História Maldito Skatista - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bottom!taehyung, Comedia, Comedia Romantica, Danones, Jihope, Kookv, Lemon, Namjin, Skatista, Taegi, Taekook, Top!jungkook, Vkook, Yaoi
Visualizações 1.119
Palavras 3.174
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii ❤

Falei no aviso (que já foi excluído, não precisa me bater Spirit) que voltaria rápido, e cá estou eu!

Como eu disse, eu estou amando ver vocês darem fav nas minhas outras histórias e comentarem em capítulos antigos nessa, isso me deixa muito feliz ❤

Estarei tentando responder todos, e se não achar algum, me avisem!

Ps. Não respondi os do cap de aviso porque ele seria excluído mesmo, mas eu li TODOS e fiquei super feliz com a compreensão de vocês, são os melhores leitores do mundo!


Então, sobre o capítulo .q
Eu gostaria muito que vocês comentassem suas opiniões, é um capítulo complicado (pra mim), e eu ainda tive de escrevê-lo num período não muito próprio então... me dêem uma chancezinha .q

E muito amor! ❤

Obrigada pelos 1250 favs e me desculpem se tem algum erro de digitação ou de corretor! Eu realmente não vi nada.

(E desculpem a capa zuada, ia ser uma cheia de mensagens subliminares e informações sobre a história mas tá tudo zuado aqui hoje .q mas tá tudo bom tbm .q)

Ps 2. O cap é no ponto de vista do Kook, achei que seria mais fácil assim, e vocês elogiaram e pediram mais disso no último, então eu fiz pela visão dele.

Capítulo 22 - Meninos


Fanfic / Fanfiction Maldito Skatista - Capítulo 22 - Meninos

ㅡ Eu nunca estive tão feliz como estou agora Kookie! ㅡ Falou rodopiando todo feliz enquanto saíamos pelo portão da escola, me arrancando alguns risos por conta da sua fofura.

ㅡ Gostou da noite? ㅡ Pergunto o fitando e passando um braço pela sua cintura enquanto andávamos.

ㅡ Siim! ㅡ Responde me olhando com um lindo sorrisinho de dentes que poderia me convencer a fazer qualquer coisa.

Ver Taehyung alegre, dando aqueles sorrisos quadrados bonitinhos era a minha nova definição de luxo.

Suspiro num riso leve e pisco para ele.

ㅡ Você vai dormir na minha casa hoje. ㅡ Aviso.

ㅡ Ahn, tudo bem! ㅡ Dá de ombros infantil.

ㅡ Você dorme quase sempre lá mesmo, nem sei porque estou avisando. ㅡ Caçoo.

Eita...

Assunto errado. Assunto errado!

ㅡ Falando assim eu fico envergonhado de ir Kookie... ㅡ Cruza os braços e seu rostinho assume uma expressão emburrada. Começou... ㅡ Já falei que não quero ser um peso, e nem ficar na sua casa o tempo todo como se morasse lá!

Merda, por que eu fui falar disso logo agora?

Meça suas babaquices, Jungkook.

ㅡ Aigoo, é brincadeira! ㅡ Digo forçando um tom divertido afim de concertar a birra que o mais velho fazia. Falhando em tentar tirar aquela cara amarrada dele mesmo quando baguncei seus cabelos. ㅡ Já disse que não é um peso, só disse que não preciso mais avisar que você vai dormir lá! Virou costume!

Opa

Por que eu sinto que não estou melhorando a situação?

ㅡ Costume!? E desde quando virou "costume" eu dormir na sua casa e por que você não me avisou que estava sendo inconveniente, Jungkook?!

ㅡ Aish!! Não seja mimado hyung! Você sabe que não foi o que eu quis dizer! ㅡ Me explico, vendo sua cara brava amenizar e voltar a ser apenas sua típica expressão infantil.

ㅡ Rum... não fale isso de novo!

ㅡ Não falarei! ㅡ Afirmo de prontidão. ㅡ Mimadinho.

