História Meus dias com você - Mileven - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Eleven (Onze)
Tags Fillie, Finn Wolfhard, Mileven, Millie Bobby Brown, Stranger Things
Visualizações 287
Palavras 872
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi, gente! Estou MUITO feliz com todos os comentários e favs que recebi. Isso me motiva d+ a continuar escrevendo (digitando), obrigada mesmo! xoxo
💜💜

Capítulo 2 - Vai falar pro Hopper?


Fanfic / Fanfiction Meus dias com você - Mileven - Capítulo 2 - Vai falar pro Hopper?

- El.- Mike me diz fazendo com que eu vire para ele, já tinhamos terminado de ver o filme, estávamos no porão ainda.

- Oi, Mike.

- Você me ama?- Ele diz em disparada. Pelo que eu sei amar é quando você quer a pessoa perto, ela te protege, cuida de você, vocês se sentem bem e fazem aquilo, "beijar". Eu acho que é exatamente o que o Mike sente por mim, né? 

Eu sinalizo para Mike se sentar ao meu lado, em minha cabana.

- Eu te amo muito. Essa é uma das únicas coisas que posso ter certeza em dizer, eu te amo Mike.

- Eu também te amo, el.- Ele disse e me beijou denovo.- Então, eu acho que devemos oficializar isso. El, você quer ser minha namorada?- Ele diz sem me olhar, eu não entendo o motivo, ele está corado e meio contraído.

- O que é namorada?- Eu digo olhando fixamente para ele.- Me olha, Mike.

- Namorar é quando, você sai com a pessoa amada,  ela é mais que sua amiga, diz para os outros que estão juntos, se amam MUITO e  é comum você beijar o outro, e você só pode fazer isso com o namorado.- Ele diz agora olhando para mim, porém bem vermelho. Ele fica tão lindo assim.

- Eu achei que já era comum nós fazermos isso.- Digo não compreendendo.

- Nos beijar?- Mike diz segurando em minhas mãos.

- Sim.

- Apenas para nós. Temos que oficializar para pordermos sair juntos e beijar. Aí as pessoas também entenderiam, amigos não se beijam.

- Ah.- eu digo, estou começando a entender.- Sim, eu aceito namorar com você.- Digo para Mike então beijo ele por um tempo.

- Por que fez isso?- Ele diz corado.

- Porque somos namorados, namorados se beijam.- Eu vejo um sorriso bobo sair no rosto de Mike e eu retribuo o sorriso.

- Agora é o problema, el. Temos que contar para seu pai.- Ele diz. Pelo rosto já sei que está tentando bolar algum plano.

- Ué, por quê problema?- Eu digo pensativa.

- Porque muitos pais não gostam de ver os filhos namorando com 13 anos.- Eu adoro quando Mike me explica as coisas, ele tem paciência comigo, muitas pessoas me tratam como uma "Esquisitona da Maple Street" mas Mike, ele é diferente, ele sabe que eu não sou "normal", mas sempre conversa comigo como fala com meus amigos, ou até fala melhor.

- Ah, entendi. Que tal contarmos para nossos pais hoje a noite? Com um jantar.- Digo e vejo a expressão de Mike mudar completamente.

- Ótima ideia, El!- Eu abri um sorriso do tamanho do mundo e ele riu um pouco.

 

 

 

 

 

 

 

- Mãe, que tal você chamar o Jim para jantar conosco?- Diz Mike ao lado de Karen. Ela está vendo tv, com Holly ao seu lado. 

- Ok, ok. Mas dá licença.- Ela diz fazendo com que Mike bufasse irritado e saísse da sala, apenas o segui.

 

 

 

- Bom, el. Está tudo certo, eu estou com um pouco de medo.

- Deixa que eu falo também, ele vai entender.- Digo sorrindo e tentando tranquilizá-lo.

Meu pai é muito legal, mas ele é muito rigoroso, sempre com aquelas regras chatas e tarefas de castigo. Se Mike falar sozinho, Hop vai surtar e vai me deixar presa denovo."Pelo seu próprio bem", ele diz sempre. Mas não existe bem longe de Mike.

 

 

 

 

 

 

 

Din Dong.

Mike abre a porta e meu pai está lá.

- Olá, sr. Hopper. Muito obrigada por vir, minha mãe fez Macarrão a bolonhesa.- Mike está nervoso.

Meu pai comprementa e vem me abraçar.

- Oi pai.- Digo depois do longo abraço.- Como foi o trabalho?

- O mesmo de sempre, nada.

 

Então todos nos dirigimos a mesa e eu fiquei de frente pro Mike, a comida estava deliciosa e Wheeler fez um sinal de que começaria a falar.

- Precisamos dizer uma coisa importante para vocês.- Mike passou de nervoso para MUITO nervoso e ele suava sem parar.- É que...

- Estamos namorando.- Completo e Mike apenas assenti.

- O que?- Diz meu pai.

- É isso. Ele me ama, eu amo ele e amigos não se beijam, então nós resolvemos começar a namorar.- Digo, para mim tudo é tão simples, as outras pessoas compicam demais.

- El, você sabe que não é assim tão fácil, né?- Meu pai diz um pou irritado, mas se contendo.

- Eu juro que iremos seguir suas regras, mas por favor, pai. Eu já fiquei tanto, tanto tempo longe dele e você sabe nós nos amamos, por favor iremos obedecer você. É uma promessa.

- Sim, sr. Hopper, iremos seguir as regras e horários que você decretar, mas por favor, eu amo a el. Como nunca amei NINGUÉM.- Mike está implorando para meu pai.

- Ok. Se os Wheeler concordarem... mas saibam, eu serei muito rigoroso nesse contexto.

- Por nós tudo bem.- Diz Karen falando por ela e por Ted.

- Obrigado. Eu tenho MUITA sorte por ter alguém como a el.

- Eu te amo Mike.- Digo e me aproxima dando um selinho em Mike.

- Primeira regra. Nada de beijos na minha frente.- Diz meu pai tentando se manter sério mas falhando. 

 

 


Notas Finais


Foi isso!! Beijos, diga o que achou se puder. 💜💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...