos com os deles que começaram a fazer um estrondo a cada colisão, cada fez estávamos aumentando a velocidade e a força dos nossos golpes, então ele da um sorriso brincalhão e concentra uma grande quantidade de mana na sua mão, que imediatamente foi coberta com uma chama enorme e muito destrutiva.

 

Eu também não perdi tempo "Raiton no Yoroi" gritei fazendo assim uma camada de relâmpago cobri totalmente o meu corpo, e os meus músculos se expandirem e as venhas aparecerem no meu corpo, para fala a verdade a dor era extrema esse corpo mal podia aguenta esse modo.

 

Então nosso dois punhos se colidiram fazendo um grande impacto, raios e fogo saíram e destruíram tudo por todos os lados, eu coloco mais chakra no meu modo, assim tento aumentado rapidamente a minha força, fazendo ele fica totalmente em desvantagem, porém ele não desistiu e colocou mais poder no seu ataque.

 

Eu dou um sorriso frio e concentro todo o Chakra que estava espalhado no meu corpo, só para o meu braço o aumento de força foi tão rápida e grande que escutei os ossos do seu braços se esmagando, e ele foi mandado voando e colidiu com a parede eu sabia que aquilo não era o bastante.

 

Então eu espalhei todo o meu Chakra pelo corpo denovo e fui na sua direção numa velocidade extrema, eu pode senti que os meus ossos estam quase quebrando, e os meus músculos iram se rasgar se eu continuar nesse modo por muito tempo.

 

Então eu não perdi tempo cheguei já chutando o seu peito, e esculto os ossos quebrado e começo o acerta com vários socos, e depois o levanto e dou um chute giratório nas suas costelas o enviando mais uma vez batendo na parede, o que fez um enorme impacto.

 

Eu dou um sorriso vitorioso e saiu do modo (Eu sabia que esse poder seria útil quando eu copiei ele, mas o estado deplorável que o meu corpo ficou não foi muito bom, estou com vários ferimentos nos músculos e ossos, até algum dano nos meus órgãos internos).

 

Eu pensei que tudo já tinha acabado e abaixei a minha guarda, então eu me virei e senti um enorme onda de energia vindo em minha direção, eu tentei desviar, porém o meu corpo simplesmente não conseguia então eu juntei chakra nas minha mãos e tentei defender, quando a energia colidiu comigo eu fui enviado voando.

 

Um estrondo enorme foi o efeito da minha colisão com a parede, eu senti como se os meus ossos da costela estivessem quebrados, eu não aguentei e cuspi muito sangue e esculto uma risada maníaca.

 

Levanto o meu rosto para olhar e vejo ele sorrindo, e sem ferimentos no seu corpo então eu fiquei chocado "Como é possível? Eu destruiu o seu corpo com os meus golpes, como é possível que você está bem?" ele da um sorriso zombador "Não importa o dano físico que você me cause, nos dá família Phenex sempre nos sempre vamos nos recuperar instantaneamente, então desista você não pode ganha".

 

Então eu dou um sorriso frio "Isso é o que vamos ver" falei levantando colocando a mão nas minhas costelas e fazendo uma posição de mão...


Notas Finais


Deixem o feedback.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...