Ele sorri e olha para os lados, já haviamos chegado na nossa rua e eu sabia que Taehyung era tímido o suficiente para checar todos os lados afim de ver se não estava sendo observado como antigamente.

Ao ver que estava deserta, ele sorri leve para mim e junta seu rosto do meu, me roubando um selo demorado.

ㅡ Mas eu ainda não vou pra sua casa.

ㅡ Como é que é!?

ㅡ Não vou. ㅡ Sorri irônico para mim e se desprende do meu meio-abraço, andando rumo ao seu lado da rua enquanto mexia no cabelo.

Ah, eu vou dar uns tapas nessa criança mais velha!!

ㅡ Hey! Você vai sim!! ㅡ Seguro seu pulso e bufo. Se ele quer ser implicante, eu vou ser mais ainda!! ㅡ Vamos, Tae. ㅡ Mando sério.

ㅡ Não, não, não! ㅡ Me mostra a língua. ㅡ Por que ao invés de eu ir pra sua casa, VOCÊ não vem pra minha casa?

Bufo mais alto ainda e o puxo de encontro a mim, circulando meus braços ao seu redor.

ㅡ Você gosta de provocar em tudo não é? Só pra me ver pedindo. ㅡ Falo levando meu rosto à curva de seu pescoço e distribuindo beijos pela pele levemente morena, notando um arrepio da sua parte. Sabia que era sensível aí. ㅡ Vamos... ㅡ O aperto.

ㅡ N-não.. ㅡ Apoia as mãos em seus ombros e joga a cabeça para trás, se deixando ainda mais exposto para mim. ㅡ A-ah, não!! ㅡ Me empurra.

ㅡ Tsc. Você está difícil hoje! ㅡ Exclamo.

Ele ri.

ㅡ Por que você não vem pra minha casa ao invés de eu ir na sua? ㅡ Repete.

ㅡ Porque eu quero tirar essas roupas formais e as minhas roupas estão na minha casa! Você pode vestir as minhas lá também! ㅡ Minto. Só tinha vergonha de ir lá mesmo.

Tem roupas suas na minha casa que eu já usei antes, Jungkookie. Você veste elas quando chegar lá.

ㅡ Ah... ㅡ Coço a nuca. Merda. Mas que insistência nisso! ㅡ Mas é indelicado né. Eu que tenho que te trazer pra minha casa, e não ir pra sua importunar lá.

ㅡ HÁ! Você não quer ir!

ㅡ Não é isso!! ㅡ Bato o pé irritado.

ㅡ Não estou nem aí! Você pode vir comigo pra minha hoje e dormir lá, levando em conta que você nunca dorme lá mesmo. Ou... ir sozinho para a sua, e nos encontramos amanhã. Porque eu não vou.

Maldito...

Budista maldito!

.

.

.

ㅡ Cadê sua mãe? ㅡ Pergunto baixo, olhando seu rosto iluminado apenas pela luz fraca da TV.

ㅡ Ela tá dormindo Jeon! ㅡ Responde apressado e coloca mais um punhado de pipoca na boca, dando atenção total ao filme que havíamos colocado.

Correção, filme que TAEHYUNG tinha colocado, e me convencido a assistir porque era romântico. Ele me convence de tudo mesmo.

Infelizmente ele não pôde me convencer a gostar também.

Checo o relógio do celular, vendo que era 1:21 da madrugada. Era bem óbvio que todo mundo nessa joça estaria dormindo.

ㅡ Tá falando com quem? ㅡ Ele pergunta pondo mais uma pipoca na boca, mas eu nem havia visto ele desviar o olhar para mim.

ㅡ Por que quer saber? ㅡ Provoco jogando o celular de volta na mesinha.

ㅡ Kook! ㅡ Cruza os braços e faz beicinho, virando seu olhar diretamente pra mim pela primeira vez desde que aquele filme chato começou.

Estou me segurando pra não rir alto e acordar a casa.

Parece que temos um ciumento aqui.

ㅡ Só olhando as horas, anjinho.

ㅡ Mentiroso.

Sorrio.

ㅡ Eu juro. ㅡ Digo levanto minha mão até sua cabeça e fazendo cafuné enquanto mexia nos seus fios.

Ele parece se tranquilizar.

ㅡ E quantas horas são? ㅡ Pergunta baixinho.

ㅡ Quase uma e meia ㅡ Falo ㅡ Quer subir pro quarto?

O loiro parece pensar um instante e logo suspira.

ㅡ Eu queria terminar de ver o filme...

Reviro os olhos.

ㅡ Você é um fofo. ㅡ Falo tirando a destra do seu cabelo e levando até sua cintura, me aproximando de si e juntando nossos lábios num beijo calmo. ㅡ E eu não aceito te dividir com a televisão. ㅡ Sussurro entre o mesmo. ㅡ Tem que ficar comigo.

O maior suspira novamente, agora de forma diferente porque estávamos nos beijando e começa a me retribuir após alguns segundos, me deixando explorar sua boca por completo e dando toda sua atenção para mim. Porque a minha atenção era toda para ele.

Passo o outro braço ao seu redor, o puxando para mim e juntando nossos corpos num abraço carinhoso enquanto sentia o beijo ficar um pouco mais quente.

ㅡ Gukk-ah.. ㅡ Grunhe baixinho, apoiando suas mãos em mim antes de eu inverter as posições e o colocar deitado no sofá comigo por cima. ㅡ Gukk... não...

ㅡ Sim ㅡ Falo sussurrado, juntando meu quadril ao seu bumbum e o vendo imediatamente passar suas pernas pelo meu tronco com pressa.

"Você gosta de provocar em tudo não é? Só pra me ver pedindo"

Taehyung gosta de saber quando desejam ele.

Errado... e-errado.. ㅡ Resmungava manhoso, sem nem vergonha de fazê-lo ao mesmo tempo em que deixava seu pescoço livre pra mim e se remexia como podia para esfregar seu corpinho no meu.

Volto a levar as mãos até sua cintura fininha, apertando toda a região com precisão enquanto subia sua blusa na mesma altura e distribuía beijos pelo seus ombros.

ㅡ Shh.. ㅡ Mordo de leve a pele clara por cima do pano e mexo os quadris contra si como se tivesse investindo devagar nele, ouvindo-o gemer manhoso abaixo de mim. ㅡ Você não consegue nem disfarçar.

O vejo arquear as costas, apenas para poder colar mais em mim e rio baixo do seu jeitinho.

ㅡ Gukk-ah ㅡ Chama.

ㅡ Hm? ㅡ Volto à dar atenção aos seus lábios para poder olhá-lo enquanto aguardava sua resposta.

ㅡ F-fica sem camisa.. ㅡ Pede manhoso enquanto leva sua boca timidamente ao lóbulo da minha orelha e começa à dar mordidinhas ali, me fazendo arrepiar quase que instantaneamente.

Levanto meu corpo, ficando ajoelhado no sofá rapidamente para poder atender seu pedido e sendo acompanhado atentamente pelos olhos do loirinho que parecia ansioso, logo voltando a me deitar por cima dele quando retiro a peça, retomando meu trabalho dos beijos em seu pescoço.

ㅡ Assim, amor? ㅡ Pergunto retórico rindo baixinho quando ele geme em resposta para mim e passa as mãos timidamente pelo meu tronco.

Abro os botões do seu jeans também, descendo o zíper junto e o retirando em seguida com alguma ajuda de sua parte. Taehyung volta à passar as pernas ao meu redor e eu o puxo para se sentar no meu colo daquela mesma forma, atacando seus lábios com intensidade enquanto sentia ele se mexer com vontade em cima de mim.

ㅡ A-ah... isso é tão gostoso ㅡ Fala separando as pernas o quanto podia agora e remexendo seu corpo pra frente e pra trás bem em cima do meu volume, intenso o suficiente pra me fazer gemer rouco e segurar sua cintura com força, o impedindo de se mexer daquele jeito antes que acabasse me fazendo gozar antes mesmo que começássemos a transar.

Porra...

ㅡ P-para de fazer barulho! ㅡ Peço meio tenso devido aos seus gemidos e tentando controlar os meus. ㅡ E-e de se mexer assim... ㅡ Murmuro me sentindo tão duro que poderia explodir.

ㅡ Você quem começou.. ㅡ Acusa infantil, trazendo seus lábios para meu pescoço e ombros novamente enquanto passava as mãos por todo meu peito e barriga como se estivesse explorando todo território.

Eu estava o segurando, mas Taehyung estava sem calça e havia me encaixado de propósito bem aonde eu podia sentir que era a sua entradinha, rebolando como podia ali em cima de mim, bem para me fazer tocá-lo como queria.

Eu não imaginava que seria tão sensualmente torturante assim.

Subo rapidamente as minhas até a barra de sua blusa, agora à subindo para tirar e deixando quase todo seu corpo exposto para mim.

ㅡ T-tira essa calça! ㅡ Pede apressado quando voltamos a nos beijar e aperta suas unhas curtinhas de leve em meu peito de forma impaciente.

Eu estava tão ansioso quanto si.

Seguro seus fios por trás da cabeça e mordo seu lábio inferior com certa urgência quando ele desce a mão até o meio de minhas pernas e segura meu falo com a mesma.

Isso... ㅡ Murmuro desconexo abrindo rapidamente o botão da peça incômoda e ficando surpreso quando ele me ajuda, descendo do meu colo e se ajoelhando entre minhas pernas no sofá enquanto puxava pra baixo a calça jeans.

Seus olhos brilham de malícia ao olhar pro meu volume que quase chamava por ele e logo trata de voltar sua mão até o local, alisando toda a extensão do meu membro antes de perder a paciência e descer a cueca apressado.

Não é como se nunca houvessemos ficado sem roupas um na frente do outro ou nos tocado intimamente por alguns instantes.

ㅡ Pode? ㅡ Ele pergunta com a mão bem próxima do meu membro.

Tsc, como eu havia pensado que meu anjinho faria tudo pela primeira vez como se nem sentisse vergonha?

Ele estava tão tímido quanto safado.

ㅡ Pode ㅡ Respondo segurando sua mão com as minhas e a levando até ali, vendo ele passar a língua pelos lábios quando fecha a mesma ao redor do meu pau e logo iniciando uma masturbação rápida.

ㅡ E-e... fazer mais coisas? ㅡ Pergunta quase no mudo de vergonha.

Nunca realmente havíamos chegado nessa parte.

ㅡ Eu sou seu namorado. Você pode fazer o que quiser quando estiver comigo ㅡ Rio fraco enquanto fazia carinho pelos seus fios claros, o tranquilizando e logo trazendo o nervosismo para mim, apertando a mão em seu cabelo com força quando ele leva a boca ao meu pau e o engole duma vez. ㅡ C-caralho, Taehyung!!

Taehyung só podia ter treinado com alguma coisa pra fazer aquilo tão bem pela primeira vez, meu deus!!

Ele chupava rápido, passando a língua por toda a extensão e parava as vezes só para me masturbar rapidamente enquanto aproveitava para me olhar com o rosto bem pertinho dali e ver a minha reação para consigo, enlouquecendo por causa dele.

O maior parece corar por um instante, logo voltando a ignorar sua vergonha e tentando por meu membro todo na boca de novo a medida que me chupava com vontade.

Quando senti que estava próximo do meu limite o afastei de mim, puxando seu cabelo sem muita força e o forçando me olhar. Apenas sorri ao ver seu rostinho angelical, loirinho e com lentes azuis agora todo bagunçado e com a boca toda melada de pré gozo.

Um anjinho malicioso.

Meu hyung era lindo.

Passei o polegar por seus lábios por um instante antes de pegá-lo quase que no colo, num abraço antes de o conduzir até ficar deitado no sofá abaixo de mim novamente, onde tirei sua última peça de roupa e me deitei em cima de si, abrindo bem suas pernas.

ㅡ Guk... ㅡ Me olha acanhado.

Apenas sorrio e dou um selinho em seus lábios.

ㅡ Calma. ㅡ Tranquilizo, levando meus dedos com cuidado para seus lábios, num pedido mudo para que os chupasse. ㅡ Você vai gostar.

Ele parece entender o pedido e coloca três na boca, os chupando da mesma forma que havia feito comigo e fazendo meu membro doer de vontade de fode-lo logo.

Taehyung era tão ingênuo e sexy ao mesmo tempo..

Quando vejo que já estavam molhados o suficiente, os retiro de sua boca e os substituo pela minha, enquanto descia a mão até seu bumbum durinho e o apertava com força, explorando a carne macia antes de descer e colocar um dedo ali, ouvindo o mais velho gemer alto e abafado contra o beijo.

Desço meus beijos até sua orelhinha afim de acalmá-lo e deixá-lo menos eufórico -embora fosse quase impossível, pois ambos estavamos ansiosos igual- e insiro bem devagar o segundo dedo, o sentindo se mexer extasiado em baixo de mim.

ㅡ Dói? ㅡ Pergunto fitando atento suas reações enquanto fazia um vai e vem lento com os dedos em si.

ㅡ Hm hm... ㅡ Aperta os olhos com força e balança a cabeça negativamente, me fazendo sorrir satisfeito e tentar introduzir o terceiro dedo antes de ser impedido pela sua voz. ㅡ N-não...

ㅡ Não vai doer. ㅡ Sussurro de prontidão no seu ouvido, baixo e rouco

Eu quero você.. dedos não, Gukk. ㅡ Geme arrastado propositalmente.

Aquilo pra mim foi o estopim, eu sentia que podia enlouquecer se não o fizesse meu logo. Me ajeitei com cuidado no sofá, e posicionei meu membro em si, o esfregando ali para lubrificar um pouco mais com o pré-gozo mas logo já estava quase todo dentro de si.

Ele geme bem alto meu nome, me fazendo querer ir duma vez mas eu não o faço. Passo as mãos pelo seu corpo e ele arqueia as costas, abrindo bem as pernas para mim e mantendo seus lábios entreabertos.

Dou um suspiro pesado ao me ter metade dentro dele, sentindo um prazer muito grande só por estar dentro de si com seu interior pressionando meu membro por ser sua primeira vez, sabia que quando começasse a me mover seria ainda mais extasiante.

Levo as mãos até minha nuca afim de tirar a minha correntinha incômoda, mas o loiro me olha afoito e coloca uma mão sobre meu braço sem força.

ㅡ N-não tira... ㅡ Pede entre gemidos. ㅡ Você fica tão gato assim. ㅡ Joga a cabeça pra trás, gemendo enquanto mexia seus quadris para esfregar meu membro em seu interior enquanto eu estava parado apreciando suas reações.

Sorrio de canto, largando a tal corrente de prata quieta em meu pescoço e voltando à dar atenção ao que importava, apoiando ambas as mãos como podia no sofá e terminando de entrar em si, ouvindo um som arrastado sair dos seus lábios que eu tive que lhe beijar para que não saísse tanto barulho como estava fazendo.

Eles me excitavam o suficiente para me fazer querer fode-lo a noite toda apenas para ouvir gemendo pra mim, mas eu sabia que teríamos problemas se alguém aqui os ouvisse também.

ㅡ Tá gostando? ㅡ Questiono baixo levando uma mão até suas coxas, apertando com força e passando pra parte interna das mesmas enquanto sentia a sua ao lado da minha, iniciando uma masturbação rápida em seu próprio membro.

ㅡ M-mais, mais forte Guk.. ㅡ Pede quase em súplica enquanto batia com a direita e passava seu braço esquerdo pelo meu pescoço num abraço desajeitado, apertando ainda mais suas pernas ao meu redor quando eu acato seu pedido e passo a meter com força dentro de si, notando seus gemidos ficarem cada vez mais altos. ㅡ Assim, aish, mais, mais! ㅡ Pedia quase em descontrole, me fazendo dar uma última mordida em seu lábio antes de levantar meu corpo e deixar o loirinho gemer na altura que quisesse enquanto eu agarrava suas duas pernas abertas e passava a investir cada vez mais rápido.

Taehyung apertava os olhos, apertava suas unhas em mim e rebolava nos instantes em que não estava me olhando, a cada investida que eu dava mais ele parecia ficar fixo em mim e logo jogava sua cabeça pra trás, gemendo sem pudor e falando algumas besteiras que me deixavam prestes à chegar lá ali dentro dele, me pedindo para meter bem fundo.

A cada estocada que eu dava o loiro se contorcia abaixo de mim, mordendo os lábios com força enquanto segurava os próprios cabelos as vezes para que não caíssem nos olhos ou grudassem na testa.

Ele me chama com as mãos para que eu o beije e eu o faço, deitando novamente meu corpo por cima do seu sem parar de lhe estocar e capturando seus lábios enquanto ele passava os braços pelo meu pescoço num abraço apertado, quase como se seriedade aproveitando para controlar seu prazer enquanto se segura em mim.

Estoco mais algumas vezes até ouvir gemidos diferentes da sua parte, seu corpo estremece e ele chega ao orgasmo primeiro que eu, se contraindo ao redor do meu falo e me fazendo chegar lá também quase que em seguida.

ㅡ A-aish ㅡ Suspiro cansado, passando a me mover lentamente dentro dele até parar, tentando retomar minha respiração ㅡ Você dá trabalho. ㅡ Brinco mordendo seu ombro fraquinho e caindo cansado.

ㅡ H-hmm.. ㅡ Grunhe manhoso, apertando seu abraço em mim antes de se soltar duma vez, com o corpinho mole de cansaço. ㅡ Que vergonha! ㅡ Tampa o rosto com as mãos, me fazendo rir.

ㅡ Não estava com vergonha alguns segundos atrás. ㅡ Digo tirando suas mãos do seu rosto com as minhas e dando um beijo suave em seus lábios. ㅡ Safadinho.

O mais velho cora, olhando pros lados envergonhado e logo volta a olhar para mim.

ㅡ Kook...

ㅡ Hm?

ㅡ Eu amo você...

Sorrio.

ㅡ Cuidado pra não engravidar hein? Eu sou muito novo pra ser pai! ㅡ Brinco rindo.

ㅡ I-idiotaa! ㅡ Resmunga me fazendo rir mais ainda, apenas passo os braços ao seu redor, tentando o pegar no colo e me assustando quando ele arregala os olhos e prende as pernas ao meu redor de novo. ㅡ V-vamos fazer mais uma vez!? ㅡ Pergunta eufórico.

Não ria alto, Jungkook. Não ria alto.

ㅡ Bem... ㅡ Aproveito que suas pernas estavam ao meu redor e já me levando, segurando o magrinho junto a mim enquanto andava rumo as escadas. ㅡ Eu estava pensando em te levar pro quarto, já que a sua mãe pode pegar a gente se dormimos aqui na sala. ㅡ Digo andando e o encosto na parede quando chegamos no pé da escada. ㅡ Mas se você quiser fazer de novo lá, podemos fazer a noite toda. ㅡ Selo nossos lábios.


Notas Finais


Gente eu estou com VERGONHA
Porque eu não sou uma pessoa PORNOGRÁFICA

Pornográfico é o Taehyung, reclamem da safadeza com ele .q

Vocês gostaram amores? Eu achei bem soft ksjdjszjwnsieh

GENTEEEEEEEEE EU SEI QUE VOCÊS ODEIAM COMENTAR CAP DE LEMON PQ A GENTE FICA COM VERGONHA? FICA!

MAS COMENTEEEEEEMMMMM EU AMO MT FALAR COM VCS VAMOS FALAR DE SEXO DE FIC DO FATO DO JUNGKOOK AINDA NÃO TER DITO CERTAS COISAS GENTE COMENTA
/Surta

Eu amo mt vcs .q

Bjin

/vergonha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...